segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

.: A geleca que não temos e nem teremos

Por: Mary Ellen Farias dos Santos*
Em janeiro de 2017



- Quanto está a geleca?

Logo de cara, não entendi a busca de um item como aquele, ainda mais que o questionamento saiu da boca de uma menininha extremamente tímida, mas muito linda.

Embora tenha estranhado a pergunta, rapidamente, fiz um esforço. 

- Como?

A menina encolheu os braços, repetiu a pergunta bem baixinho e ela mesma respondeu, dizendo que não tinha, enquanto deu as costas em ágil saída.

De fato, até seria uma boa trabalhar com esse produto caso os planos não fossem outros. 


*Editora do site cultural www.resenhando.com. É jornalista, professora e roteirista. Twitter: @maryellenfsm

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.