Mostrando postagens com marcador ConcursosLiterarios. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador ConcursosLiterarios. Mostrar todas as postagens

sexta-feira, 13 de novembro de 2020

.: Primeira edição do Prêmio Machado DarkSide anuncia seus ganhadores


Palavras vivas nascem de outras. Enroscam-se. Desatam-se. Confundem-se. Perdem-se. E transformam-se em outras. Em outros sentimentos, em outras bocas, em outras prosas. Se tornam novas, se tornam suas. O importante da palavra é que ela viva. 
A DarkSide® Books, primeira editora brasileira inteiramente dedicada ao terror, fantasia e suspense, junto aos seus parceiros mais que especiais e apoiadores da leitura em nosso país, anuncia nesta sexta-feira 13 os ganhadores do 1º Prêmio Machado Darkside de Literatura, quadrinhos e outras narrativas.

Com mais de cinco mil inscrições realizadas em um período de dois meses, a Comissão Avaliadora da editora chegou a um veredito para premiar criadores nacionais em cinco categorias com 100 mil reais, contratos editoriais, e um troféu dark muito especial. “O Prêmio Machado alcançou um número muito maior do que esperávamos e de enorme relevância dentro de um mercado em transformação”, diz Christiano Menezes, diretor editorial da casa.

Cada um dos 5849 inscritos trouxe ao mundo a sua verdade e expôs o seu coração, comprovando que a palavra vive, e que a arte no país ainda pulsa. A DarkSide Books agradece a todos que ajudaram a escrever um novo capítulo na história da nossa literatura.

Os vencedores do 1º Prêmio Machado DarkSide
Romance/contos // "Porco de Raça", por Bruno Ribeiro
Uma distopia humana, sombria, visceral, potente, violenta, e repleta de horror. Na obra, acompanhamos um professor negro, falido, preso a uma cadeia de acontecimentos inescapáveis que o levam a uma jornada rumo a própria degradação física e psicológica, a partir do momento em que é capturado, confinado e obrigado a fazer parte de um ringue de lutadores formado por párias sociais digladiando-se a gosto de espectadores da alta social. Bruno Ribeiro (Campina Grande, PE) funde e distorce vários gêneros e subgêneros — da ficção pulp ao revisionismo histórico —, compondo um enredo que combina entretenimento com crítica social dura. Em meio a esse mapa movediço de gore, niilismo e visões estranhas, ainda oferece uma abordagem muito íntima e complexa sobre ancestralidade, legado, apagamento e racismo.


Quadrinhos // "Aurora", por Rafael Calça & Diox
Uma graphic novel sensível e emocionante que mostra as batalhas e conquistas de três gerações de mulheres de uma família. Conduzidas pela força e luta da avó, Aurora, que trabalha como empregada doméstica desde os 10 anos de idade, a história é feita de sorrisos, dores e dramas que transformarão os leitores de maneira poderosa, e foi inspirada nas jornadas pessoais das avós, mães e tias dos quadrinistas Rafael Calça e Diox (São Paulo, SP), que também se dedicaram arduamente para que os filhos pudessem estudar e conquistar uma vida melhor.


Outras Narrativas // "Dores do Parto", por Jessica Gonzatto
O projeto vencedor da categoria Outras Narrativas é o roteiro do curta-metragem de horror "Dores do Parto", de Jessica Gonzatto (São Paulo, SP). Com uma ambientação poderosa e personagens marcadas pelas decisões tomadas no passado, o curta aborda o lado sombrio da maternidade com elementos metafóricos e sensoriais para contar uma história de egoísmo, assassinato e manifestação da psique.


Desenvolvimento de Projetos // "Imaginários Pluriversais", por Isa e Pétala Souza
As irmãs Isa e Pétala Souza (São Paulo, SP), criadoras de conteúdo no Instagram @afrofuturas, pautadas na decolonialidade em contextos de raça, gênero, classe e representatividade e articuladoras do movimento #LeiaRepresentatividade, são as contempladas com a mentoria para expandir Imaginários Pluriversais: Narrativas Representativas na Ficção, um estudo que traz um panorama teórico para organizar e amadurecer os significados dos aspectos da representatividade na criação literária, construindo diálogos socialmente transformadores através da literatura.


Não-ficção // "O Monstro no Cinema", por Alex Barbosa
Alex Barbosa (Itabuna, BA), doutor em Cinema, Arte e Cultura Contemporânea pela UERJ apresentou um estudo aprofundado da figura do monstro no audiovisual, de suas origens ao cinema contemporâneo. A obra coloca a DarkSide ainda mais próxima do ambiente acadêmico que vem moldando novos profissionais fundamentais para a formação de uma nova geração de cineastas brasileiros de horror.


Menção Honrosa para Influenciadores Literários
A DarkSide® Books e seus parceiros reconhecem a enorme importância de todos os influenciadores literários para o desenvolvimento da nova geração de leitores, e o 1º Prêmio Machado Darkside contou com uma categoria especial para homenagear estes profissionais que ajudam a propagar o amor pelos livros.

A primeira edição do prêmio recebeu a inscrição de 240 influenciadores espalhados por todos os estados do país e a Comissão Avaliadora selecionou os 30 perfis inscritos mais atuantes para que o público pudesse escolher os seus favoritos. De 15 de outubro e 10 de novembro de 2020, os 30 finalistas da categoria receberam mais de 18 mil votos.

A Menção Honrosa do 1º Prêmio Machado Darkside vai para: Adriana Cecchi, a Redatora de Merda; Milho Wonka e Lana Burns, do canal Freak TV; Pedro Pacífico, o @Book.ster do Instagram; Lucas Barros, do canal Fala, Lucas!; e Dayrealt Azevedo, do perfil @FunkeirosCults, no Instagram. Os 5 influenciadores celebrados com a Menção Honrosa receberão um troféu do 1º prêmio machado darkside e uma surpresa caveirosa. A segunda edição do Prêmio Machado DarkSide ainda não tem data para acontecer, mas está confirmada para o ano de 2021. Você pode conferir todos os ganhadores no site premiomachado.com.br.


Sobre o Prêmio
1º Prêmio Machado Darkside | Premiação brasileira dedicada a literatura, quadrinhos e outras narrativas. As inscrições aconteceram pelo site www.premiomachado.com.br entre 6 de julho de 2020 e 29 de setembro de 2020 para contemplar os ganhadores com 100 mil reais em prêmios. Os vencedores das cinco categorias (romance/contos, quadrinhos, não ficção, outras narrativas e desenvolvimento de projetos), bem como os influenciadores literários votados pelo público, foram revelados no dia 13 de novembro de 2020.


Sobre a DarkSide
A DarkSide® Books é a grande casa do terror. Nasceu no Dia das Bruxas, em 2012. Hoje, com mais de oito anos de vida, já mobiliza mais de 1 milhão de leitores nas redes sociais, que colecionam seus títulos — edições sempre caprichadas e em capa dura. A DarkSide® Books se tornou uma referência entre as novas editoras do mercado e mantém uma relação intensa, de admiração e troca, com seus fãs e seguidores, que não deixam de acompanhar, curtir, sugerir títulos e cobrar lançamentos com a Caveirinha. Além da qualidade do design e acabamento gráfico das edições, esta legião de fãs busca, na DarkSide®, as preciosidades de um catálogo diversificado, que aposta em revelações da literatura mundial, premiadas no exterior (como Andrew Pyper, Caitlín R. Kiernan e Keith Donohue), em ícones do universo do terror e da fantasia (como Robert Bloch, Stephen King e Jim Henson) e em obras-primas que continuavam inéditas no país como Fábrica de Vespas, o premiado livro do autor Iain Banks.





sábado, 7 de novembro de 2020

.: Editora Record lança os vencedores do Prêmio Sesc de Literatura 2020

Enquanto "Terra nos Cabelos" do gaúcho Tônio Caetano, tece suas narrativas de modo delicado e sensual, o romance  "Encontro Você no Oitavo Round", do capixaba Caê Guimarães, é um monólogo poético de rememoração narrativa

"Terra nos Cabelos", do gaúcho Tônio Caetano, foi o escolhido entre os 666 concorrentes na categoria contos e Encontro você no oitavo round, do capixaba por adoção Caê Guimarães, levou na categoria romance, sendo o vencedor entre quase 700 inscritos. O livro de contos tem apresentação de Marcelo Moutinho e de Ana Paula Maia e o romance, de Samarone Lima e de Renata Pimentel. A premiação tem curadoria de Henrique Rodrigues

Chegaram às livrarias os dois vencedores do Prêmio Sesc de Literatura, a mais relevante premiação literária para novos escritores no Brasil. Na categoria de contos, "Terra nos Cabelos" revela as vozes femininas do autor gaúcho Tônio Caetano, que tece suas narrativas de modo delicado e sensual.  Já o romance, "Encontro Você no Oitavo Round", do escritor Caê Guimarães, capixaba por adoção, é um monólogo poético de rememoração narrativa, que revela ao leitor a surpreendente trajetória de seu protagonista, um lutador de boxe que abandonou a poesia depois de um início promissor. 

Criado em 2003 pelo Sesc, o prêmio é uma parceria com a editora Record, responsável por publicar e distribuir os livros vencedores. O concurso tem o objetivo de revelar novos escritores e, assim, renovar o cenário literário brasileiro e incentivar a cultura. Em 2020, o Prêmio Sesc de Literatura recebeu 1358 inscrições, sendo 692 romances e 666 livros de contos.


"Encontro Você no Oitavo Round"
Caê Guimarães
144 pág. | R$34,90
Ed. Record | Grupo Editorial Record

Socos, cicatrizes, quedas, redenções e um zumbido no ouvido, fruto de uma vida marcada por pancadas. Essa é a história de Cristiano Machado Amoroso, um pugilista que chegou bem perto do topo da sua carreira aos 25 anos, mas sofreu um nocaute que nunca esqueceu. Aos 40, antes de integrar ao time dos aposentados, ele tem sua última luta e uma proposta: em troca de uma boa quantia em dinheiro, o boxeador deve entregar o resultado, sem que o adversário saiba, no quarto round.

A narrativa, em primeira pessoa, nos apresenta também o cotidiano da periferia. O vizinho Magro e sua família de doidos, a amizade com o sapateiro, o bairro esquecido coalhado por cortiços e, claro, a jornalista que fará repensar o rumo da sua história são detalhados de forma fluida e delicada, pelo protagonista. Vivaz e irônica, Esther é mais do que uma repórter curiosa pela história de um pugilista no fim de carreira. Ela também é fã das obras literárias de Cristiano, que abandonou uma promissora carreira, mas que agora retorna para, quem sabe, um acerto de contas.

Neste "Encontro Você no Oitavo Round", vencedor do Prêmio Sesc de Literatura 2020 na categoria Romance, a irmanação entre boxe e escrita surge com rara potência. Até o último round, não sabemos se o pugilista vai beijar novamente a lona, conforme o combinado. O estranho mistério que acompanha os que apanham muito, mas nem sempre entregam os pontos.

Caê Guimarães nasceu em 1970 e vive em Vitória (ES). É escritor, poeta, jornalista e roteirista. Tem cinco livros publicados, entre poesia, conto e crônica. "Encontro Você no Oitavo Round", vencedor do Prêmio Sesc de Literatura 2020, é seu primeiro romance. Você pode comprar o livro neste link.

"Terra nos Cabelos"
Tônio Caetano
112 pág. | R$32,90
Ed. Record | Grupo Editorial Record

Em "Terra nos Cabelos", Tônio Caetano apresenta histórias emocionantes protagonizadas por mulheres. Entrelaçadas por um fio invisível que compartilha a força de suas histórias, as personagens apresentam situações reais que, ora atuais ora de décadas passadas, nos fazem refletir sobre autoconhecimento, medos, inseguranças e, sobretudo, o que é ser mulher – em contextos, idades e épocas diversas.

Ao longo de 15 contos, o livro se propõe a uma espécie de investigação do íntimo, das descobertas do outro, e instiga o leitor a mergulhar na vida dos personagens. A menina que vê a mãe partir e se aferra a uma prolongada espera, a esposa infeliz que se aventura na casa de swing, as adolescentes enredadas nas primeiras experiências sexuais, em ritos de passagem e de iniciação. São, todas elas, personagens em contenda com o mundo, seja no âmbito familiar ou no universo da sociedade de forma mais ampla. Tônio Caetano costura as histórias de forma que a ambiência se amalgama a um sentimento difuso de inadequação, de não pertencimento.

A poética presente em Terra nos cabelos revela a chegada de mais um autor talentoso ao cenário da literatura brasileira. Semeando boas histórias que fazem refletir as minúcias da vida comum, sua estreia é bem-vinda, e seus textos, cheios de inquietações.

Tônio Caetano nasceu em Porto Alegre (RS), em 1982. Trabalha como servidor público municipal e é especialista em Literatura Brasileira pela PUC-RS. Integra as coletâneas Contos de mochila, Minicontos de amor e morte, Planeta Fantástico e Ancestralidades: escritores negros. Em 2020, venceu o Prêmio Sesc de Literatura 2020, na categoria Contos, com o livro "Terra nos Cabelos". Você pode comprar o livro neste link.

domingo, 12 de julho de 2020

.: DarkSide Books lança prêmio de 100 mil reais distribuído em 5 categorias


Em meio à pandemia que impactou diretamente o mercado literário, a DarkSide Books lança mão de uma iniciativa para estimular o ecossistema da economia criativa. Assumindo o papel de revelar, apostar, reconhecer novos talentos e estimular a criatividade de autores brasileiros, a editora promove o 1° Prêmio Machado DarkSide de Literatura, Quadrinhos e Outras Narrativas, que dará aos ganhadores  o valor de R$ 100 mil divididos para cinco categorias, além de uma Menção Honrosa ao Influenciador de Literatura mais envolvidos com o universo do livro.

Com inscrições abertas até dia 29 de setembro – dia da morte de Machado de Assis -, o prêmio tem como objetivo selecionar os melhores textos ou projetos originais e inéditos em língua portuguesa, que serão contemplados, cada um, com um contrato de edição de R$ 20 mil. São cinco categorias: Romance e Contos; Histórias em Quadrinhos; Obras de Não-Ficção; Outras Narrativas; e Desenvolvimento de Projeto.

Rompendo os próprios padrões do mercado de literatura, a categoria Outras Narrativas abarca diversas manifestações artísticas, desde ensaios, poesia e prosa, até jogos, música, reportagens, roteiros, podcasts, exposições virtuais. Já o vencedor de Desenvolvimento de Projeto receberá mentoria do time da DarkSide em três fases até a conclusão do projeto. Os resultados saem em 13 de novembro, última sexta-feira 13 de 2020.

Influenciadores concorrem a Menção Honrosa
Os influenciadores literários também terão a oportunidade de ver seu trabalho reconhecido. Considerados pela Darkside grandes colaboradores da formação da nova geração de leitores, estes profissionais poderão se inscrever no prêmio que selecionará, inicialmente, os 30 perfis mais atuantes. 

A partir desta etapa, o voto popular vai eleger seus influenciadores favoritos. A votação estará disponível no site oficial do prêmio entre os dias 15 de outubro e 10 de novembro de 2020. Os cinco candidatos mais votados pelo público serão contemplados com um troféu do 1º Prêmio Machado DarkSide e a menção honrosa.

Sobre as categorias
• Romance/Contos: romances ou coletâneas de contos inéditos (mínimo de 40 mil palavras no projeto completo).
• Quadrinhos: projetos inéditos de quadrinhos (mínimo de 60 páginas), até 4 autores.
• Não ficção: biografias, documentos históricos, pesquisas/monografias.
• Outras narrativas: audiovisual, podcasts, poesia, teatro, música, jogos e todas as formas onde a palavra se manifesta.
• Desenvolvimento de projetos: categoria exclusiva para receber a Mentoria DarkSide em projetos não finalizados.

Sobre as inscrições e resultados
As inscrições são gratuitas e devem ser realizadas no site do Prêmio (www.premiomachado.com.br) ou através do site da DarkSide Books (www.darksidebooks.com.br) até dia 29 de setembro de 2020. Todas as pessoas maiores de 18 anos residentes no Brasil ou em territórios e comunidades que têm a língua portuguesa como nativa estarão aptas a participar da seleção.  

Para ser considerada inédita, a obra concorrente não pode ter mais que 20% de seu conteúdo divulgado anteriormente em qualquer meio, entre eles, sites, blogs e redes sociais do autor ou outras publicações como revistas e coletâneas. Os vencedores do 1º Prêmio Machado DarkSide de Literatura, Quadrinhos e Outras Narrativas serão anunciados no dia 13 de novembro de 2020, no site oficial da editora (www.darksidebooks.com.br) e do Prêmio (www.premiomachado.com.br).

Para conferir todos os detalhes do regulamento, acesse: http://premiomachado.com.br/regulamento/regulamento_premio_machado_darkside_ed-2020.pdf

Sobre a DarkSide Books
A DarkSide® Books é a grande casa do terror. Nasceu no Dia das Bruxas, em 2012. Hoje, já mobiliza mais de 1 milhão de leitores nas redes sociais, que colecionam seus títulos — edições sempre caprichadas e em capa dura. A DarkSide® Books se tornou uma referência entre as novas editoras do mercado e mantém uma relação intensa, de admiração e troca, com seus fãs e seguidores, que não deixam de acompanhar, curtir, sugerir títulos e cobrar lançamentos com a Caveirinha. 

Além da qualidade do design e do acabamento gráfico das edições, esta legião de fãs busca, na DarkSide®, as preciosidades de um catálogo diversificado, que aposta em revelações da literatura mundial, premiadas no exterior (como Andrew Pyper, Caitlín R. Kiernan e Keith Donohue), em ícones do universo do terror e da fantasia (como Robert Bloch, Stephen King e Jim Henson) e em obras-primas que continuavam inéditas no país como Fábrica de Vespas, o premiado livro do autor Iain Banks.

segunda-feira, 22 de junho de 2020

.: Prêmio Sesc de Literatura anuncia os vencedores da edição 2020


Caê Guimarães foi o escolhido na categoria Romance com "Encontro Você no Oitavo Round". Foto: Fabrício Zucoloco

Há 17 anos, o Prêmio Sesc de Literatura revela anualmente dois escritores, sempre nas categorias Romance e Conto. Nesse período, se tornou uma das mais importantes premiações do país, ao oferecer oportunidades a novos escritores e impulsionar a renovação no panorama literário brasileiro, sendo hoje considerado referência por críticos literários, escritores brasileiros e visto como porta de entrada para o mercado editorial no Brasil.

Neste ano foram inscritos 1358 livros, sendo 692 romances e 666 contos. O cronograma, por ser executado por trabalho remoto, não foi afetado pela pandemia, de modo que o resultado pôde ser divulgado no prazo previsto. Na edição de 2020, os selecionados foram o capixaba Caê Guimarães, na categoria Romance, por "Encontro Você no Oitavo Round", e Tônio Caetano, na categoria Conto, por "Terra nos Cabelos", reafirmando o aspecto de diversidade do projeto.

Caê Guimarães nasceu em 1970 no Rio de Janeiro. Foi criado no Espírito Santo, onde vive atualmente. É poeta, escritor, jornalista, redator e roteirista. Com  "Encontro Você no Oitavo Round", apresenta uma narrativa que trata de redenção: um pugilista se debate entre um incômodo zumbido e a memória de outra ocupação antes de se dedicar ao boxe. Dias antes da sua última luta, ele conhece uma jornalista disposta a desvendar o que o fez tomar o caminho dos ringues. "Eu recebi com muita alegria a notícia que o meu primeiro romance foi o vencedor do Prêmio Sesc de Literatura. É uma oportunidade muito potente de levar meu trabalho pra outras praças, conhecer autores, públicos e outras formas de fazer literatura e estar no mundo", afirma Caê .


Tônio Caetano foi o escolhido na categoria Conto por "Terra nos Cabelos". Foto: Rafael de Oliveira

Tônio Caetano nasceu em Porto Alegre, em 1982. Trabalha como servidor público municipal e é especialista em Literatura Brasileira pela PUC-RS. Já participou de várias antologias literárias. No volume de contos "Terra nos Cabelos", são trilhados diferentes percursos da mulher na nossa sociedade, envolvendo questões que abordam o mundo do trabalho, o primeiro beijo, ritos de iniciação e as violências externas e internas submetidas ao sexo feminino. "A literatura faz parte da minha vida desde a infância. Ganhar o Prêmio Sesc me faz a pessoa mais feliz e também me dá um baita frio na barriga. Eu ainda estou assimilando tudo o que representa este momento. A minha única certeza é que vai me tornar um escritor melhor", comenta Tônio .

"É interessante sempre termos um resultado que mostra a diversidade do país, que revela como nós temos boa literatura, sendo produzida em qualquer lugar. É muito emocionante dar a notícia para os autores, porque começa uma nova etapa nas suas vidas. São duas grandes obras, que temos prazer em anunciar como vencedoras do Prêmio Sesc de Literatura de 2020!", comemora Henrique Rodrigues, analista de Literatura do Departamento Nacional do Sesc.

Os vencedores têm suas obras publicadas e distribuídas pela editora Record, parceira do Sesc no projeto. A curadoria e seleção dos livros segue um padrão criterioso e democrático. Os livros são inscritos gratuitamente pela internet e protegidos por anonimato. Em seguida, as obras são avaliadas por escritores profissionais renomados, cujos nomes mudam a cada edição, e escolhem os vencedores pelo critério da qualidade literária, legitimando o processo. 

Esse ano as comissões foram comandadas por Renata Pimentel e Samarone Lima, na categoria Romance, e por Ana Paula Maia e Marcelo Moutinho, na categoria Conto. Desde 2003, diversos autores foram descobertos e se consolidaram na literatura nacional, graças ao incentivo da Instituição, entre eles Juliana Leite, Rafael Gallo, Luisa Geisler, André de Leones, Franklin Carvalho, Sheyla Smanioto e Lucia Bettencourt .

sexta-feira, 5 de junho de 2020

.: "Enfermidades" é tema da nova edição da revista poética Cabeça Ativa


A revista poética e temática Cabeça Ativa convoca poetas para participarem da edição n.º 50, que terá como tema "Enfermidades". "Aguardamos seus poemas convalescentes, moribundos e cheios de 'dodói'", diz a bem-humorada editora Cláudia Brino, que recentemente foi destaque na edição. Interessados em participar da seleção podem enviar até três poemas de no máximo 25 linhas até o dia 25 de julho, para o e-mail livroscostelasfelinas@gmail.com. Autores selecionados receberão um exemplar grátis.

quinta-feira, 5 de março de 2020

.: Concurso literário da editora Costelas Felinas publicará livro individual

Inscrições abertas para o concurso literário Costelas Felinas 2020, que premiará com a publicação gratuita da obra. A editora artesanal, comandada com muito talento pelos escritores Cláudia Brino e Vieira Vivo, selecionará um autor que terá a publicação gratuita de uma obra. Serão distribuídos ao selecionado 100 exemplares - não haverá nenhum ônus ao autor contemplado. 

A obra, que será costurada e impressa em papel pólen, com capa brochura, terá 50 páginas  sem imagem interna. Não há taxa de inscrição e só poderão participar autores residentes no Brasil e em língua portuguesa. 

O livro não precisa ser inédito e o participante deverá enviar 50 poemas, que não poderão ultrapassar 30 versos/linhas de qualquer estilo poético. O trabalho deverá ser enviado somente por e-mail. Não será aceito de outra forma. 

Tudo deverá vir em um único anexo, seguindo esta ordem: título da obra, nome completo ou nome literário do autor(a), endereço completo - inclusive CEP - , e os poemas. Sendo 01 poema em cada folha. No assunto do e-mail escreva CONCURSO COSTELAS FELINAS. Enviar para:  livroscostelasfelinas@gmail.com. Inscrições até dia 31 de maio de 2020. Regulamento completo no link: https://artesanallivros.blogspot.com/2020/02/concurso-literario-costelas-felinas.html.

Postagens mais antigas → Página inicial

#ResenhandoIndica

20 20 20
Tecnologia do Blogger.