sexta-feira, 8 de setembro de 2017

.: O que "O Garoto Quase Atropelado" tem a ver com Setembro Amarelo?

Segundo dados divulgados pela Organização Mundial da Saúde (OMS), pelo menos 32 brasileiros tiram a própria vida todos os dias. Desses números, a taxa de suicídio que mais cresce é entre jovens de 15 a 29 anos. No mês em que se celebra o “Setembro Amarelo”, marcado pela realização do Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio, a Faro Editorial e seu autor, Vinícius Grossos, lançam campanha na internet.

 Com frases de incentivo para que pessoas que falem e exponham seus problemas, frases extraídas do livro "O Garoto Quase-Atropelado" aparecem pela rede. O livro trata de temas como: suicídio, depressão, homossexualidade, preconceito, distúrbios alimentares e abusos sexuais. "Você sabe que pode confiar em mim, não é? Sei que nos conhecemos pouco, mas se você quiser desabafar, eu estou aqui. É que parece que você é uma piscina carregando o peso de uma lagoa, bem perto de transbordar”.

Vinícius Grossos, de 24 anos, escreveu o livro justamente para desabafar e lutar contra a depressão. Paralela a agenda de lançamentos, Vinícius faz palestras em escolas, ressaltando sempre a importância de se pedir ajuda e de que há uma saída para quem enfrenta a depressão. O livro foi considerado um dos melhores lançamentos de 2015 por vários blogs literários e vem com uma recomendação da blogueira e influenciadora Bruna Vieira: "Uma história inesquecível sobre adolescentes que escolheram acreditar no que sentiam. Você vai se emocionar".

Um garoto sofreu com um acontecimento terrível. Para não enlouquecer, ele começa a escrever um diário que o inspira a recomeçar, a fazer algo novo a cada dia. O que não imaginou foi que agindo assim ele se abriria para conhecer pessoas muito diferentes: a "cabelo de raposa", o "James Dean não-tão-bonito" e a "menina de cabelo roxo", e que sua vida mudaria para sempre.

Prepare-se para se sentir quase atropelado de uma forma intensa, seja pelas fortes emoções do primeiro amor, pelas alegrias de uma nova amizade ou pelas descobertas que só acontecem nos momentos-limite de nossas vidas. Estar vivo e viver são coisas absolutamente diferentes!

Compartilhar no WhatsApp
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

Um comentário:

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.