sábado, 18 de novembro de 2017

.: #ResenhandoIndica o Teatro Ruth Escobar, história viva em São Paulo

É no aconchegante bairro da Bela Vista, bem pertinho do Bexiga, na cidade de São Paulo, que fica o Teatro Ruth Escobar - espaço que conta com instalações modernas e aconchegantes, sem perder a aura retrô. 

O local foi inaugurado em 1963 e era de propriedade da atriz Ruth Escobar, que, graças ao apoio da colônia portuguesa, conseguiu levantar um admirável complexo arquitetônico, voltado para a realização de atividades culturais de todas as espécies.

A montagem de estreia foi "A Ópera dos Três Vinténs", de Bertolt Brecht, sob a direção de José Renato, configurando, desde o início, o caráter revolucionário dessa casa de espetáculos. Trinta anos depois, o teatro Ruth Escobar, escrevendo sua história nas páginas de heróica resistência política e cultural, marcou feitos inesquecíveis na consolidação de uma cultura genuinamente nacional. 


"Roda Viva", de Chico Buarque de Holanda, "Feira Paulista de Opinião", de vários autores, "A Viagem", de Carlos Queiroz Teles, "Revista Henfil", de Henfil, "Caixa de Cimento", de Carlos Henrique Escobar e "Fábrica de Chocolate", de Mário Prata são alguns espetáculos que contribuíram definitivamente para a identificação dos rumos da moderna dramaturgia brasileira. 

Da mesma forma, "O Balcão" de Jean Genet, sob a direção de Victor Garcia, "As Fúrias", de Rafael Alberti e "Romeu e Julieta", de William Shakespeare colocaram o Teatro Ruth Escobar na vanguarda teatral do planeta, em absoluta sintonia com o seu tempo.

Em 1997, a APETESP - Associação dos Produtores de Espetáculos Teatrais do Estado de São Paulo, durante a gestão do então Presidente Sérgio D'Antino, deu início ao processo de compra desse equipamento teatral, evitando que o mesmo caísse em mãos da especulação imobiliária, em virtude da grave crise econômica pela qual passa o país.


Esse é um procedimento ainda não encerrado, e o próximo passo é captar recursos que possibilitem a transformação do Teatro Ruth Escobar em um centro cultural, fornecendo à cidade de São Paulo um ponto fixo de referência para todas as atividades culturais desenvolvidas por lá, e cumprindo o propósito com o qual esta casa de espetáculos foi construída, que era o de se transformar em sinônimo da cultura emergente que se faz em São Paulo e no mundo.  

Vale a pena visitar. Várias peças estão em cartaz, entre elas "Trair e Coçar É Só Começar", a comédia brasileira de maior sucesso escrita por Marcos Caruso e em cartaz há 31 anos. Na rua dos Ingleses, 209 - Bela Vista/São Paulo - SP.


"Persona Em Foco" com Ruth Escobar

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.