segunda-feira, 5 de outubro de 2015

.: "A Fazenda 8": afinal, o que é ser homem para Marcelo Bimbi?


Por Helder Miranda
Em outubro de 2015

Marcelo Bimbi disse que é o único homem nesta edição de “A Fazenda”. Mas afinal, o que é ser homem para ele? É ser truculento e tratar outra mulher como se fosse um lixo, como vem mostrando a quem quiser assistir um vídeo postado na internet? A máscara do modelo vem sendo desmontada aos poucos, principalmente quando conquistou na sorte o cargo de fazendeiro e ficou ameaçando de colocar na berlinda todos os que o incomodassem.

A própria modelo Veridiana Freitas, que não é bem um exemplo de comportamento e originalidade dentro da casa, tratou de mostrar para fora quem Marcelo realmente é. “Você puxou meu cabelo?”, questionou ela durante a segunda festa, após dar uns beijos nele. Ele tratou de negar, disse que se enganou, mas o que ele estava tentando era lançar mão da truculência para passar a imagem de macho-alfa. E quando disse que era “o único homem da casa” desmereceu a todos. Porque, vamos combinar que, se quer passar essa imagem, primeiramente deveria dar um jeito naquele topete ridículo em que ele não para de mexer. 

Thiago Servo, que na verdade não tem esse nome (vi, recentemente, numa entrevista de Thaeme no programa “The Noite”) ganhou poucos pontos comigo quando o colocou no lugar. “Não sou amigo de quem acha que não sou homem”, ele disse. Marcelo tentou argumentar de alguma maneira, dizendo que era uma brincadeira, mas Thiago disse que era uma brincadeira sem-graça, o que de fato é, e vou além, uma brincadeira que desmerece a todos e o enaltece. 

Não acredito que um participante assim siga longe, o que não deixa de ser um alívio. Pessoas assim, do alto de seus egos inflados, são as que se perdem muito antes de alguém fazer isso por elas, tentando desestabilizá-las. Marcelo menospreza os oponentes de maneira nunca antes vista em uma edição de “A Fazenda”. Tem profundo desprezo pelos participantes masculinos e, mais ainda, pelas mulheres da casa. 

Já Thiago, após vencer a berlinda com Amaral, volta com ares de campeão. Um campeão precipitado, dito por ele mesmo que, sem falar nada, mas pelas atitudes que vem demonstrando, se autoproclamou assim. E com isso vem exagerando no sotaque, na fala mansa, no “amor” desesperado, verdadeiro e profundo com a ex-“Panicat” Minerato, com quem já ficou algumas vezes fora do confinamento... Ah, gente... Compra quem quer!  A dupla, aliás, encontrou o script perfeito para tentarem arrebatar o público.

Minerato vem imitando Íris Stefanelli, participante da sétima edição do "Big Brother Brasil", seja exagerando no sotaque caipira, seja sendo a ogra romântica, seja no visual. Mas bastou a segunda festa para deixar a sua verdadeira natureza se mostrar diante das câmeras. Dançou de calcinha, beijou mulheres... Thiago, mais uma vez, tirando toda aquela carcaça de personagem, agiu certo. Mas ambos sabem que tanto um, quanto o outro, são necessários para o jogo mesquinho que estão fazendo, de enganarem parte do público em troca de uma vitória. Como muitos sabem, o verdadeiro vencedor não é aquele que ganha em si, mas o que consegue capitanear para si o afeto do público. Valesca Popozuda, vinda de uma edição em que efetivamente não brilhou, é a única que, de fato, teve uma sobrevida – de sucesso – fora de “A Fazenda”.

Mas voltando aos scripts, Veridiana, coitada, segue tentando ser Nicole Bahls ou a própria Andressa Urach e em Lorena Bueri.Busca o conflito pelo conflito. Tornou Mara um desafeto sem que ela tenha feito absolutamente nada contra ela para... render edição? O que foi aquela cara de doida, enquanto peitava Thiago Servo, e o falava “verdades” na cara dele? “Quero ver você e Mara no banquinho da roça!”, desafiava ela. Até Mara, apagadinha diante de todas essas baixarias, consegue ser o centro das atenções. Mas o foco deixou de ser ela que, certa, não se envolve naquelas bobagens de ficar nadando de calcinha e encenando putarias para aparecer na edição. Essa fala de Veridiana a Thiago Servo, que até elogiou a postura da ex-apresentadora infantil, demonstra uma coisa: todos, absolutamente todos, estão com medo de enfrentar Mara em uma possível berlinda.

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.