quarta-feira, 3 de janeiro de 2018

.: Bienal de Arte Digital, "The Wrong", chega ao Brasil com entrada grátis

Cidade das Artes recebe “Digital Provocateurs”, com vinte artistas nacionais e internacionais


Pela primeira vez, o Brasil vai receber a The Wrong, uma bienal de arte descentralizada, que acontece em espaços virtuais e físicos ao redor do mundo. A partir do dia 06 de janeiro, em parceria com a OM.art, TAL Projects, e o Jacaranda Art Clube, acontece na Cidade das Artes a exposição “Digital Provocateurs”. Com a curadoria de Gabriela Maciel e assistência curatorial de João Vergara, a mostra tem como objetivo reunir as mais diversas expressões artísticas da geração ‘Pós-Digital’.

A The Wrong New Bienal de Arte Digital tem a missão de criar, promover e impulsionar a arte digital contemporânea para um público mais amplo através de um evento bienal que reúne artistas de renome e abraça os jovens talentos internacionais. Em “Digital Provocateurs”, vinte artistas nacionais e internacionais apresentam suas mais novas criações, como Oskar Metsavaht (Brasil), Paulo Arraiano (Portugal), Stine Deja (Dinamarca), Marc Kraus (Brasil), Oliver Pauk (Canadá), Rebenok (Russia), Maurizio Vicerè (Itália), Arno Beck (Alemanha), Julio Lucio (Espanha), Projeto Cavalo (Brasil - de Paulo Berliner e Paulo Vivacqua, Cadu, Adriano Motta), Fernando Velazquez (Uruguai), Adriano Motta (Brasil), Luiz Zanotello (Brasil), Ewa Doroszenko (Polônia) e Jacek Doroszenko (Polônia).

Oskar Metsavaht expõe seu novo trabalho, a videoinstalação Psychedelic Synthesis. Ocupando a sala de cinema grande da Cidade das Artes, a obra inspirada em duas fotografias feitas pelo artista no deserto Vasquez Rocks, na California, será projetada em uma enorme parede de concreto de 18m x 10m. Oskar extrapola as imagens analógicas que deram origem à videoinstalação e brinca com elementos pictóricos, convidando o espectador a participar de uma jornada metafísica. “As fotografias são um exercício de introspecção e a videoinstalação, uma experiência psicodélica”, diz Oskar. Os quadros com os dois retratos também estarão expostos, em um espaço anexo.

O conceito polifônico da geração contemporânea, influenciada pelo digitalismo, é amplamente explorado pelos artistas na exposição através de obras em vídeo, fotografia 3D, samples, entre outros. As criações se relacionam no desenho curatorial e no espaço expositivo, com contrastes e conexões conceituais e estéticas, em diversas dimensões e suportes. Os artistas, ao expressarem o tempo em que vivem, ou como sinalizadores do que está por vir, usam técnicas e ferramentas contemporâneas e desenvolvimentos tecnológicos e científicos de sua sociedade como formas de expressão e comunicação.

 “Eventos como a "The Wrong Biennale” e a exposição "Digital Provocateurs” oferecem a possibilidade de entrar em contato com um tipo de produção praticamente ignorada pelas instituições convencionais, sejam galerias, museus ou mesmo bienais de arte contemporânea. A própria The Wrong Bienal, já é um evento disruptivo, pois foge das lógicas do circuito. É um evento auto gerido, com inúmeros curadores e temas, e distribuída por diferentes países. O projeto contribui para a renovação do imaginário simbólico do nosso tempo”, afirma o artista uruguaio Fernando Velázquez.

“Em ‘Digital Provocateurs’ The Wrong New Digital Art Biennale, mostraremos partituras musicais, em formato de video. No entanto, as partituras musicais não são direcionadas diretamente a um músico, mas seu caráter visual é composto para refletir a trajetória da percepção do ouvinte e para documentar o curso e layout do fluxo de partículas do som. Nossa prática criativa emprega uma mistura de mídia digital, fotografia, pintura, vídeo e som. “Somos fascinados pelo mundo artificial da tecnologia relacionado com a estrutura da natureza”, explicam os poloneses Ewa Doroszenko e Jacek Doroszenko, da Varsóvia.


SERVIÇO: 
The Wrong Bienal de Arte Digital
Digital Provocateurs
Cidade das Artes - Avenida das Américas, 5300 - Barra da Tijuca
De 06 de janeiro a 02 de fevereiro
De quinta a domingo
Das 14h as 22h
Entrada franca
Classificação: Livre

Mais informações em:
http://digitalprovocateur.org/
http://thewrong.org/filter/embassy/Digital-Provocateur

Compartilhar no WhatsApp
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.