sábado, 26 de agosto de 2017

.: Ana Sucha mostra seus diversos talentos em disco de estreia


Por Luiz Gomes Otero*, em agosto de 2017.

Ana Sucha é uma jovem cantora, compositora e multi-instrumentista. E apesar do pouco tempo de estrada, sua originalidade e talento a levaram para palcos dentro e fora do Brasil. Depois de passar uma temporada na Holanda em 2016, ela gravou o seu primeiro disco, intitulado “Inês”, com produção de Eugenio Dale. Um trabalho cujos temas das canções tratam de suas vivências enquanto “ser mulher”.

Ao lado de Eugenio Dale, Ana Sucha toca praticamente todos os instrumentos no disco. E nos shows não é diferente. Com auxílio de pedais de looping e efeitos, ela grava os instrumentos ao vivo, na frente do público, formando uma banda de uma pessoa só no palco.

O disco é autoral. São dez faixas dotadas de talento, sentimentalidade, ironia e boas doses de diversidade musical. Ela se mostra uma artista bem humorada nas faixas “Uma Mulher Feliz” (que ganhou um videoclipe no YouTube), “Meu Nome é Tchau!” e “Bagatelas”, com letras bem diretas e objetivas, sem maiores delongas.

Mas ser mulher nem sempre é o paraíso que se espera neste mundo real em que vivemos. Por isso é que ela também se mostra áspera, de forma nua e crua na faixa “Vermelho Cor de Sangue”. Gostei muito de “Onde Você Está?”, com uma dose certa de melancolia na melodia, intercalada com gravações de telemarketing. E em “Sorrio Bem Mais”, ela mostra a superação de uma desilusão amorosa pela ótica feminina (“...viver requer serenidade e paz /E hoje eu sorrio bem mais...”). E em “Do Fundo do Poço” Ana desabafa contra os conselhos tortos que recebemos no dia a dia. (“Chega de Ouvir os Outros...”).

No final das contas, fica a certeza de que a nossa música pode ser renovada com os novos talentos que surgem e buscam o seu merecido espaço na mídia. Vale a pena conferir esse trabalho, seja em disco, seja ao vivo no palco.


"Uma Mulher Feliz"

"Vermelho Cor de Sangue"


"Sobre Pássaros, Flores e Espinhos"


*Luiz Gomes Otero é jornalista formado em 1987 pela UniSantos - Universidade Católica de Santos. Trabalhou no jornal A Tribuna de 1996 a 2011 e atualmente é assessor de imprensa e colaborador dos sites Juicy Santos, Lérias e Lixos e Resenhando.com. Criou a página "Musicalidades", que agrega os textos escritos por ele.
  
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.