quinta-feira, 9 de maio de 2019

.: Em maio: Julia Lemmertz estreia no Rio "Simples Assim'"

Espetáculo entra em cartaz a partir de 31 de maio, no Teatro dos Quatro, com direção de Ernesto Piccolo e adaptação de Martha Medeiros e Rosane Lima


Felicidade pode e deve ser simples. É preciso estar atento às sutilezas, celebrar as pequenas conquistas, viver a vida sem complicações. Em tempos e dias cada vez mais acelerados, o fundamental é respirar, descomplicar. Baseado na obra de Martha Medeiros, "Simples assim" reflete sobre nossos dias, com muito humor e afeto, como é usual na obra da escritora, uma das mais celebradas cronistas brasileiras. Com direção de Ernesto Piccolo e adaptação da própria Martha, ao lado de Rosane Lima, o espetáculo tem Julia Lemmertz, Georgiana Góes e Pedroca Monteiro no elenco, a partir de 31 de maio, no Teatro dos Quatro, em uma produção original da Turbilhão de Ideias e apresentação do Circuito Cultural Bradesco Seguros. 

A peça traz o espírito meio esquizofrênico desta época. A vida é difícil, mas a simplicidade salva. Corruptos existem, mas eles nada podem contra a morte. A tecnologia nos domina, mas o amor segue imperioso. Tudo se entrelaça. É um texto para rir e pensar sobre essa birutice toda”, comenta Martha. O elenco se divide em vários personagens. Passeiam pela cena um apresentador, uma editora, a amiga viajante, o amante casado, a esposa ocupada, a dublê, a irmã solteira, o empresário e até a morte. Todos dando vida ao universo particular da autora, com seu olhar tão apurado sobre o humano e suas contradições.

"Simples assim" fala de relações interpessoais no mundo contemporâneo, nesse tempo acelerado e mediado por uma tecnologia invasiva e incontornável. As cenas exploram detalhes dessas relações no cotidiano, procurando o que permanece de humano nos personagens em meio a tantas transformações. Montar a peça hoje é abrir um espaço de pensamento e, ao mesmo tempo, de prazer para os espectadores, desejando que eles possam rir e refletir sobre nossa linda e atribulada humanidade”, explica Rosane. “É a peça mais rock´n´roll, mais atual da Martha. Ela tem um lado muito humano e também traz lampejos sociais e políticos muito atuais”, acrescenta Ernesto.

O espetáculo é uma adaptação de duas obras de Martha Medeiros, a que batiza a peça e ‘Quem diria que viver iria dar nisso’. Uma das mais importantes escritoras brasileiras da atualidade, Martha teve suas obras adaptas para o teatro com grande sucesso, como ‘Divã’ e ‘Doidas e Santas’, entre outras. É a primeira vez que ela assina também a adaptação do texto para o palco. “As peças foram adaptadas com liberdade total, com minha obra servindo como base, mas agora é diferente, não há uma releitura dos meus textos. Em ‘Simples Assim’, eles estão mais íntegros. Claro que há também a adaptação da craque Rosane Lima, mas o espírito da peça está mais sintonizado com o que escrevo nos jornais. Há um compromisso real com minhas ideias e meu espírito”, explica.

Na adaptação, Rosane propôs criar uma estrutura inspirada em ‘Ronda’, de Arthur Schnitzler. “A estrutura de A Ronda sempre me encantou pela simplicidade e eficiência. Eu também sabia que teríamos um elenco pequeno e um número razoável de personagens, situação que essa estrutura favorece. A Ronda foi escrita na virada do século XX, um período de grandes transformações sociais, morais, etc., possibilitando uma analogia atraente com o momento atual. Na "ciranda" de Simples Assim não surgem apenas casais como na peça de Schnitzler, mas também relações de irmãs, amigos, empregados, o que além de ampliar o espectro de visão da peça, contempla a variedade e o alcance das crônicas de Martha Medeiros”.

O projeto nasceu de uma ideia do produtor Gustavo Nunes, em 2016, após um encontro com Martha Medeiros, em Porto Alegre. A parceria entre os dois rendeu também o canal da escritora no YouTube, ‘M de Martha’, que estreou no ano passado e prepara uma série de novos episódios ainda este ano.

Diretor do grande sucesso ‘Doidas e Santas’, Ernesto Piccolo já é familiarizado com o universo da escritora e foi uma escolha natural. Amigo de longa data de Julia Lemmertz, é a primeira vez que a dirige. “Sempre sonhei trabalhar com ela. Eu a convidei desde a minha primeira peça, mas nunca conseguimos conciliar as agendas, agora finalmente teremos esse encontro”, celebra. Um espetáculo construído no afeto. Simples Assim.


FICHA TÉCNICA 
Produção Geral e Idealização: Gustavo Nunes
Texto: Martha Medeiros e Rosane Lima
Direção Artística: Ernesto Piccolo
Elenco: Julia Lemmertz, Georgiana Góes, Pedroca Monteiro
Cenário: Clivia Cohen
Videografismo: Rico Vilarouca / Renato Vilarouca
Figurinos: Helena Araújo
Luz: Felicio Mafra
Trilha Sonora: Rodrigo Penna
Designer e fotos: Victor Hugo Ceccato
Preparação Corporal: Cristina Moura
Preparação Vocal: Rose Gonçalves
Assistente de direção: Neuza Caribé
Produção executiva: Glauce Carvalho
Coordenação de Produção: Lúcia  Souza
Marketing/ Designer: Juliana Della Costa
Assistente Designer: Bruno Karvan
Uma produção original: Turbilhão de Ideias Entretenimento
Apresentado por Bradesco Seguros
Patrocínio: FURNAS e ONS
Apoio: Lojas Pompéia e Veirano Advogados

Serviço
"Simples assim"
Local: Teatro dos Quatro
Estreia: 31 de maio
Temporada: até 28 de julho

Horários:
Sextas e sábados: 21h
Domingos: 19h

Valores:
Sextas: R$ 80,00 (inteira)
Sábado e domingo: R$ 100,00 (inteira)
20% da lotação da casa (80 ingressos) serão vendidos a ingressos populares: R$ 50,00 (inteira)
Vendas online: ingressorapido.com.br

SOBRE O CIRCUITO CULTURAL BRADESCO SEGUROS

Manter uma política de incentivo à cultura é compromisso permanente do Circuito Cultural Bradesco Seguros. Nos últimos anos, o Grupo Bradesco Seguros orgulha-se de ter patrocinado e apoiado projetos nas áreas de música, dança, artes plásticas, teatro, literatura e exposições, além de outras manifestações artísticas.

Dentre as atrações realizadas recentemente, destacam-se os musicais “Bibi - Histórias e Canções”, “Chacrinha, O Musical”, “Elis - A Musical”, “A Família Addams”, “O Rei Leão”, “Bem Sertanejo”, “Les Misérables”, “60 – Década de Arromba”, “Cinderella” e “Romeu e Julieta”, além da “Série Dell'Arte Concertos Internacionais”, “Temporada Dell’Arte de Dança – Compañia Antonio Gades” e a exposição “Mickey, 90 anos”.

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.