terça-feira, 4 de agosto de 2015

.: Os filmes favoritos de Marcus Baby, artista plástico e designer

Por: Mary Ellen Farias dos Santos
Em agosto de 2015 



Metade Supla e a outra metade Baby do Brasil. O artista plástico, designer ou colecionador da própria arte, Marcus Baby conta para nós qual é o filme favorito dele. Embora seja extremamente simpático e divertido, o primeiro longa-metragem que ele destaca é bastante dramático. 

"Meu filme favorito de todas as épocas é 'E O Vento Levou', porque apesar de longo, é irretocável, atual e tem momentos de arrepiar. Quando Scarlet Oharra vê a fazenda a míngua falida, arranca uma raiz do chão e diz que ela vai vencer, mesmo que para isso precise roubar, matar, mentir... Eu me arrepio sempre que revejo", confessa. 

Para compensar toda esta descarga emotiva, Marcus Baby dá uma boa receita de alegria. "Chega uma hora na vida da gente que o mais importante é ser feliz e rir de si mesmo", ressalta. Sim! O artista plástico é fã comédias.

"Amo filme do tipo besteirol americano, como por exemplo, 'As branquelas' ou 'Zoolander', com piadas explícitas, estilo videoclipe. Gosto de me divertir quando posso parar na frente da tela. Estes eu assisto repetidamente, quantas vezes passar. No fundo só quero mesmo dar gargalhadas!", revela o designer.

Quando o assunto é a cena favorita das produções cômicas, Marcus Baby é rápido. "Em 'Zoolander' é a cena do 'duelo' de desfile na qual Ben Stiller tenta arrancar a cueca de seu oponente pela frente da calça e dá errado".

Já na comédia 'As Branquelas' ele destaca a cena do jantar do casal. "Inesquecível a cena da música teen no carro quando o casal vai jantar "ela" e o grandão. Ele começa a dublar a música. Aliás, a cena dos puns no banheiro também é de matar. Toda vez que passaFOX, eu assisto", finaliza.

SINOPSE "E O VENTO LEVOU": É sobre Scarlett O'Hara, filha de um imigrante irlandês que se tornou um rico fazendeiro do sul dos Estados Unidos, pouco antes da Guerra Civil Americana. No início, Scarlett é uma bela e mimada jovem, que vive na fazenda de seus pais, apaixonada por Ashley Wilkes, filho do fazendeiro vizinho, noivo da doce Melanie Hamilton. Contudo, Scarlett conhece Rhett Butler, um cavalheiro de má reputação que se apaixona instantaneamente pela moça, que não o retribui. Pensando fazer ciúmes em Ashley, Scarlett casa-se com Charles Hamilton, irmão de Melanie. Após os casamentos, Ashley e Charles partem para a Guerra Civil, recém-declarada. Já viúva, Scarlett na casa de Melanie aguarda a volta de Ashley. Como enfermeira, serve ao Sul na Guerra de Secessão. Assim passa a sentir na pele o sofrimento, fome e pobreza. Ao voltar para a fazenda dos pais, Scarlett encontra a mãe morta, o pai louco e toda a fortuna destruída. Para salvar a querida fazenda Tara, ela casa-se com o noivo da irmã, mesmo amando Ashley. Assim, Scarlett torna-se viúva novamente. Neste processo, Scarlett recebe a ajuda de Rhett diversas vezes e os dois se casam. Do relacionamento conturbado nasce a filha, Bonnie, que morre tragicamente. Pouco depois, Melanie adoece e morre. Ao ver a desolação de Ashley pela morte da esposa e Rhett indo embora, Scarlett faz uma importante descoberta, contribuindo assim para o desfecho surpreendente.


Cena de Scarlett em "E o vento levou"


SINOPSE "AS BRANQUELAS": Os irmãos Marcus (Marlon Wayans) e Kevin Copeland (Shawn Wayans) são detetives do FBI que fracassaram na última investigação e eles estão sob a ameaça de serem demitidos. Quando um plano para sequestrar as mimadas irmãs Brittany (Maitland Ward) e Tiffany Wilson (Anne Dudek) é descoberto, o caso é entregue aos principais rivais dos irmãos Copeland, os agentes Vincent Gomez (Eddie Velez) e Jack Harper (Lochlyn Munro). Para aumentar a humilhação, os dois são escalados para escoltar as jovens mimadas do aeroporto até o local de um evento pelo qual elas esperaram por meses. No trajeto, um acidente de carro provoca um verdadeiro desastre: enquanto uma das irmãs arranha o nariz, a outra corta o lábio. Desesperadas, elas se recusam a ir ao evento. Para salvar o emprego, Marcus e Kevin decidem assumir as identidades das irmãs.

Cena da dublagem em "As Branquelas"

Cena da dublagem em "As Branquelas" em Batalha de dublagem (Lip Sync Batle)

Terry Crews refaz a cena famosa de "As Branquelas":


SINOPSE "ZOOLANDER": Derek Zoolander (Ben Stiller) é um supermodelo egocêntrico, mas que está em crise, pois perdeu recentemente o posto de número 1 na classificação dos modelos para seu rival Hansel (Owen Wilson). Deprimido, busca auxílio com Jacobim Mugatu (Will Ferrell), seu "papa" no mundo da moda, que tem outros planos para Zoolander. Juntamente com uma falsa agente da CIA, Mugatu realiza uma lavagem cerebral em Zoolander, a fim de transformá-lo em um assassino frio e burro. Mugatu só quer enviar Zoolander para assassinar o Presidente da Malásia, numa visita a Nova York. Com este morto, Mugaru poderá explorar o trabalho infantil no país, o que resultará em custos mais baixos para sua confecção de roupas. Até que Matilda Jeffries (Christine Taylor), uma jornalista da Time Magazine, desconfia dos planos de Mugaru e decide por evitar que Zoolander complete sua missão.


Cena de "Zoolander"

Marcus Baby é de Natal, Rio Grande do Norte, cria bonecos, faz homenagens, mas NÃO VENDE e NÃO RECEBE ENCOMENDAS. Diz que não é artesão. Prefere ser chamado de artista plástico, designer ou colecionador da própria arte. O artista está irradiando felicidade pelo sucesso na produção de uma Barbie que homenageou a rainha do pop, a cantora Madonna, que por sua vez, reconheceu o talento de Marcus Baby nas redes sociais.


Marcus Baby é o 11º entrevistado do #Resenhando.com para a série de depoimentos #MeuFilmeFavorito. Qual é o seu #MeuFilmeFavorito? Para os internautas interessados em participar, basta curtir a fanpage do portal –www.facebook.com/SiteResenhando - e enviar, por mensagem, a indicação, os motivos de ser o filme escolhido e uma cena favorita.

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.