terça-feira, 11 de junho de 2019

.: "1984", de George Orwell, completou 70 anos de publicação e continua atual


No dia 8 de junho, há 70 anos, o livro "1984", era publicado pela primeira vez. O clássico de George Orwell continua sendo uma obra incontornável, o livro a que recorremos sempre que a verdade é mutilada e a linguagem, distorcida; sempre que governos autoritários ocupam o poder e queremos saber quão ruins as coisas podem ficar.

Para celebrar a data, quem comprar o romance de Orwell na Amazon, Submarino, Saraiva online ou em uma das lojas físicas parceiras da Companhia das Letras (Livraria da Travessa, Livraria Cultura, Martins Fontes Paulista etc.) receberá o pôster cima, desenhado por Fido Nesti.

O artista paulistano está trabalhando na adaptação de 1984 para os quadrinhos — a graphic novel será lançada no início de 2020 pelo selo Quadrinhos na Cia. Normalmente lido como uma distopia, "1984" (que já vendeu dezenas de milhões de cópias em todo o mundo) é também uma sátira, uma profecia, um grito de alerta, uma extraordinária ficção científica, um thriller de espionagem, um terror psicológico, um romance pós-moderno e uma história de amor.Se você não leu, aproveite para conhecer uma das obras mais influentes do século 20. Promoção válida até o fim dos estoques. 



Como parte da comemoração dos 70 anos de publicação de 1984, também lançamos hoje a versão em audiobook do clássico de George Orwell. Agora, além das edições física e e-book, o leitor também pode ouvir esta história sempre tão necessária. Narrado por Paulo Vinicius Justo Fernandes, o audiobook está disponível no Google Play. Baixe agora!

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.