segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

.: Os mesmos pés inchados, por Mary Ellen Farias dos Santos

Por: Mary Ellen Farias dos Santos
Em dezembro de 2015


Lavei as mãos após dar o fim merecido. Fora apertado até a morte, antes mesmo que conseguisse sugar o sangue de quem vos fala. Aquela que já perdeu as contas de todos os banhos que tomou neste dia quente. Quem está com a alergia atacada por ficar exposta ao "produto mágico" de um ventilador. Passar calor é para os fracos, o negócio é suar e espirrar desesperadamente.

De repente, ao entrar no banho por mais uma vez, a mente funciona freneticamente, pois o espirro dá uma trégua. Lembro de que precisamos entrar em contato com a Comgás mais uma vez. Embora, na última vez, o recado tenha sido bem claro: Não ficamos em casa! A empresa terceirizada simplesmente decidiu vir aqui quando, obviamente, não tinha ninguém. Sim! O serviço iniciado há mais de um ano não foi finalizado. A instalação do chuveiro... Aqui, ninguém sabe. Ninguém viu.

Assim, penso nos diários que preciso fechar, pois tenho o hábito de fazer tudo à lápis. Por sorte, só faltam dois deles. Lembro da seleção de exercícios para a aula de revisão, além da resenha dos dois episódios finais do seriado "Scream Queens". E as camisetas que preciso costurar para as bonecas? Tudo isso vai precisar esperar até amanhã.

Ao fim do dia, olho para aqueles que parecem ter pele elástica. São apenas os meus pés inchados que só esperam o momento do descanso merecido. Que venha um novo dia luta!


* Mary Ellen é editora do site cultural www.resenhando.com, jornalista, professora e roteirista, além de criadora do www.photonovelas.com.br. Twitter:@maryellenfsm
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.