segunda-feira, 17 de fevereiro de 2020

.: Conheça o elenco de “Lilás - Um Musical em Tons Reais” de Francisca Braga



Foto: Caio Gallucci

A MP Produção Cultural, responsável por grandes espetáculos como “Lisbela e o Prisioneiro, O Musical”, “Blink, de Phill Porter” e “Hoje é dia de Maria, O Musical”, volta aos palcos em 2020 com “Lilás, Um musical em Tons Reais”, um texto original de Francisca Braga, com músicas de Djavan.

O espetáculo aborda temas primordiais para o coletivo como inclusão de pessoas com mobilidade reduzida, alienação da sociedade, depressão e drogas. Narrando a história da bailarina Liz que trabalha em uma ONG e dedica sua vida a tirar crianças das ruas. Seu namorado, o artista plástico Miguel acredita que sua parceira se expõe demais em seu trabalho, envolvendo-se em situações perigosas. Apaixonados, a vida do casal de artistas transcorre normalmente até que algo inesperado acontece mudando radicalmente este cenário de amor e leveza. Neste novo panorama, Liz e Miguel terão que reconstruir suas vidas. Uma história verdadeira de amor, força e delicadeza que emociona e inspira. Músicas como “Lilás”, “Um amor puro”, “Samurai” e “Oceano” auxiliam no enredo deste romance.

“Lilás – Um Musical em Tons Reais” traz ao palco o os atores Ligia Paula Machado e Luiz Araújo como o casal Liz e Miguel, o musical tem texto de Francisca Braga, direção geral de Kleber Montanheiro, direção de produção de Ligia Paula Machado, e direção musical de João Pardal os músicos tocam ao vivo no palco. O musical terá arranjos originais para quinze canções de Djavan.

O espetáculo estreia em São Paulo no dia 09 de maio no Teatro Arthur Azevedo, na Moóca, com sessões aos sábados às 21h e domingos às 19h. Os ingressos começarão a ser vendidos em breve.

Ficha técnica:
Autor: Francisca Braga
Diretor: Kleber Montanheiro
Diretor Musical e Arranjos: João Pardal
Elenco: Ligia Paula Machado e Luiz Araújo
Cenário e Iluminação: Kleber Montanheiro
Figurino: Francisca Braga
Coreografias: Alberto Goya e Ligia Paula Machado
Assistente de Produção: Tiago Queiróz e Biah Carfig
Designer de Som: Bruno dos Reis
Músicos: João Pardal (guitarra), Jonatan Motta (Violino), Ian Gonçalves (Piano).
Técnicos de Palco: Gustavo Veiga, Renato Toledo.
Designer Gráfico: Fellipe Guadanuci
Fotos: Caio Gallucci
Advogado: Marcos Zotovici
Assessoria Contábil: Adriana Rossi
Assessoria de Imprensa: May Calixto por Unicórnio Assessoria
Estagiários (assistência de produção): Giovanna Leão e Janaína Vale.
Direção de Produção: Ligia Paula Machado
Produção: MP Produção Cultural


Sobre a MP Produção Cultural
Fundada em 2009 é dirigida pela atriz e diretora Ligia Paula Machado e tem como sócia a empresária e escritora Francisca Braga. Em 2009 produziu o espetáculo O PRIMO BASÍLIO – O MUSICAL, patrocinado pelo Banco Bradesco, indicado ao Prêmio Contigo! como melhor espetáculo musical nacional e rendeu 3 temporadas em SP e RJ. Em 2011 a produtora alcançou 13 cidades de São Paulo com a montagem de "Eu sei que vou te amar" de Arnaldo Jabor e direção de Ewerton de Castro. Em 2014 e 2015 foi a vez da produção “Lisbela e o Prisioneiro, um Musical Circense” realizado no em São Paulo no Shopping Frei Caneca, no Rio de Janeiro no Theatro Net Rio e em mais cinco cidades. Em 2016 foi a vez de “BLINK”, de Phil Porter que rendeu duas temporadas e indicação ao prêmio Aplauso Brasil. Também nos anos de 2016 e 2017 a produtora realizou a montagem de “Hoje é dia de Maria – Musical” em São Paulo (capital) e temporada popular nos teatros da prefeitura de SP, rendendo o prêmio Cetip, ao receber uma cadeira no teatro com dedicatória ao espetáculo e à protagonista.

Sobre a Equipe Criativa
Kleber Montanheiro (Cleber Paulo Montanheiro) – Ator, diretor, cenógrafo, figurinista e iluminador. Destaca-se na criação de cenário, figurino e luz do espetáculo Misery, com Marisa Orth e Luis Gustavo; Cada um com seus ‘pobrema’, de Marcelo Médici; Ganhou duas vezes o prêmio APCA – Melhor Direção (2008 e 2012), recebeu o prêmio FEMSA 2009 por melhor diretor, em 2012 como Melhor Cenário e Figurino e em 2013 melhor Iluminação; indicado ao prêmio CPT 2012 pela direção de Cabeça de Papelão. Tem em seu currículo mais de 20 espetáculos dirigidos, além das assinaturas em criação de cenários e figurinos.

Ligia Paula Machado - atriz, cantora, bailarina clássica e diretora da MP Produção Cultural. Iniciou sua carreira em 2005, quando estreou como atriz o Musical “Avoar”, de Vladimir Capella no teatro Imprensa e após o Musical “A Flauta Mágica” com Direção de Roberto Lage. Em 2007 começou a produzir seus próprios espetáculos, nos quais também trabalhava como atriz, dentre eles: “A Noite dos Assassinos”, de José Triana; “Quando as máquinas param”, de Plinio Marcos; “Entre Quatro paredes”, de Jean Paul Sartre. Em 2009, com a abertura da empresa desenvolveu projetos com leis de incentivo dentre eles: “O Primo Basilio Musical”; “Lisbela e o Prisioneiro Musical”; “Blink, Phil Porter”, “Hoje é dia de Maria, Musical”.

Francisca Braga (Shirlei Machado Pires) - Formada em Letras, Pedagogia e Especialista em Literatura Brasileira, utiliza sua formação para exercer a profissão de escritora e roteirista nas adaptações teatrais e musicais da MP Produção Cultural, além da função de produtora associada.

João Pardal (João Paulo Machado Pardal) - Guitarrista e violonista, bacharel em música pelo Conservatório Musical Souza Lima. Atualmente prepara o seu mestrado em composição na unicamp como aluno especial. Foi integrante da JAZZ BIG BAND DE SÃO VICENTE e atualmente produz seu trabalho autoral: JOÃO PARDAL GROUP (Proac/SP) e JOÃO PARDAL TRIO. Desde 2009 atua como músico em espetáculos como: “O PRIMO BASÍLIO- O MUSICAL”, “LISBELA E O PRISIONEIRO – O MUSICAL” e “HOJE É DIA DE MARIA- O MUSICAL”. Realizou a função de DIRETOR MUSICAL na peça “A VALSA n° 6” de Nelson Rodrigues. João Pardal Toca com o apoio da ROLAND/ BOSS Brasil.


.: Diário de uma boneca de plástico: 17 de fevereiro de 2020


Querido diário,


Feliz Ano Novo, meu lindo! 

Pois é... até hoje não tinha escrito em você. Confesso que esse ano chegou com tudo e muito mais. Num gigante turbilhão de emoções e acontecimentos, não consegui parar e contar como estou.

Ok. Comecei o ano viajando em família. Fomos para Curitiba e Santa Catarina. Claro que fomos também no Beto Carrero World, por conta própria. E coçamos bem o bolso, afinal estávamos em Curitiba e de lá até Penha, Santa Catarina é chão. À vista, eu e Auden Pink pagamos R$ 500,00. Para 2021, teremos que ver uma estadia em Santa Catarina, pois esse vai e vem custa e muito. 

Por que não fomos no Beto Carrero quando ainda estávamos em Santa Catarina? Simples! Fomos com uma excursão, de Joinville, nos despedimos e seguimos para Curitiba. Por isso!

Não podemos reclamar, viu! Apesar das enganações que surgiram na nossa vida, pintados de ouro e com brilhantes incrustados, 2020 está fluindo. Amém!

Beijinhos pink cintilantes e até amanhã,


Donatella Fisherburg

Redes sociais:
facebook.com/Photonovelas
twitter.com/DonaFisherburg
instagram.com/donatellafisherburg




.: Espetáculo com Juca de Oliveira e Fulvio Stefanini é opção para o Carnaval


“Mãos Limpas”, espetáculo inédito que marca o retorno da parceria entre Juca de Oliveira e Fulvio Stefanini após 20 anos, vai ter sessões no final de semana do Carnaval. A montagem tem apresentações dias 21, 22 e 23 de fevereiro, sexta e sábado, às 21, e domingo, às 18h, no Teatro Renaissance, em São Paulo. Ingressos à venda em sympla.com.br.

O elenco também conta com Taumaturgo Ferreira, Bruna Miglioranza, Claudia Mello e Nilton Bicudo. A direção é de Léo Stefanini, que já trabalhou em peças como “O Pai”, “Esperando Godot”, “As Atrizes”, entre outras.

O texto de Juca de Oliveira é uma comédia que flerta com a crítica política e social do nosso país. O que pode acontecer quando dois traficantes vão se esconder em um apartamento desabitado, após fugir de uma batida policial? E se esse apartamento vazio for de um senador “mão-leve” que às escondidas da esposa o comprou para presentear sua linda assessora parlamentar? E se colocarmos uma bela quantidade de dólares escondidos em um paraíso fiscal dentro desse caldeirão? O o Teatro Renaissance fica na Alameda Santos, 2233 - Jardim Paulista. Classificação: 14 anos.

.: Carnaval: barulho demais pode afetar a audição


Foliões, aproveitem os blocos, os trios, mas se protejam para não perderem a audição antes da hora


O carnaval é a época mais esperada do ano por muita gente. E tem aqueles quem não saem das ruas, da manhã à noite, em todos os dias de Momo. Mas, em meio à tanta alegria, a maior festa popular do país esconde perigos que podem surgir por várias razões, entre elas pelo alto volume dos instrumentos eletrônicos e de percussão, das músicas e do som das baterias dos blocos e trios elétricos. Toda essa barulheira pode prejudicar a audição não só dos foliões, mas também dos músicos e percussionistas.

Os efeitos de tamanha exposição ao barulho podem ser devastadores a longo prazo, de acordo com médicos e fonoaudiólogos. Tudo começa com uma sensação de abafamento nas orelhas ou zumbido, que pode durar horas, mesmo estando o folião já em casa. O pior é quando esses sintomas se prolongam por dias ou não desaparecerem. Aí pode ser sinal de algo mais grave.

"A permanência próxima ao barulho por grandes períodos pode lesar as células ciliadas que ficam dentro da orelha. A sensação de 'ouvido tampado' ou zumbido normalmente desaparece até as 12 horas seguintes à exposição ao barulho. Mas se o ruído for por vários dias seguidos, essas células ciliadas podem se degradar por completo e, como não se regeneram, acontece a perda de audição",  explica Marcella Vidal, fonoaudióloga da Telex Soluções Auditivas.

Qualquer pessoa que permanecer próxima a sons muito altos está sujeita a sofrer danos auditivos. No caso das crianças, os cuidados devem ser redobrados. O barulho gera irritação, choro e elas podem sentir um forte zumbido na orelha sem que os pais nem ao menos percebam.

De acordo com a Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico Facial, no carnaval a intensidade de som pode atingir 120 decibéis, seja na folia das ruas, junto aos trios elétricos ou nos bailes dos clubes. Para se ter uma ideia, essa potência é próxima ao som da turbina de um avião. Os integrantes da bateria de uma escola de samba, por exemplo, estão expostos a ruídos de até 110 decibéis.

"Uma das principais causas de perda auditiva é a exposição prolongada a sons muito altos. A orelha humana suporta bem os sons até 80 decibéis, por mais ou menos oito horas por dia. Com 120 decibéis, a tolerância segura cai para apenas 15 minutos; depois desse período podem começar os danos à audição", alerta Vidal, que é especialista em audiologia.

Quem brinca a 50 metros de um trio elétrico está exposto a ruídos de até 96 decibéis e quem fica logo atrás do trio enfrenta um barulho ainda maior, que pode chegar a 120 decibéis.  "Como a cada ano festa de Momo dura mais tempo, os riscos aumentam tanto para os que curtem a folia nas ruas quanto para todos os que trabalham nos palcos e trios elétricos, sem falar dos músicos nos bailes e ritmistas das escolas de samba", pontua a fonoaudióloga da Telex.

A Perda Auditiva Induzida por Níveis de Pressão Sonora Elevados (PAINPSE) é resultado da exposição prolongada a ruídos no decorrer da vida. Os danos à audição podem demorar a aparecer, mas vão se acumulando no decorrer dos anos. Por isso, para quem quer se esbaldar com segurança atrás dos trios ou blocos, Marcella Vidal recomenda uma distância mínima de 20 metros do equipamento de som, além do uso de protetores auriculares, que diminuem o impacto do barulho nas orelhas. Os ritmistas também devem usar a proteção. "O atenuador diminui o som que entra pelos ouvidos, permitindo que se escute a música ou o batuque em um volume aceitável", explica a especialista.

E para quem acha que é 'careta' usar protetores auriculares, saiba que ele é um acessório fundamental para a saúde auditiva. Além disso, hoje os acessórios estão mais moderninhos. Feitos em silicone, são moldados de acordo com a anatomia da orelha de cada usuário e ainda podem ser coloridos, para combinar com a fantasia de carnaval. Práticos e essenciais, podem ser encontrados nas unidades da Telex Soluções Auditivas (telex.com.br).

Cuide de sua audição para poder brincar com alegria por muitos e muitos carnavais.

Dicas para se proteger nos dias de folia:

* Em bailes ou junto de blocos e trios elétricos, mantenha distância mínima de dez metros dos equipamentos de som;
* Faça pausas de pelo menos meia hora, saindo do barulho para ambientes mais silenciosos;
* Use protetores auriculares para diminuir o impacto do barulho nas orelhas;
* Para bebês e crianças menores, mantenha distância de qualquer fonte sonora com alto volume por pelo menos 100 metros;
* Para crianças maiores e adolescentes, é recomendável intervalos na exposição sonora sempre que possível (além do uso de protetores nos ouvidos);
* Questione se a criança ou adolescente percebeu mudanças na audição – zumbido ou algum tipo de abafamento ou dor. Caso a resposta seja positiva, leve-o a um otorrinolaringologista.


.: "Enzo Rabelo Ao Vivo": aos 12 anos cantor lança primeiro DVD


Trabalho será lançado em quatro volumes


A pouca idade não é obstáculo para Enzo Rabelo ser um verdadeiro fenômeno e, mais uma vez, o cantor mirim dá provas disso. Aos 12 anos, Enzo lança seu primeiro DVD, com sucessos já conhecidos pelo público, como “Tijolinho por Tijolinho” e “Iti Malia”, e regravações de outros artistas.

Gravado em Uberlândia, o DVD surgiu de uma forma inusitada, seguindo a espontaneidade de uma criança. Isso porque Enzo e sua equipe ensaiavam para a sua primeira turnê, mas o resultado deu tão certo que acabou virando seu primeiro DVD.

“Enzo Rabelo Ao Vivo” será lançado em quatro partes e a primeira foi disponibilizada na sexta-feira (14) em todas as plataformas de áudio. Inclui as faixas “Tijolinho por Tijolinho”, “Ligação Urbana / Nosso Santo / Dona Maria”, “Contratado da Marvel” e “Pancadão / Brisa”. O vídeo de cada faixa será divulgado ao longo dos próximos dias no canal oficial do Youtube, começando com “Tijolinho por Tijolinho”.

Mesmo tão jovem, Enzo segue colecionando números impressionantes. São mais de 1 milhão de ouvintes mensais no Spotify, mais de 3 milhões de inscritos no canal do Youtube e mais de 600 milhões de visualizações na mesma plataforma. O filho de Bruno, da dupla com Marrone, mostra que carrega o DNA da música e promete novidades para 2020.



Confira a primeira faixa de "Enzo Rabelo Ao Vivo":

 


 

.: Resumo do 459º ao 463º capítulo de "As Aventuras de Poliana", do SBT

As Aventuras de Poliana

Resumo dos Capítulos 459 a 463 (17 a 21.02)




Capítulo 459, segunda-feira, 17 de fevereiro



Raquel encontra Chuvisco, mas não consegue descobrir a verdadeira identidade de Dark Lady.Foto: João Raposo/ SBT


Pendleton sugere que Luisa fique em sua casa enquanto se recupera do acidente. Violeta avisa Antônio, seu pai, que voltou de viagem para ficar. Débora continua a reivindicar pela casa. Raquel encontra Chuvisco, mas não consegue descobrir a verdadeira identidade de Dark Lady. Glória oferece que Violeta fique em sua casa. Brenda não aparece no encontro e Jeff suspeita de que ela seja a Dark Lady. Ruth pede a Bento que passe a considerar a ideia de João ir morar com eles. Receoso de que as ameaças continuem, Durval decide conversar com Ruth sobre a situação com a Dark Lady.


Capítulo 460, terça-feira, 18 de fevereiro

Filipa pergunta se Eric está interessado em Poliana. Foto: João Raposo/ SBT


Afonso e Fernanda se beijam. Ester se recusa a fazer um favor para Luisa e ela estranha seu comportamento. Bento pede desculpas a João e diz que ele é bem vindo para morar na casa de Ruth. A suposta Dark Lady faz uma armadilha para Raquel e a expõe em frente a todos os alunos na escola. Arlete pede que Durval dê um emprego para Mosquito. Ruth e Helô chamam Durval para conversar na diretoria. Filipa pergunta se Eric está interessado em Poliana. Sophie conhece Violeta, a ex namorada de Iure. Jeff conta aos amigos que Brenda não apareceu no encontro marcado e Mirela a acusa de ser a falsa Dark Lady. Waldisney liga para Branca se passando por sua mãe.

 

Capítulo 461, quarta-feira, 19 de fevereiro



No colégio, Marcelo desperta o interesse de Violeta. Foto: Lourival Ribeiro/ SBT



Filipa espalha a notícia da existência de um perfil "shippando" Poliana e Eric nas redes sociais, e acusa a menina de ter criado. Gleyce pede que Helô ajude Mosquito em seu processo de mudança. Lorena descobre que Raquel é a verdadeira Dark Lady e fica chateada. Raquel é suspensa do colégio, e  indignada, Mirela denuncia Brenda para a diretora Ruth. Gael e Benício encontram Mário jogando Vetherna no colégio e percebem que o amigo está viciado. Mesmo contra a sua vontade, Vini retoma o namoro com Gabi. Ruth chama Brenda e sua mãe para conversar na diretoria. No colégio, Marcelo desperta o interesse de Violeta. Mosquito começa a trabalhar na padaria de Durval. Luca chama Carla e Gabi em sua casa para ter uma importante conversa.




Capítulo 462, quinta-feira, 20 de fevereiro


João vai morar na casa de Ruth e Bento. Foto: Beatriz Nadler/ SBT

Após provar sua inocência, Brenda fica chateada com Jeff pela desconfiança do namorado. Branca diz a Nancy que continua desconfiada de Waldisney. João pede para Marcelo conversar com Ruth para que ele continue morando em sua casa. Jeff leva uma dura de Roger em frente a todos da empresa. Glória pede para Débora parar de difamar seu filho. Ester convida Filipa para ir a sua casa. Os responsáveis pela suposta Dark Lady ficam apreensivos após a denúncia de Durval a polícia. João vai morar na casa de Ruth e Bento. Os amigos de Raquel levantam a hipótese de que Jerry possa ser a Dark Lady.


Capítulo 463, sexta-feira, 21 de fevereiro


Bento começa a criar intrigas entre Ruth e João. Foto: Lourival Ribeiro/ SBT

 

Na reunião do CLP, Verônica pede que Débora libere verba para investir no projeto de Gleyce. Débora diz que não tem verba no caixa e as mulheres ficam desconfiadas. Ruth começa a implicar com Feijão. Ester leva Filipa para conhecer seu antigo quarto. Gleyce, Arlete e Verônica, vão até o terreno supostamente comprado por Débora, e notam que as obras não foram iniciadas. Afonso vai até a casa de Fernanda, e ela finge não estar em casa. Violeta e Marcelo começam a se conhecer melhor. Bento começa a criar intrigas entre Ruth e João. Verônica pressiona Roger quanto o andamento da obra do CLP. Antônio pede que Violeta não se aproxime de Marcelo. Na casa de Pendleton, Filipa presencia e filma uma cena chocante.

“As Aventuras de Poliana” é exibida de segunda a sexta às 20h50 no SBT. Site oficial: sbt.com.br/novelas/as-aventuras-de-poliana


domingo, 16 de fevereiro de 2020

.: Marília Mendonça lança primeiro clipe da carreira


A pausa nos shows para se dedicar ao primogênito não impede Marília Mendonça de lançar uma sofrência atrás da outra, desta vez, com um diferencial. A cantora traz o primeiro videoclipe de sua carreira em “Tentativas”. A faixa faz parte do projeto “Todos os Cantos”, e não pôde ser gravada em local público, como sempre acontece. Em virtude disso, a cantora optou por gravar o clipe na mesma praia em que viu o mar pela primeira vez.

"Tentativas" é o segundo lançamento deste ano e foi gravada no final da gestação da cantora, que já deu a luz ao seu primeiro filho Leo. “Graveto”, divulgada em janeiro, já se aproxima dos 40 milhões de visualizações e está entre as 10 músicas mais tocadas no Spotify Brasil.

A opção de gravar o clipe surgiu para não interferir no roteiro traçado para o projeto, "As cidades não são escolhidas de forma aleatória, sendo assim, não conseguimos pular etapas", explica Catatau, diretor de vídeo.

“O Espírito Santo é um lugar muito especial para mim e não tinha como deixar de fora desse projeto que é um sonho se tornando realidade. Resolvemos fazer algo que fosse marcante e acho que o resultado ficou lindo, espero que meus fãs sintam a mesma emoção que senti", declarou a cantora.

Marília já avisou que a nova faixa deve agradar muito: “O próximo lançamento vai ser 80% de identificação ou mais...preparem”. “Todos os Cantos” será retomado em breve, lembrando que a cantora retorna aos palcos no próximo dia 06 de março no Espaço das Américas/SP.


TENTATIVAS
(Gabriel Agra/ Luiz Henrique Paloni/ Thiago Teg/ Graciano Teg/ Matheus Marcolino)

Por que que tá errado se tem tudo pra dar certo
Por que é que a gente não tá perto
Nosso amor coleciona tentativas sem sucesso
E a solução eu não enxergo
Falta paciência e sobra personalidade
Quando um vai falar o outro não sabe escutar
Nessa hora o sangue ferve
E o controle a gente perde
Um joga a culpa no outro e terminamos de novo
Não tem amor que aguenta isso não tem
A gente tá fazendo mais mal do que bem
Acho que eu não dou certo com ninguém
Desse problema cê sofre também




Confira "Tentativas"


.: De Férias com o Ex Brasil: conheça os participantes da nova temporada

Em pleno período de gravação, o programa reúne 10 jovens solteirxs numa mansão em um cenário inédito e paradisíaco em Jericoacoara (CE)

Matheus Crivella (Novinho), que participou da quarta edição do programa como ex, está de volta ao elenco

A temporada vai contar também com duas novidades: Cabine dos Segredos e Sala da Verdade, espaço exclusivo para passar tretas a limpo, além de contar com diversas votações, incluindo Crush do Momento

De Férias Com o Ex Brasil é um projeto da MTV realizado pelo VIS (Viacom International Studios) em parceria com a Amazon Prime Video e produzido pela Floresta Produções no Brasil

Foto: Divulgação MTV. Da esquerda pra direita: Caio Cabral, Jéssica Marisol, Rafael Vieira, Mayara Cardoso, João Hadad, Mina Winkel, Matheus Crivella, Flávia Caroline, Igor Adamovich e Bárbara Morais


 

A MTV Brasil acaba de apresentar os 10 jovens solteirxs selecionadxs para participar da nova temporada de De Férias Com o Ex Brasil. Pela primeira vez, o programa está sendo gravado na paradisíaca praia de Jericoacoara, no litoral do Ceará. A previsão de estreia é no primeiro semestre deste ano. Os episódios poderão ser assistidos toda quinta-feira, na MTV, ou via streaming no Brasil e países da América Latina exclusivamente no Amazon Prime Video.

Duas novidades prometem esquentar o clima e colocar os participantes pra jogo: Cabine dos Segredos e Sala da Verdade, espaço exclusivo para que os participantes possam passar suas tretas a limpo, além de participarem de diversas votações, incluindo o Crush do Momento - nesta dinâmica, os participantes poderão votar na pessoa mais "quente" da casa que, uma vez eleita, poderá escolher seu par para um date ou até para a suíte master.

Com participações musicais que serão anunciadas em breve, esta edição promete ser ainda mais explosiva e inesquecível do que nunca.

O elenco

A MTV Brasil apresenta os dez participantes da nova temporada do De Férias com o Ex Brasil que estão em busca de curtição e pegação durante as tão sonhadas férias. No entanto, alguns problemas no paraíso podem ocorrer quando seus exs começam a chegar. Prontxs para viver as melhores férias (ou as mais loucas e intensas), esse time se submete ao humor do temido 'Tablet do Terror', que se mostra ainda mais provocativo e desafiador.

Matheus Crivela (Novinho), que participou da quarta temporada do programa como ex, faz parte do novo casting. Ele, que foi destaque por sua personalidade despojada, engraçada e sem papas na língua, está de volta ao programa entre os 10 participantes iniciais.

Bárbara Morais, Flávia Caroline, Jéssica Marisol, Mayara Cardoso, Mina Winkel, Caio Cabral, João Hadad, Rafael Vieira e Igor Adamovich integram o elenco desta edição.

Essa turma selecionada a dedo sabe bem como viver momentos intensos e inesquecíveis. A ideia é curtir ao máximo, como se não houvesse amanhã, ou tentar recuperar um grande amor do passado?









#ExNaMTV
#DeFeriasComOExBrasil
@MTVBrasil

 
 

.: Qual deve ser o hit do carnaval de São Paulo este ano?

Ecad aponta axé e marchinhas como os maiores sucessos em 2019 e já iniciou o trabalho intenso para a folia deste ano


Quem já poderia apostar qual será o grande sucesso musical do carnaval deste ano em São Paulo? No último carnaval, o axé e as marchinhas foram os dois gêneros musicais que se destacaram no estado. De acordo com o Ecad (Escritório Central de Arrecadação e Distribuição), as marchinhas “Mamãe Eu Quero”, de autoria de Jararaca e Vicente Paiva; e “A Jardineira”, de autoria de Humberto Carlos Porto e Benedito Lacerda, foram apontadas como as músicas mais tocadas em 2019 em shows, trios elétricos, bailes de carnaval, casas de diversão e eventos de rua. Já entre os hits de axé, sucessos como “Eva”, “Milla” e “Praieiro” fizeram a alegria dos foliões paulistas.

“Em São Paulo, o carnaval vem crescendo muito nos últimos anos e o trabalho do Ecad é fundamental para garantir os direitos autorais de quem cria ou criou os grandes sucessos desse período de folia.  O nosso papel é ser um elo eficiente entre os músicos, compositores, artistas e os estabelecimentos e canais que executam música”, disse Karina Attisano Guerreiro, gerente da unidade em São Paulo do Ecad.

No ano passado, o Ecad distribuiu em todo país o valor de R$ 21 milhões, beneficiando mais de 14 mil artistas.

Para o carnaval, a entidade produz dois rankings com as músicas mais tocadas: o ranking de shows e trios elétricos e o ranking de bailes, eventos de rua e casas de diversão.

Ranking - Shows de carnaval e trios elétricos – estado de São Paulo - 2019

(Esse ranking indica as músicas mais tocadas em shows e trios elétricos no estado de São Paulo no ano de 2019)

                                

1º - Mamãe Eu Quero (autoria de Jararaca/Vicente Paiva)

2º - A Jardineira (autoria de Humberto Carlos Porto/Benedito Lacerda)

3º - Eva (autoria de Katamar/Umto/Ficarelli)     

4º - País Tropical (autoria de Jorge Ben Jor)                    

5º - É O Tchan - Pot-pourri Melo Do Tchan / Pau Que Nasce Torto (autoria de Bieco Do Tchan/Cau Lima/Cicinho)

6º - Não Quero Dinheiro (autoria de Tim Maia)

7º - Praieiro (autoria de Manno Góes)

8º - Taj Mahal (autoria de Jorge Ben Jor)

9º - Arerê (autoria de Alaim Tavares/Gilson Babilônia)

10 º - Milla (autoria de Tuca Fernandes/Manno Góes)


Ranking - Carnaval em bailes, eventos de rua, casas de diversão - 2019

(Esse ranking indica as músicas mais tocadas em bailes de carnaval, casas de diversão e eventos de rua no estado de São Paulo no ano de 2019)                                           

1º - Mamãe Eu Quero (autoria de Jararaca/Vicente Paiva)

2º - A Jardineira (autoria de Humberto Carlos Porto/Benedito Lacerda)

3º - Me Dá Um Dinheiro Aí (autoria e Homero Ferreira/Glauco Ferreira/Ivan Ferreira)

4º - Allah-la-ó (autoria de Antonio Nassara/Haroldo Lobo

5º - Cabeleira Do Zezé (autoria de João Roberto Kelly/Roberto Faissal)

6º - O Teu Cabelo Não Nega (autoria de João Valença/Lamartine Babo/Raul Do Rego Valença)

7º - Marcha Da Cueca (autoria de Carlos Mendes/Celso Teixeira/Livardo Alves Da Costa)

8º - Ta-hi (autoria de Joubert De Carvalho)

9º - Marcha Do Remador (autoria de Antônio Almeida/Castelo)

10 º - Sassaricando (autoria de Candeias Jota Jr./Luiz Antonio/Castelo/Mario Gusmão Antunes)










O Ecad é a instituição responsável pela arrecadação e distribuição de direitos autorais na área da música no país. No carnaval, a entidade atua como facilitador no processo de cobrança dos direitos autorais junto aos locais e espaços que realizam bailes e eventos carnavalescos, informando sobre a importância da retribuição autoral para os artistas e esclarecendo outras dúvidas que possam existir por parte do cliente. Além disso, o Ecad identifica as músicas tocadas nos diversos shows e eventos para fazer a distribuição dos valores aos artistas que as criaram.

Promotores de eventos, blocos de rua, prefeituras e espaços que usam música publicamente, como clubes, casas de shows e bares devem pagar direitos autorais aos artistas por meio do Ecad. É importante ressaltar que o pagamento deve ser feito previamente à utilização da música no local.

Todos os critérios e formas de cálculo estão no Regulamento de Arrecadação e na Tabela de Preços, disponíveis para consulta no site do Ecad (ecad.org.br).

 

.: Japan House São Paulo tem programação especial em fevereiro



O mês de fevereiro na Japan House São Paulo traz roteiro diversificado para o público que frequenta o endereço na Avenida Paulista. A programação inclui a abertura de duas novas exposições, uma já em cartaz - a mostra ‘Construção’ conta com instalação com mais de 180 mil hashis feito pelo artista japonês Tadashi Kawamata; e outra que abre ao público em 18/02 - ‘Japão em Sonhos’ que ocupa o térreo da casa com um experiência imersiva realizada por meio de projeções de grande escala em vídeo mapping, em que o visitante tem a oportunidade de fazer uma viagem sensorial ao Japão.

Adicionando à programação da casa, a instituição cultural apresenta ainda workshop de pintura do Daruma de Takasaki; visitas guiadas para conhecer o prédio e lançamento de mais um episódio do Podcast sobre literatura japonesa.

Confira detalhes da agenda:

EXPOSIÇÃO ‘CONSTRUÇÃO’, DE TADASHI KAWAMATA

Até 12 de abril, a JAPAN HOUSE São Paulo apresenta a obra ‘Construção’, de Tadashi Kawamata, artista japonês de destaque na cena contemporânea internacional. Kawamata reconhecido por realizar instalações de grande dimensão com o uso de materiais pouco convencionais, como os hashis que poderão ser vistos na obra feita com mais de 180 mil peças deste importante elemento do cotidiano da cultura nipônica.

Em seu trabalho, o artista levanta questões sobre as necessidades e desejos humanos, por meio de um estudo cuidadoso que oferece ao expectador um novo ponto de vista do local em que a obra se encontra. Pensada especialmente para a Japan House São Paulo, após uma visita do artista, a instalação evidencia um organismo que reage ao espaço em que está inserido, em uma movimentação que toma grande escala no segundo andar do centro cultural.

EXPOSIÇÃO ‘JAPÃO EM SONHOS’

De 18 de fevereiro a 26 de abril, uma instalação imersiva intitulada “Japão em Sonhos”, realizada por meio de projeções de grande escala em vídeo mapping estará no térreo do centro cultural A experiência oferecerá ao visitante uma viagem de sonhos por meio de figuras icônicas do Japão, numa sequência que traz desde a beleza efêmera da florada das cerejeiras, o festival de lanternas (Tsunan Yuki Matsuri) até uma floresta misteriosa habitada por espíritos do folclore japonês.

Criada pela empresa Danny Rose Studio, a obra oferece um vislumbre da grande diversidade, riqueza e modernidade do ukiyo-e. A instalação tem indicação para todas as idades e promete maravilhar com sua trilha sonora marcante e grande diversidade de imagens, incluindo trabalhos do movimento artístico nipônico conhecido como ukiyo-e.

WORKSHOP: PINTURA DO DARUMA DE TAKASAKI

Conhecido como um amuleto de sorte e perseverança, o Daruma é tema do workshop ‘Pintura do Daruma de Takasaki’, realizado no dia 18/02 e organizado em parceria com a SHIN – loja localizada no térreo da Japan House São Paulo, que reforça a missão do espaço com produtos que retratam o Japão contemporâneo e apresenta com exclusividade no Brasil trabalhos de artistas como Masanobu Ando, Kazumi Tsuji, Ryuji Mitani, Akito Akagi e Reiko Sudo

Com vagas limitadas, o evento tem indicação para toda a família. Cada participante receberá seu próprio Daruma para realizar a prática da pintura, além de conhecer mais sobre o tradicional boneco, sua história, processo de produção e motivos pelos quais um dos olhos deve ficar sem tinta.

NOVO EPISÓDIO DO PODCAST DA JAPAN HOUSE SÃO PAULO

No 5º episódio, a Japan House São Paulo mergulha em um dos maiores clássicos da literatura japonesa, “O Mestre de Go”, de Yasunari Kawabata, que utiliza o jogo de estratégia Go para contar a história de um novo Japão que nasce no pós-guerra. Este episódio conta com a participação de Antonio Garcia, Yoshito Yoshitaki, Madalena Cordaro, Arthur Dapieve, Ricardo Lísias e Jacques Fux. Lançado em novembro/2019, o podcast Japan House São Paulo possui cinco episódios e é produzido pela Rádio Novelo. http://bit.ly/JhspPodcast

VISITAS MEDIADAS PARA CONHECER A JAPAN HOUSE

E para completar, durante todo o mês de fevereiro, sempre às quartas-feiras, dias 19 e 26/02, às 17h, os visitantes podem participar de visita guiada pelo prédio para conhecer a arquitetura e os conceitos que estruturam a Japan House São Paulo.

‘Construção’, Tadashi Kawamata

De 04 de fevereiro a 12 de abril de 2020
Segundo andar

Japão em Sonhos
De 18 de fevereiro a 26 de abril de 2020
Térreo

Workshop: Pintura do Daruma de Takasaki
Terça-feira, 18 de fevereiro, às 15 horas
Classificação etária: acima de 6 anos

Participação gratuita
Senhas disponíveis uma hora antes da palestra devem ser retiradas na recepção.

Visitas mediadas - Conhecendo a Japan House São Paulo
Quartas-feiras, dias 19 e 26 às 17h
Não é necessário retirar senha
 

Agendamentos de grupos pelo e-mail: educativo@jhsp.com.br

Podcast Japan House São Paulo

5º Episódio: “O Mestre de Go”, de Yasunari Kawabata

Para ouvir: JhspPodcast

JAPAN HOUSE São Paulo - Avenida Paulista, 52
Horário de funcionamento:
Terça-feira a Sábado: das 10h às 22h
Domingos e feriados: das 10h às 18h
Entrada gratuita
Confira a programação no: www.facebook.com/JapanHouseSP

Sobre a JAPAN HOUSE São Paulo: A JAPAN HOUSE São Paulo é uma instituição dedicada a mostrar o melhor do Japão do século 21. Inaugurada em maio de 2017, foi a primeira a abrir as portas no mundo, seguida por Los Angeles (inauguração total em agosto/2018) e Londres (inaugurada em junho/2018). Desde sua abertura, o público brasileiro vem sendo convidado a ter uma experiência dos modos de viver do Japão contemporâneo. A JAPAN HOUSE São Paulo promove, em seus três andares, exposições, seminários, workshops e atividades que trazem ao Brasil os mais relevantes criadores e empreendedores japoneses da atualidade nas artes, no design, na moda, na gastronomia, na ciência e na tecnologia. A instituição já recebeu mais de dois milhões de visitantes.


Postagens mais antigas → Página inicial
Tecnologia do Blogger.