segunda-feira, 14 de maio de 2018

.: Agenda: CCBB São Paulo participa da Virada Cultural 2018

O Centro Cultural Banco do Brasil apresenta programação especial para a 14ª Virada Cultural


A Virada Cultural, um dos maiores eventos do calendário cultural nacional, é promovida pela Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Cultura, com apoio e adesão de vários parceiros artísticos e institucionais. Ao longo de sua história, este evento oferece uma programação diversificada e de qualidade, com acesso gratuito a toda a população. 

A 14ª edição da Virada Cultural contará com diversas atrações que vão agitar os dias 19 e 20 de maio em São Paulo. O CCBB participa da Virada Cultural com exposição, teatro, cinema e atividades especiais do Programa Educativo. Confira a programação do CCBB:


Exposição: Ex Africa
A partir das 9h. Entrada franca. Agendamento no app/site eventim.com.br ou na bilheteria do CCBB.
Exposição que traz ao CCBB pela primeira vez um grande e essencial panorama da arte contemporânea do continente e da identidade da África moderna, marcada por uma diversidade de encontros culturais e interações, por processos de intercâmbio e aculturações, através da recente produção de 18 artistas, vindos de 8 países africanos. A eles se juntam também dois artistas afro-brasileiros, Arjan Martins e Dalton Paula. Curadoria de Alfons Hug.

Classificação: Livre.

Programa Educativo: Atividades Especiais e Gratuitas
Sábado e Domingo
O Programa CCBB Educativo - Arte e Educação desenvolve ações que estimulam experiência, criação, investigação e reflexão através de processos pedagógicos, artísticos e curatoriais. Essas partilhas acontecem por meio de trocas culturais e metodologias de educação que garantem acesso amplo e inclusivo ao patrimônio e sua diversidade.
10h e 14h - Lugar de Criação - Semana Nacional de Museus
Os educadores do CCBB desenvolvem uma programação especial visando a ocupação, a convivência, a criação e o diálogo com a arte, para as crianças e suas famílias.
17h – Visita Mediada em Libras
A visita em Libras acolhe pessoas surdas e/ou com deficiência auditiva, numa experiência compartilhada com os educadores, nas exposições em cartaz.

Cinema: 7º Panorama do Cinema Suíço Contemporâneo
Sábado e Domingo. Sessões gratuitas com retirada de ingressos a partir de 1h antes das sessões.
Realizado desde 2009 em parceria com o Consulado Geral da Suíça/SP e o SESC, o Panorama do Cinema Suíço Contemporâneo traz produções recentes e inéditas ao Brasil. A sétima edição do Panorama exibe títulos selecionados nos festivais suíços “53èmes Journées de Soleure” e “Visions du Réel”, incluindo longas-metragens e curtas-metragens, ficções, documentários e filmes experimentais, mostrando a diversidade de formatos, estéticas e questionamentos da atual cinematografia suíça.

Sábado:
15h Programa Curtas 2
17h Animais
19h Bem-vindo à Suíça

Domingo:
15h BE’ JAM BE Esse Canto Nunca Terá Fim
17h Golias
19h Diário de Minha Cabeça

Sinopses
Animais (Tiere)
Greg Zglinski
Ficção, Suíça, Áustria, Polônia, 2017 | 95 minutos | 14 anos
Um acidente com uma ovelha em uma estrada do interior inicia uma série de experiências estranhas e perturbadoras para Anna e Nick, deixando-os incertos de onde estão exatamente: no mundo real, em suas próprias imaginações ou nos devaneios de outra pessoa.

Bem-Vindo à Suíça (Willkommen in der Schweiz)
Sabine Gisiger
Documentário, Suíça, 2017 | 83 minutos | 12 anos
No verão de 2015, um milhão de pessoas procuram por asilo na Europa e 40 mil delas conseguem chegar à Suíça. O prefeito da cidade mais rica da região da Argóvia pretende dar o exemplo e recusa a entrada de qualquer refugiado em seu município. Johanna Gündel, estudante e filha de um agricultor local, passa a lutar contra essa política ao lado de outros moradores. Tomando como ponto de partida os eventos em Oberwil-Lieli, o filme conta a história da Suíça nos tempos da crise de refugiados, mostrando o que o país era, quer ser ou poderia se tornar.

BE’ JAM BE Esse Canto Nunca Terá Fim (BE’ JAM BE et Cela n’Aura pas de Fin)
Caroline Parietti, Cyprien Ponson
Documentário, França, Suíça, 2017 | 85 minutos | 10 anos
Em Sarawak, na ilha de Bornéu (mais precisamente na parte que pertence à Malásia), o povo Penan enfrenta as mudanças causadas pela crescente ameaça de desmatamento. A obra, carregada pela música daqueles que se recusam a ceder, desenha as linhas da resistência de cada que participa dessa luta mortal.

Golias (Goliath)
Dominik Locher
Ficção, Suíça, 2017 | 85 minutos | 14 anos
Quando Jessy conta a David que está grávida, ele entra em pânico. Poucos dias depois, os dois são agredidos no trem e, quando David percebe que é incapaz de proteger a namorada, sua insegurança e seus temores masculinos vêm à tona. Ele recorre, então, aos esteroides e começa a treinar de forma excessiva e intensa. Inicialmente, seus músculos lhe dão autoconfiança. Em pouco tempo, no entanto, David passa a se comportar de forma imprevisível e torna-se uma ameaça à Jessy e ao bebê que ainda vai nascer.

Diário da Minha Cabeça (Journal de Ma Tête)
Ursula Meier
Ficção, Suíça, 2017 | 70 minutos | 14 anos
Poucos minutos antes de atirar em seus pais a sangue-frio, Benjamin Feller (Kacey Mottet Klein), um rapaz de 18 anos, aparentemente calmo, envia pelo correio um diário em que confessa e explica o duplo assassinato para Esther Fontanel (Fanny Ardant), sua professora de literatura. A associação dessa mulher ao ato de Benjamin acontece alguns meses após ela incentivar os alunos a escrever um diário. Esther se encontra interrogada pela lei, mas logo ela é confrontada por suas próprias dúvidas. E se o gosto dela por uma literatura assombrada pelos tormentos da alma humana a deixasse cega diante da angústia de seu pupilo e do que estava escondido por trás da prosa febril que ele a fez ler antes do crime?



Teatro: Mostra Solos e Monólogos no CCBB – Galo Índio
Sábado 19/05, 20h, após a peça haverá debate com o crítico teatral Wellington Andrade.
Domingo 20/05, 18h.

A Mostra reúne espetáculos cênicos inscritos no Edital de Seleção Pública de Projetos Culturais do CCBB.
“Galo índio” - Um órfão tenta retratar o seu pai ausente a partir de poucos fragmentos que se alojaram em sua memória. Na busca pelos contornos desse pai, sua própria infância emerge de sua memória e demonstra o quanto esse vazio foi determinante na construção da sua forma de ver e interagir com a vida. Um encontro entre pai e filho. Entre um adulto e sua criança.
Atuação e dramaturgia: Rodolfo Amorim
Direção: Antônio Januzelli (Janô)
Direção de arte: Renato Boleli Rebouças
Duração: 60 min
Classificação: 14+
Ingressos disponíveis no app/site eventim.com.br ou na bilheteria do CCBB. Clientes BB tem 50% de desconto com Ourocard.

Teatro Infantil: Hoje o escuro vai atrasar para que possamos conversar
Sábado 19/05, 11h.
Primeira incursão do Grupo XIX de Teatro no universo infanto-juvenil, o espetáculo metaforiza os acontecimentos pelos quais passam os habitantes de determinada vila perdida no tempo, mais precisamente o fato de que ali se extinguiu todas as espécies de animais, para falar de temas como o preconceito, a intolerância, a natureza e seus implacáveis desígnios. Criação: Grupo XIX de Teatro; Dramaturgia: Ronaldo Serruya; Direção: Luiz Fernando Marques (Lubi) e Rodolfo Amorim; Direção Musical: Tarita de Souza; Atores-criadores: Janaina Leite, Juliana Sanches, Ronaldo Serruya, Rodolfo Amorim, Tarita de Souza.
Duração: 75 min
Classificação: Livre
Ingressos disponíveis no app/site eventim.com.br ou na bilheteria do CCBB. Clientes BB tem 50% de desconto com Ourocard.

Serviço
CCBB São Paulo
Aberto de quarta a segunda, das 9h às 21h
Rua Álvares Penteado, 112 – Centro – SP
Próximo à estação São Bento do Metrô
Informações: (11) 3113-3651/3652
Funcionamento da bilheteria: das 9 às 21h, de quarta a segunda

Capacidade do teatro: 140 lugares
Capacidade do cinema: 70 lugares
Acesso e facilidades para pessoas com deficiência física // Ar-condicionado
Estacionamento conveniado: Estapar Rua Santo Amaro, 272
Valor: R$ 15,00 pelo período de 5 horas (Necessário validar o ticket na bilheteria do CCBB)
Traslado gratuito até o CCBB. No trajeto de volta, tem parada no Metrô República.
Programação Completa: http://culturabancodobrasil.com.br/portal/sao-paulo

Mais informações no site oficial do festival e Facebook: www.viradacultural.prefeitura.sp.gov.br    www.facebook.com/viradaculturaloficial

Compartilhar no WhatsApp
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.