sábado, 4 de agosto de 2018

.: Aos 75 anos Record chega à Bienal de São Paulo com muitos lançamentos


Se depender do Grupo Editorial Record, não faltarão opções para quem visitar a 25ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo. De novidades a pérolas do catálogo, divididos entre os mais diversos gêneros, a editora levará mais de mil títulos para seu estande no evento — cerca de 50 só de lançamentos. Uma demonstração de otimismo na recuperação do setor. “Sabemos que o livro é uma excelente alternativa de lazer para os tempos de crise, ao preço da pipoca do cinema ou mais barato que um jantar em um restaurante, o leitor pode degustar e se encantar com livros maravilhosos" - argumenta a presidente do Grupo Record, Sônia Jardim. “Estamos com um mix variado para agradar o paladar de todos os visitantes desta Bienal!”.

Além dos livros, a casa da Record na Bienal traz duas novidades interativas: um cenário inspirado no salão oval da Casa Branca, inspirado thriller "O Dia Em Que o Presidente Desapareceu", de Bill Clinton & James Patterson, e uma estátua da assassina Celaena Sardothien, da série "Trono de Vidro", grande sucesso da Galera. E quem visitou a bienal do Rio terá, ainda, a oportunidade de rever um velho amigo: Asterix, em tamanho natural.  A ideia é que os leitores tirem suas fotos e participem de promoções nas redes sociais do Grupo.

Uma das mais importantes feiras literárias mundiais, a Bienal do Livro de São Paulo se tornou um marco na literatura e cultura do país. Prestes a completar 70 anos, essa simpática senhora continua jovem, promovendo o debate entre autores, livreiros, jornalistas e leitores. Serão diversas atividades, divididas em diversos espaços oficiais - Arena de Autógrafos, Arena Cultural, BiblioSesc Praça de Histórias, BiblioSesc Praça da Palavra, Cordel & Repente, Cozinhando com Palavras, Encontro de Fãs, Espaço do Saber, Salão de Ideias e Tenda das Mil Fábulas.

Entre os destaques internacionais, David Levithan, autor de "Todo Dia", é o convidado da Arena Cultural, no sábado, dia 11 de agosto, a partir das 18h30. Publicado em agosto de 2012 nos EUA, o livro entrou rapidamente na lista de mais vendidos do The New York Times e conquistou resenhas mais que elogiosas de New York Times Book Review, Entertainment Weekly, Los Angeles Times, Boston Globe. Adaptada para as telas, a trama está em cartaz nos cinemas de todo o Brasil e se tornou um dos best-sellers da Galera, selo juvenil do Grupo.

A nova geração - tanto de leitores quanto de escritores - também marca presença. Carina Rissi, Lucas Rocha, Babi A. Sette, Ana Beatriz Brandão, A. C. Meyer, Ray Tavares, Laura Conrado, Marina Carvalho, Bel Rodrigues, Pam Gonçalves e Bianca Briones são alguns dos novos talentos do Grupo a participar de debates, oficinas e discussões durante os dez dias do evento, que sempre atraiu o público jovem.

Na literatura nacional, Carpinejar, Edney Silvestre, Ana Maria Gonçalves e Marcelo Moutinho estão entre os convidados do Salão de Ideias. Logo no primeiro dia de evento, 3 de agosto, a partir das 13h, Ana, autora do incensado "Um Defeito de Cor - Fascinante História de Uma Africana Idosa, Cega e À Beira da mMorte, que Viaja da África para o Brasil em Busca do Filho Perdido Há Décadas" -, fala da solidão da mulher negra e a importância do feminismo negro.

No sábado, mesmo horário, é a vez de Marcelo discutir a atual produção literária brasileira e como a realidade pode servir de inspiração. Carioca de Madureira e jornalista, ele é autor de "Ferrugem", livro de contos com personagens ímpares: a moça soropositiva, caixa de supermercado, que reencontra o antigo namorado; a cobradora que dá conselhos amorosos a um passageiro; o cantor de boate que imita Roberto Carlos.

No domingo, dia 5, Fabrício Carpinejar participa de mesa às 11h. Com 46 anos de vida e 20 de literatura - divididos entre crônicas, poesias, livros infantis e diversos prêmios -, Carpinejar acaba de lançar, pela Bertrand Brasil, "Cuide dos Pais Antes que Seja Tarde", no qual faz uma homenagem aos pais. O livro já está na quarta edição e figura nas principais listas de mais vendidos do país há mais de seis semanas.

Edney encerra o primeiro fim de semana do Grupo no Salão de Ideias com uma mesa premiada. Os convidados, todos vencedores de prêmios literários, falam sobre a mudança na carreira após a premiação e a importância dos prêmios para o mercado editorial. Edney levou o Jabuti e o São Paulo de Literatura com seu romance de estreia "Se Eu Fechar os Olhos Agora", que vai virar série da TV Globo. De lá para cá, já publicou outros romances, entre eles, "Boa Noite a Todos" e "Welcome to Copacabana".

Durante a semana, a programação continua intensa. Na terça-feira, dia 7 de agosto, Cris Guerra participa da mesa 10 anos de Blogosfera, na Arena Cultural, às 18h30. Autora de Para sempre, Francisco — que recentemente ganhou uma edição comemorativa de 10 anos pela BestSeller e está sendo adaptado para o cinema—, "Cris criou o Hoje Vou Assim". Pioneiro da febre de looks do dia no Brasil, o blog inspirou centenas de ouros blogs de moda no país.

Ainda no campo virtual, Melina Souza, do site Serendipity e autora de "O Guia Para Ser Você Mesma", abre o segundo fim de semana do Grupo na Bienal com palestra na Arena Cultural, no dia 10 de agosto, a partir de 13h30.

O dia ainda conta com Milton Jung, também na Arena, a partir das 18h30, em mesa sobre como a filosofia pode nos ajudar em tempos difíceis. Um dos mais respeitados âncoras do radiojornalismo brasileiro, Mílton lidera o Jornal da CBN e o programa Mundo Corporativo, da mesma rádio. Referência em temas como política e inovação no mundo dos negócios, o jornalista lança É proibido calar, pela BestSeller, onde mostra outro ângulo da sua vida. Pai de dois jovens, aborda a importância do debate sobre ética e cidadania com os filhos.

Fechando o último fim de semana, Leila Navarro Lins participa de mesa do Espaço do Saber, no domingo, às 14h. Uma das mais bem-sucedidas palestrantes do país, Leila lançou "Virar o Jogo", onde propõe reflexões para ajudar o leitor a repensar as noções de insegurança, medo, crise e desamparo, e tornar-se o protagonista da própria história.

O estande do Grupo Editorial Record, localizado no G028, será o ponto de encontro dos fãs em uma série de sessões de autógrafos com seus principais autores. Não perca a oportunidade de encontrar seu escritor predileto.

Domingo, 5 de agosto
10h – Patricia Barboza
11h – Bianca Briones, que lança Sonhos de Avalon (Bertrand Brasil)
12h – Ray Tavares, Pam Gonçalves e Laura Conrado, que lançam Heroínas (Galera)
15h – Larissa Siriani, que lança O amante da princesa (Verus)
16h – Gustavo Ávila, que lança O sorriso da hiena (Verus)
18h- Clarissa Wolff, que lança Todo mundo merece morrer (Verus)

Segunda-feira, 6 de agosto
9h – Patricia Barboza

Terça-feira, 7 de agosto
9h – Patricia Barboza

Quarta-feira, 8 de agosto
9h – Patricia Barboza

Quinta-feira, 9 de agosto
9h – Patricia Barboza

Sexta-feira, 10 de agosto
9h – Patricia Barboza
14h – Bel Rodrigues, que lança o livro "13 Segundos" (Galera)
16h – Pedrugo, que lança "O Melhor Guia K-Pop Oficial" (Galera)
19h – Babi A. Sette e Larissa Siriani, que lançam, respectivamente, "Senhorita Aurora" e "O Amante da Princesa" (Verus)

Sábado, 11 de agosto
10h – Patricia Barboza
11h – Ana Beatriz Brandão, que lança "Sob a Luz da Escuridão" (Verus)
14h – Lucas Rocha, que lança "Você Tem a Vida Inteira" (Galera)
15h – Pam Gonçalves, que lança "Uma História de Verão" (Galera)
18h – FML Pepper, que lança "Treze" (Galera)

Domingo, 12 de agosto
10h – Patricia Barboza
15h – Leila navarro, que lança "Virar o Jogo" (BestSeller)

25ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo
3 a 12 de agosto de 2018
Pavilhão de Exposições do Anhembi
Av. Olavo Fontoura, 1.209 – Santana / 02012-021 São Paulo – SP
www.bienaldolivrosp.com.br
Compartilhar no WhatsApp
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.