sexta-feira, 14 de julho de 2017

.: Roger Waters – som espacial antenado com o mundo

Por Luiz Gomes Otero*, em julho de 2017.

Ex-integrante do Pink Floyd, Roger Waters lançou no início de junho mais um disco solo, depois de um hiato de 25 anos, que foi quebrado apenas por algumas turnês pelo mundo e por uma reunião do antigo grupo em 2008, no Live 8. O novo trabalho chama-se "Is This the Life We Really Want?" ("Esta é a vida que realmente queremos?").

Em sua carreira solo, Waters sempre vai soar como Pink Floyd. Por uma razão muito simples. Ele era a principal fonte de criação da banda desde que Syd Barrett saiu, no final dos anos 60. São dele os conceitos de álbuns fenomenais, como "Dark Side Of The Moon" e "Wish You Were Here", só para citar dois exemplos.

O seu novo trabalho foi pensado inicialmente para ser uma peça de rádio. Estão nele as manjadas vinhetas com diálogos interligando as faixas cantadas. Um truque muito usado na época do Pink Floyd, mas que continua fazendo todo o sentido nos dias atuais. Nigel Godrich, que já trabalhou com Radiohead e Paul McCartney, produziu e mixou o álbum com 12 novas músicas.

Em entrevista para a revista Rolling Stone, Waters declarou que o disco contém “comentários inabaláveis sobre o mundo moderno e os tempos incertos”. Tempos incertos por causa dos problemas espalhados pelo mundo afora. Donald Trump é apenas um deles.

Os singles escolhidos para divulgar o álbum foram "Deja Vu" e "Smell The Roses", ambos com a aura Floydiana na produção. O vocal de Waters continua soturno e direto. Sem meias palavras. Gostei muito de "Picture That", cujo arranjo dá uma pequena acelerada em direção ao rock básico.

A faixa que deu título ao disco ("Is This the Life We Really Want?") também segue no clima espacial, com várias citações contra o caminho atual que o mundo está seguindo. A faixa "Wait for Her" foi inspirada em uma tradução do poema “Lesson From the Kama Sutra (Wait for Her)” do escritor palestino Mahmoud Darwish.

Se você curte o Pink Floyd, pode ouvir o novo disco de Roger Waters sem qualquer receio. Talvez você fique até com uma ponta de saudade do antigo grupo, mas certamente irá gostar de conferir o trabalho de um dos mais importantes músicos da história do rock.



"Is This The Life We Really Want?"

 "Smell The Roses"

 "Deja Vu"

*Luiz Gomes Otero é jornalista formado em 1987 pela UniSantos - Universidade Católica de Santos. Trabalhou no jornal A Tribuna de 1996 a 2011 e atualmente é assessor de imprensa e colaborador dos sites Juicy Santos, Lérias e Lixos e Resenhando.com. Criou a página "Musicalidades", que agrega os textos escritos por ele.




← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.