quinta-feira, 21 de setembro de 2017

.: Comédia “Existe Sexo Depois do Casamento?”, no Teatro dos Arcos

Crédito: Eduardo Leão

Berçário Teatral apresenta a comédia “Existe Sexo Depois do Casamento?” no Teatro dos Arcos


A comédia “Existe Sexo Depois do Casamento?”, do autor americano Jeff Gould, estreia no Teatro dos Arcos dia 30 de setembro e ficará em cartaz até 22 de outubro aos sábados e domingos às 19h, com entrada grátis. Traduzida e dirigida por Isser Korik, a montagem é o terceiro espetáculo a ser apresentado no projeto Berçário Teatral.

“Existe Sexo Depois do Casamento?” traz à cena uma divertida situação em que os personagens avaliam como ficou a sexualidade após o casamento. O espetáculo mostra como os personagens lidam com seus desejos e fantasias, confrontando com os padrões de comportamento impostos socialmente aos casais.

“Cada casal tem seu pacto na relação. A peça mostra isso e as possíveis reações dos personagens diante deste dilema entre a liberdade e as regras de fidelidade”, comenta o diretor Isser Korik, que propôs revezamento de personagens aos atores. Cada ator interpreta dois papeis durante a temporada.

Na peça, Bia é uma mulher lúcida, inteligente e engajada por fazer do mundo um lugar melhor. Ela é esposa de Jorge, um homem sonhador, de temperamento agradável e muito interessado em apimentar a sua vida sexual. Bia e Jorge são amigos de Zé, um homem charmoso, apaixonado por sua mulher Cris, que é sexy, otimista e muito feliz com seu casamento.

A trama tem outro casal formado por Luís, esperto, brincalhão, que adora provocar sua sarcástica esposa Suzy, que não perde uma oportunidade para trocar alfinetadas com Luís. Para divertir, trazer mais informações à trama e também para confundir a cabeça dos casais, entram em cena os personagens Beto, Tammy, Léo, Laura e Gabi.

O elenco foi selecionado num workshop gratuito promovido pelo projeto Berçário Teatral. Trinta e seis atores frequentaram as atividades em oito encontros. Todos participaram dos primeiros estudos para a montagem que apresenta estética realista, com características do teatro popular. “As piadas são mais explícitas e os atores tem atuação mais solta”, explica o diretor, que no ano passado traduziu e dirigiu a comédia “Jogo Aberto” (It´s Just Sex), do mesmo autor. A peça esteve em cartaz no Teatro Folha em temporada de sucesso e viajou pelo interior do Estado. “A primeira parceria com a peça Jogo Aberto foi tão boa que Jeff Gould apostou no projeto Berçário Teatral e disponibilizou outro texto de sua autoria”, conta.

SOBRE O PROJETO BERÇÁRIO TEATRAL: O projeto Berçário Teatral tem como objetivo viabilizar apresentações de espetáculos com entrada grátis no Teatro dos Arcos, localizado na Bela Vista. A realização começou no início de agosto este ano com o espetáculo de improviso “Não Tem Xícara”, idealizado e dirigido por Ian Soffredini. Depois recebeu a montagem inédita “Terra dos Outros Felizes – o Jogo dos Amigos Imaginários”, texto de Michelle Ferreira e direção de Vanessa Guillen. “Existe Sexo Depois do Casamento?” é a terceira montagem do projeto, que contará com mais três novas produções.

SOBRE O AUTOR JEFF GOULD: Jeff Gould trabalhou como ator em diversas peças. A sua primeira peça “Troubled Waters” foi bem recebida pela crítica e teve uma temporada de muito sucesso em Studio City, Califórnia.
O autor diz que adora escrever sobre sexo e casamento. Como resultado de seu interesse pelo tema, escreveu “Jogo Aberto” (It´s Just Sex). A peça foi encenada com várias produções bem sucedidas em Los Angeles, Denver (Colorado) e também nas cidades de Ontário (Canadá) e Atenas (Grécia). No Brasil, a peça foi traduzida e dirigida por Isser Korik em 2016, com temporadas em São Paulo, Rio de Janeiro e outras cidades.

Sua mais recente comédia, “Existe Sexo Depois do Casamento?” (Is There Sex After Marriage?) estreou em Los Angeles para uma temporada de apenas oito semanas, em março de 2014, e acabou sendo prorrogada por três vezes, ficando sete meses em cartaz.
Antes de escrever suas obras teatrais e de realizar produções, Jeff teve vários artigos publicados na Card Player Magazine, baseado em sua longa carreira como um jogador de pôquer profissional.

 SOBRE O DIRETOR ISSER KORIK: Diretor, ator, produtor, tradutor e dramaturgo. É diretor artístico da produtora Conteúdo Teatral e do Teatro Folha. Coleciona trabalhos marcantes como comediante em quase 30 anos de carreira, como, “Vacalhau & Binho”, de Zé Fidélis, que permaneceu oito anos em cartaz; “O Dia que Raptaram o Papa”, de João Bethencourt; “E  o Vento não Levou”, de Ron Hutchinson.

Concebeu “Nunca se Sábado...”, apresentado em quatro temporadas sob sua direção-geral, marcando a cena paulistana. Dirigiu a trilogia cômica de Alan Ayckbourn “Enquanto Isso...”; “O Mala”, de Larry Shue; o projeto “Te Amo, São Paulo”, que reuniu grandes nomes da dramaturgia paulista; além dos infantis “A Pequena Sereia”, de Fábio Brandi Torres; “Grandes Pequeninos”, de Jair Oliveira; “Cinderela”, “O Grande Inimigo” e “Ele é Fogo!”, de sua autoria, tendo recebido por esse último o Prêmio APCA.

Seus trabalhos de direção mais recentes são as comédias “A Minha Primeira Vez”, de Ken Davenport; “Jogo Aberto”, de Jeff Gould; e “O Empréstimo”, de Jordi Galceran.

No teatro musical, foi coprodutor de espetáculos muito bem recebidos pelo público e crítica: “Um Violinista no Teatro”, “Todos os Musicais de Chico Buarque em 90 minutos” ,“Nine – Um Musical Felliniano” e “Beatles Num Céu de Diamantes”, todos dirigidos por Charles Möeller e Claudio Botelho, além de ter dirigido “Ivan Lins em Cena” e “Paralamas em Cena”.

FICHA TÉCNICA
Texto – Jeff Gould
Elenco - Bianca Almeida, Brunna Martins, Bruno Ferian, Denis Felix, Isaac Medeiros, Júlia Carone, Leôni Escobar, Monique  Hortolani, Neto Villar, Paula Davanço, Rafael Costa e Ronaldo Saad 
Cenografia - Paula de Paoli
Assistente de cenografia - Clau Carmo
Cenotécnico - Wagner José de Almeida
Serralheria - José da Hora
Figurinos  - Isabel Gomez e Pedro Pó
Criação gráfica - Winnie Afonso
Fotografia - Eduardo Leão
Produção executiva - Isabel Gomez e Pedro Pó
Tradução, iluminação e direção - Isser Korik
Realização - Doidim Participações Ltda

SERVIÇO:  EXISTE SEXO DEPOIS DO CASAMENTO?
Local: Teatro dos Arcos
Estreia: 30 de setembro
Temporada até: 22 de outubro 
Apresentações: sábados e domingos, às 19h.
Ingresso: Grátis (entrega de convites no local uma hora antes da sessão)
Duração: 80 minutos
Classificação etária: 16 anos

TEATRO DOS ARCOS
Teatro dos Arcos (Rua Jandaia, 218. Bela Vista. Tel.: 11 3101-8589)
Capacidade: 70 lugares
Horário de funcionamento da bilheteria: somente nos dias de apresentação, uma hora antes.
Acesso para cadeirantes
Ar-condicionado
Estacionamento conveniado: Avenida Brigadeiro Luiz Antônio, 502. Valor: R$ 20,00

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.