quarta-feira, 10 de janeiro de 2018

.: Leitura necessária: O caso dos exploradores de cavernas

O caso dos exploradores de cavernas: Um dos livros do saber jurídico mais lidos no mundo e fundamental ao estudo da Ciência do Direito. Leitura necessária para estudantes e profissionais de direito de todo mundo


"O caso dos exploradores de cavernas" é uma introdução à argumentação jurídica que traz o debate sobre a preservação da vida e da forma como podemos criar “normas” sociais e, também, apresenta contornos para a análise do debate jurídico, do papel dos juízes e das leis na sociedade. Afinal a obra tem como ponto central a execução do justo e da equidade, que é a aplicação do direito ao caso concreto. E nesse diapasão que caminham todos os julgamentos e expressões dos juízes envolvidos no caso.

A obra foi publicada em 1949 pelo professor de Harvard Law School e jurista, Lon L. Fuller e, ainda hoje, é fundamental ao estudo da Ciência do Direito, pois aborda grandes temas da filosofia do direito, além disso, revela a variedade de fatores que envolvem a aplicação da norma legal em casos concretos. Se tornando indispensável aos estudantes de direito e, ao mesmo tempo, uma ferramenta capaz de ampliar o olhar dos advogados mais experientes.

Esta edição conta com a tradução e notas do notório Claudio Blanc, tradutor, editor e autor de diversos trabalhos nas áreas de História, Filosofia e Literatura, além da apresentação e notas do professor Célio Egídio, Doutor em Filosofia do Direito e do Estado pela PUC/SP. Além de professor há mais de 24 anos, também é coordenador de cursos de graduação e pós-graduação em Direito.

Obra fundamental ao estudo da Ciência do Direito, além de ilustrar as diferentes escolas de jurisprudência, estimula a reflexão crítica em julgamento de casos difíceis, impasses éticos e conflitos interpretativos da lei. Leitura necessária para estudantes e professores de direito de todo mundo.  

Lon L. Fuller: O professor e jurista Lon Luvois Fuller (1902-1978) foi um destacado intelectual do campo da jusfilosofia. Estudou Economia e Direito na Universidade de Stanford e trabalhou em diversas faculdades até chegar à Faculdade de Direito da Universidade de Harvard, na qual foi docente entre 1940 e 1972. Publicou diversos trabalhos nas áreas de Direito Civil, Filosofia e Teoria do Direito. 

Célio Egídio: Advogado e professor de Direito. Possui doutorado em Filosofia do Direito e do Estado pela PUC/SP.  É professor da Universidade São Francisco, sendo coordenador do Curso de Direito do campus Itatiba.
Desenvolve pesquisas em Direitos Humanos, sendo vice líder de grupo de pesquisa no CNPq, possuindo três pesquisas premiadas na área. É mestre em Direito Civil também pela PUC/SP, com especialização na Escola Superior do Ministério Público/SP. 

Claudio Blanc: Escritor, tradutor e editor, autor de diversos trabalhos nas áreas de História, Filosofia e Literatura, publicados em diferentes veículos. Entre seus livros, destacam-se Uma Breve História do Sexo, que se tornou referência sobre o tema no Brasil, Avantesmas, finalista do Prêmio Jabuti 2015 na categoria reconto e o Guia da História da Filosofia.  Claudio Blanc também assina a tradução de 42 obras nos mesmos campos de conhecimento sobre os quais escreve.

Livro: O caso dos exploradores de cavernas
Título original: The case of the speluncean explorers
Autor: Lon L. Fuller
Apresentação: Célio Egídio
Tradução: Cláudio Blanc
Gênero: Direito
Acabamento: Brochura
Formato: 13,5x21cm
Págs: 80 / Peso: 154g


← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.