sexta-feira, 2 de outubro de 2015

.: Superloft e "10 mil psicodélicos: A Exposição da Psicodelia Brasileira"

Evento acontece neste sábado, 3 de outubro, em São Paulo


Neste final de semana, o complexo multicultural Superloft recebe a inauguração da exposição “10 MIL PSICODÉLICOS: A EXPOSIÇÃO DA PSICODELIA BRASILEIRA”, apresentado pela comunidade PSICODELIA BRASILEIRA – que conta com mais de 10 mil integrantes conectados desvendando nosso passado, presente e futuro psicodélico brasileiro através da música, artes e história a partir do resgate desde o dos anos 60 até o fenômeno da reinvenção feita nos dias de hoje, 50 anos depois.

Serão exibidas 100 peças selecionadas a partir do conteúdo gerado no coletivo da Psicodelia Brasileira, grupo que apresenta imensa atividade desde seu início há quatro anos, tendo acompanhado e motivado o surgimento e descobrimento de bandas, artistas, festivais, escritores, lançamentos e raridades, resumidos nessa exposição sobre o tema “Resgate & Reinvenção” da cultura psicodélica brasileira.

A exposição será interativa, pois permitirá que o público acesse também a obra no ambiente virtual onde poderá se aprofundar acessando os comentários, autores e principalmente poderá participar deixando seu comentário e estender sua rede de amizades, utilizando tecnologia WI-FI e QR Code (link), para estabelecer essa conexão de inclusão a esse universo cultural da Psicodelia Brasileira.  

O grupo Psicodelia Brasileira completa quatro anos de existência e caminha para sua terceira exposição, com mais um tema novo e diferente, alcançando crescente popularidade na grande mídia e participação em grandes festivais de rock atuais, como no Banana Progressyva 2015, que está sendo realizado em 10 edições com datas até o final deste ano.

A cultura da psicodelia sempre se mostrou influente nos movimentos jovens desde seu aparecimento há 50 anos, através de sua exuberância artística e musical em plena sintonia com movimentos importantes, como os promovidos pelos hippies, ambientalistas, surrealistas, da cena do rock, entre outros; perpetuando sua existência com muita criatividade e reinvenção, mediante as mobilizações culturais embrionadas nas redes sociais da nossa contemporaneidade, criam vida além do virtual, integrando toda uma cena espalhada pelo Brasil em um encontro real, esta exposição, mostrando-se de extrema importância para o desenvolvimento das novas gerações.

A curadoria é do pesquisador Fabricio Bizú, que faz reedições de cartazes de shows psicodélicos brasileiros assim como de discos raríssimos deste gênero, fazendo questão de não guardar apenas pra si, mas por conta disso, abrindo uma porta para a descoberta de antigas e novas produções que traduzem-se em exposições, discotecagens e vídeo projeções, em busca de proporcionar uma reinvenção da psicodelia brasileira.

 Programação

16:00hs – Coquetel de Abertura da Exposição “10 MIL PSICODÉLICOS: A EXPOSIÇÃO DA PSICODELIA BRASILEIRA” com projeção de vídeos e música.

18:00hs – Encerramento do coquetel.

18:00hs – A exposição ficará aberta para o prosseguimento das atividades do Superloft com mais uma edição do Festival Banana Progressyva 2015, e atração musical: BULA

Sobre Superloft: Dedicado exclusivamente à promoção e disseminação da cultura e do entretenimento urbano, o complexo é a nova sede do NAU.BR e apresentara ampla agenda de eventos musicais, gastronômicos e exposições. A superestrutura montada com 34 contêineres marítimos constituem a maior edificação de caixas metálicas montada no Brasil.

“A proposta deste equipamento cultural transcende sua destinação como ferramenta polarizadora e de promoção da cultura e do entretenimento urbano. A vida urbana seduz o ser humano, mobilizando aqueles que buscam a paradoxal convivência coletivo-individualista, frenética, difusa, atemporal e efervescente. Propomos-nos como um mosaico a ser construído a partir da visão dos artistas, dos visitantes, das atividades promovidas, e que traduzem a vivência na Metrópole através das diversas formas de expressão cultural. Uma intervenção urbana temporária em grande escala, fundamentada na disseminação da cena underground”, define o Diretor Geral do SUPERLOFT, Alex Tessitore.

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.