quinta-feira, 19 de dezembro de 2019

.: Sesc 24 de Maio promove encontro literario entre Brasil e Portugal

Os escritores Wagner Merije, Jose Santos (Brasil) e Alexandre Valinho Gigas (Portugal) dialogam sobre o descobrimento do Brasil, a partir de dois (ou mais) pontos de vista, repensando a história e a literatura na Era Contemporânea. Foto: Wagner Merije | Crédito:  Nilson Hashizumi
Entre os dias 14 e 18 de janeiro, o Sesc 24 de Maio recebe o projeto "Ecos de Portugal", com oficina, sarau e bate-papo gratuitos, que propõem um diálogo entre escritores, artistas de Portugal e Brasil, além do público presente, para a construção de uma plataforma de intercâmbio entre os dois países, gerando oportunidades nos dois lados do Atlântico, para repensar os pontos de tensão, conflitos e semelhanças relacionados à história e à literatura.

Entre os dias 14 e 16, acontece a Oficina Palavras de Diálogo, uma proposta de escrita criativa, que visa criar um diálogo coletivo entre os dois países, com mediação dos escritores Wagner Merije (Brasil) e Alexandre Valinho Gigas (Portugal), enfatizando os pontos de tensão da história do nosso descobrimento e convidando os participantes a dialogarem sobre a língua portuguesa e os processos literários que envolvem vocabulários dos lados de cá e de lá do Atlântico.

Além da oficina, um sarau, ou tertúlia em português de Portugal, acontece nos dias 17 e 18, que reúne um trio de poetas - além de Wagner e Alexandre, também Jose Santos (Brasil) - para celebrar as literaturas de todas as épocas de Portugal e Brasil, em um encontro de sonoridades eletrônicas com a spoken word - uma interação de sons e palavras para ampliar os limites da compreensão da poesia falada, com microfone aberto ao público presente.

Para encerrar as atividades literárias de língua(s) portuguesa(s), também no dia 18, o público é convidado a participar de um bate-papo sobre as experiências e as possibilidades de expansão do intercâmbio cultural entre Brasil e Portugal, com autores e editores dos dois países. Nesse encontro acontece, ainda, a apresentação dos livros dos autores: Psyché e Hamlet vão para Hodiohill, de Wagner Merije;  Equinócio, de Alexandre Valinho Gigas e Infâncias, de José Santos e José Jorge Letria.

Wagner Merije é brasileiro, nascido em Belo Horizonte (MG), jornalista, poeta, escritor, editor, gestor cultural e criador múltiplo, envolvido com projetos multimídia ligados à educação, literatura e outras linguagens artísticas. É doutorando na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, com o projeto "José Saramago e Ignácio de Loyola Brandão: distopias em língua portuguesa". Publicou uma série de livros de ficção e não-ficção, incluindo seu mais recente Psyche & Hamlet vão para Hodiohill (Aquarela Brasileira, 2019) e  Mobimento - Educação e Comunicação Mobile (Peirópolis, 2012) - finalista do Prêmio Jabuti 2013, na categoria Educação.

Alexandre Valinho Gigas é natural de Nazaré, vivendo atualmente em Coimbra (Portugal). Arqueólogo de formação, trabalhou com essa atividade até 2012. Atualmente, atua como escritor. Tem cinco livros publicados e textos diversos, onde se incluem contos, poemas, artigos científicos e crônicas em diversas revistas e jornais portugueses. Foi editor da revista ANARKITEKTURA #1 e do folhetim Mosto. Desde 2010, desenvolve atividades performativas, em que várias linguagens poéticas predominam, com cruzamentos disciplinares, incluindo música e vídeo.

José Santos é brasileiro de Santana do Deserto (MG). Escreve livros para crianças e jovens.  Já publicou cerca de 50 livros, sendo que oito deles tratam do intercâmbio Brasil-Portugal, com Quadrinhas para miúdos, Viagem às terras de Portugal, As aventuras do cavaleiro Palmeirim de Inglaterra (editora FTD). Recebeu da Fundação Nacional do Livro Infantojuvenil – FNLIJ -  em 2018, o prêmio de Melhor Livro em Língua Portuguesa, com Infâncias - daqui e de além mar (editora Sesi/SP), em escrita colaborativa com o português José Jorge Letria.

Serviço
Ecos de Portugal – Encontro Literário Brasil - Portugal
Oficina Palavras de Diálogo
Dias: 14 a 16 de janeiro de 2020. Terça a quinta, 17h30.
Local: Sesc 24 de Maio (4º andar)

Sarau / Tertúlia – Spoken Word
Dias: 17 de janeiro de 2020. Sexta, 19h.
Local: Sesc 24 de Maio (4º andar)

Bate-Papo: Literaturas de Brasil e Portugal: pontes e diálogos
Dias: 18 de janeiro de 2020. Sábado, 17h.
Local: Sesc 24 de Maio (4º andar)

Sesc 24 de Maio
Rua 24 de Maio, 109, Centro, São Paulo
350 metros do metro República
Telefone: (11) 3350-6300

Horário de funcionamento da unidade
Terça a sábado, das 9h às 21h.
Domingos e feriados, das 9h às 18h.

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.