segunda-feira, 2 de maio de 2016

.: Mirian Goldenberg traz um novo olhar sobre o envelhecimento

Reconhecida por inúmeros trabalhos dedicados à análise do comportamento dos brasileiros, a antropóloga Mirian Goldenberg se debruça mais uma vez sobre a temática do envelhecimento. 

Autora dos livros “Bela velhice” e “Corpo, Envelhecimento e felicidade”, a escritora lança agora “Velho é Lindo”, uma coletânea de artigos que apresenta alternativas individuais e sociais para a construção de uma velhice mais plena.

O envelhecimento da população brasileira e as transformações sociais consequentes deste processo dão o tom dos textos apresentados no livro, que investiga, por exemplo, como a manutenção do corpo jovem ainda é uma preocupação central das mulheres do país e como os brasileiros lidam com questões de gênero e sexualidade na terceira idade. Um dos artigos dedica-se exclusivamente a um estudo aprofundado sobre os idosos de Copacabana, bairro cuja maior parte dos moradores tem mais de 60 anos de idade. 

“Velho é Lindo” traz também um artigo do sociólogo francês Vincent Caradec, referência na temática do envelhecimento; um sobre o resultado de uma pesquisa de mestrado em Sociologia e Direito da Universidade Federal Fluminense e ainda depoimentos de pesquisadores de mestrado e doutorado do programa de Sociologia e Antropologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro, onde Miriam leciona.

Por meio de diferentes perspectivas, os autores revelam que a velhice é uma fase da vida repleta de descobertas, de amizades, de liberdade e de quebra de paradigmas. O livro chega às livrarias neste mês de maio pela Editora Civilização Brasileira.

Sobre a autora
Mirian Goldenberg nasceu em Santos, litoral de São Paulo, e mora no Rio de Janeiro desde 1978. É doutora em Antropologia Social e professora do Instituto de Filosofia e Ciências Sociais da Universidade Federal do Rio de Janeiro. É autora de mais de 30 livros, que, juntos, já venderam quase 100 mil exemplares. Entre eles estão: "Toda Mulher É Meio Leila Diniz", "De Perto Ninguém É Normal", "Infiel - Notas de Uma Antropóloga", "Intimidade", "Por Que Homens e Mulheres Traem?"  e "A Bela Velhice". É colunista, desde 2010, da Folha de S.Paulo. 

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.