segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

.: Como transformar o Brasil em um país leitor?


A leitura tem sido uma atividade prazerosa para o brasileiro? De acordo com a 4ª edição da Pesquisa Retratos da Leitura no Brasil, encomendada pelo Instituto Pró-Livro ao Ibope Inteligência, ainda se lê muito pouco no país. Apenas 56% dos entrevistados, em amostra que representa a população brasileira, são considerados leitores, ou seja, leram um livro inteiro ou em partes nos últimos três meses anteriores à pesquisa. Como mudar este cenário?

Pais e professores podem ajudar a reverter esta situação! A Retratos da Leitura aponta que o hábito de leitura dos pais tem forte influência na construção do hábito dos filhos. Dos respondentes, 33%, afirmam ter sofrido influência de alguém para começar a gostar de ler, sendo que deste total, 11% mencionam a mãe ou um responsável do sexo feminino como influenciador do gosto pela leitura; 7% dizem terem sido influenciados por um professor ou uma professora; e 4% dos entrevistados alegaram ainda que o pai ou o responsável do sexo masculino foi o influenciador. 

Entre aqueles que viam seus pais lendo também temos mais leitores que informam gostar de ler, o que reforça a importância desse exemplo no ambiente familiar.  É papel dos pais e da escola ajudar as crianças e jovens a enxergar o livro não apenas como uma obrigação escolar, mas como uma oportunidade de entretenimento e diversão.

Zoara Failla, coordenadora da pesquisa, declara: “Nossos jovens estão sofrendo uma exclusão perversa. Eles não sabem se gostam de ler porque não lhes foi oferecido esse cardápio. É preciso garantir a todos, por meio de políticas públicas, o direito ao acesso a livros de literatura de qualquer segmento, incluindo o juvenil, para que possam escolher o que ler. É preciso garantir, especialmente, o direito de compreender aquilo que leem. E lhes garantir o direito de experimentar. Que lhes sejam oferecidos espaços, encontros e práticas leitoras cativantes e mediadas. Que encontrem professores e bibliotecários, valorizados, capacitados e que gostem de ler literatura e de conquistar leitores, para que esses jovens brasileiros exerçam seu direito de serem despertados pelo prazer de ler”.

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.