quarta-feira, 23 de novembro de 2016

.: TV Cultura exibe último episódio inédito da série "Novela - 65 Anos..."


A série "Novela – 65 anos de Emoções" leva ao ar neste domingo, 27 de novembro, a partir das 19h30, na TV Cultura, o último episódio, "O Presente e o Futuro". Três importantes jornalistas especializados em televisão, Cristina Padiglione, Flávio Ricco e Patricia Kogut comentam as mudanças trazidas pela evolução do gênero ao longo desse tempo e as perspectivas da novela para o futuro.


Em 1950, Assis Chateaubriand mandou vir do exterior 200 aparelhos de televisão e os espalhou pela cidade de São Paulo. Hoje, o Brasil tem mais de 200 milhões de habitantes e 200 milhões de aparelhos de televisão, além de outros milhões de computadores, celulares e tablets. No século 21, as novelas são vistas em todos esses equipamentos.

A teledramaturgia brasileira atingiu um elevado nível de sofisticação. Uma poderosa indústria de entretenimento envolve inúmeros profissionais: dramaturgos, atores, diretores, cenógrafos, figurinistas, escaladores de elenco, e uma enorme legião de técnicos das mais variadas especialidades.


Ao mesmo tempo em que os grandes ídolos das novelas continuam na ativa, levando emoções a milhões de pessoas, novos namoradinhos e namoradinhas do Brasil foram surgindo, e também se tornando ídolos. São as novas gerações de campeões de audiência. Ao longo do tempo, atores negros foram conquistando o protagonismo nas novelas. Casais inter-raciais já não são novidade na TV. O programa homenageia esses atores e atrizes que diariamente entram nos lares brasileiros.

No século 21, a TV Globo continua se mantendo na liderança em termos de teledramaturgia, mas outras emissoras de televisão também desenvolveram projetos importantes nessa área, como a Band, o SBT e a TV Record.

Hoje, as novelas brasileiras percorrem o mundo, levando os nossos costumes, as nossas paisagens e a nossa cultura para todos os continentes, com grande êxito. O Brasil não é mais só o país do carnaval e do futebol: é também o país da telenovela.


O programa tem reapresentação na sexta-feira, 2 de dezembro, às 22h, e é apresentado por Atílio Bari. Uma realização da TV Cultura em coprodução com Hermes Frederico.

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.