segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

.: São Vicente: Mostra “Ingredientes” é estendida na Casa Martim Afonso

Sucesso de público, a mostra segue até 28 de fevereiro
           

Com o sucesso de público desde sua estreia em São Vicente, a mostra ‘Ingredientes’, da fotógrafa Zaida Siqueira, segue até 28 de fevereiro na Casa Martim Afonso (Praça 22 de Janeiro, 469, Centro). Tendo como foco o panorama da produção artesanal de alimentos em várias regiões do país, a visitação gratuita ocorre de terça­-feira a domingo, das 9 às 17 horas.

Essa mostra complementa o ‘Cozinhas do Brasil’, projeto de livro e exposição realizado em 2007, cujo olhar está voltado para os hábitos e elementos do cotidiano doméstico brasileiro: “Comecei fotografando as cozinhas, o que despertou curiosidade pelo processamento dos ingredientes em locais onde ainda se tem contato direto com matéria básica da comida, extraída pelo próprio consumidor final. Os ingredientes típicos, arraigados à cultura, as tradições ancestrais relacionadas à extração, tudo isso me motivou a ir atrás desse conhecimento”, diz a fotógrafa.

Segundo ela, outro fator que a levou a ampliar o projeto foi a ignorância das pessoas em relação aos ingredientes presentes mesmo em comidas muito populares. “Nos centros urbanos, quase não se sabe que pão de queijo é feito a partir de mandioca, que é o ingrediente do polvilho, ou que maisena e fubá são feitos de milho”.

A exposição traz 120 imagens e 20 objetos. Foram retratadas sequências de procedimentos para a produção de farinhas, óleos, sal, açúcar, café, chocolate, condimentos e corantes, e também féculas de milho, de mandioca, de batata, de araruta, óleo de coco, de dendê, de buriti, de pequi.

Zaida construiu um mosaico fotográfico de plantas nativas do Brasil, encontradas em canteiros, como a ora­pro­nobis (rogai por nós, em latim), assim chamada porque costumava ser plantada atrás das igrejas. Beldroega, bredo, taioba, dente-­de-­leão, serralha, vinagreira, plantas de grande valor alimentar, “os nossos valiosos matos, ricos em nutrientes, infelizmente pouco valorizados”, integram a mostra.

As fotos foram realizadas em todas as regiões do país: “Tocantins, Mato Grosso, Rio Grande do Sul, Paraná, Amazônia, Nordeste, rodei tudo”, diz a fotógrafa, que retratou ingredientes de pratos típicos regionais, como o agrião­do­Pará, o jambu, “que faz dormir a boca”, usado no tacacá e no pato no tucupi.

Objetos, como cestos, gamelas e vidros, contendo diversos tipos de farinhas podem ser tocados. E processadores como tipiti, pilão e peneiras também poderão ser encontrados. “É uma experiência rica”, diz Zaida, “todos deveriam ao menos uma vez na vida produzir a própria comida, a farinha ou o óleo. A alegria e a comunhão fazem parte desse processo, que promove a convivência e está na raiz de muitas festividades”.

A mostra é uma realização do Governo Estadual por meio do ProAC e da Prefeitura de São Vicente por meio da Secretaria da Cultura, com patrocínio da Atlas – A Pastilha do Brasil, produção de DZ Produções Artísticas e apoio de Akzo Nobel.

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.