quinta-feira, 27 de setembro de 2018

.: “(esc) caverna digital”: Scalene explora ruídos de comunicação em clipe


“Dentro de cada universo, cada um enxerga e sente com seu cada qual”, canta Gustavo Bertoni. O trecho citado é de “esc (caverna digital)”, faixa que integra o disco magnetite (slap), lançado pela banda Scalene em 2017. Ao longo da canção, são abordados os desafios da comunicação entre as pessoas, tendo a velocidade das informações e os meios por quais elas circulam como pontos cruciais no resultado do entendimento e da interpretação das mesmas. A música acaba de ganhar um videoclipe dirigido por Cupa.

Desde que começou a pensar em um registro audiovisual para “esc (caverna digital)”, o diretor optou por não seguir uma linha narrativa linear com um começo, um meio e um fim. O clipe traz histórias que acabam se entrelaçando com a perspectiva do VR (realidade virtual). Outra escolha do diretor foi a de fazer todas as imagens em ambientes internos. “Isso passa a intimidade dos personagens, porque, quando estamos na rua (e expostos), acabamos vivendo um personagem social”, explica Cupa. “Ali, é como se ninguém estivesse vendo”, resume.

Tanto a sonoridade quanto as palavras escolhidas para compor “esc (caverna digital)” contrastam com o discurso de “tempos modernos” presente na canção, que busca ainda referências nos conceitos de dissonância cognitiva e de modernidade liquida, desenvolvidos, respectivamente, pelo americano Leon Festinger e pelo polonês Zygmunt Bauman.

“A dissonância cognitiva e a maneira superficial como nos informamos e nos comunicamos pelas mídias sociais ajudam na polarização e na falta de compreensão com diferentes universos e contextos”, diz Tomás Bertoni. “O refrão da música resume: ‘me faz lembrar onde estamos, digitalmente perdidos’”, completa.

“esc (caverna digital)” é uma faixa do disco magnetite (slap), lançado por Gustavo Bertoni (voz e guitarra), Tomás Bertoni (guitarra), Lucas Furtado (baixo) e Philipe “Mkk” Nogueira (bateria) em 2017.

 Assista ao clipe de “esc (caverna digital)” aqui:


← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.