sábado, 7 de setembro de 2019

.: Monica Salmaso mostra o seu lado "Caipira" em disco


Por Luiz Gomes Otero*, em setembro de 2019.

Monica Salmaso é uma intérprete que sempre consegue trazer para o público um trabalho de extremo bom gosto. E nesse seu disco de 2017, intitulado "Caipira", ela não só presta uma homenagem a nossa genuína cultura nacional, como ainda presenteia o público ouvinte com uma rica coletânea de canções com foco no folclore e na nossa música caipira de raíz, além de releituras de canções com esse tipo de arranjo.

Segundo Monica, a ideia começou a surgir entre os anos de 2002 e 2003, quando ela participou de um projeto de shows no Sesc em São Paulo, sendo que uma dessas apresentações foi dedicada a música caipira. Desde então ela vinha amadurecendo o seu projeto de gravar um disco com esse tipo de canção. E acabou virando realidade em 2017.

Teco Cardoso (do grupo Pau Brasil) produziu o CD junto com Monica e também toca sopros. E foram convidados os músicos Neymar Dias (viola caipira e baixo acústico), Nailor Proveta (clarinete e sax tenor) e Toninho Ferragutti (acordeon), que trabalharam para conceber os arranjos. Robertinho Silva participa fazendo coberturas de percussão e André Mehmari toca piano em três faixas. E destaco ainda o dueto de Monica com o mestre Rolando Boldrin na tradicional canção Saracura Três Potes.



As surpresas ficaram por conta da inclusão de "Água da Minha Sede" (de Dudu Nobre e Roque Ferreira) e "Bom Dia" (de Gilberto Gil e Nana Caymmi), que ganharam uma roupagem caipira nos arranjos e na voz de Monica. Mas há outros momentos bem interessantes como a releitura de "Alvoradinha" (do folclore brasileiro), "Sonora Garoa" (do músico Passoca) e "Feriado na Roça" (de autoria do mestre Cartola).

Desnecessário falar sobre as qualidades de Monica como intérprete. Dona de uma voz forte de contralto, ela consegue colocar a emoção na dose exata em cada canção, além de produzir pérolas musicais atemporais como esse seu CD "Caipira". E que ela continue nesse caminho por muito mais tempo. O público ouvinte agradece desde já.


"Água da Minha Sede"

"Alvoradinha"

"Saracura Tres Potes"

*Luiz Gomes Otero é jornalista formado em 1987 pela UniSantos - Universidade Católica de Santos. Trabalhou no jornal A Tribuna de 1996 a 2011 e atualmente é assessor de imprensa e colaborador dos sites Juicy Santos, Lérias e Lixos e Resenhando.com. Criou a página no Facebook Musicalidades, que agrega os textos escritos por ele.

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.
 
google.com, pub-3645003449125371, DIRECT, f08c47fec0942fa0 subdomain=subdomain.resenhando.com subdomain=subdomain.www.resenhando.com