terça-feira, 14 de janeiro de 2020

.: E-book gratuito reúne textos finalistas da Olimpíada de Língua Portuguesa


Estudantes do 5º ano do Fundamental ao 3º ano do Ensino Médio falam sobre “O lugar onde vivo” em forma de Poema, Crônica, Memórias Literárias, Artigo de Opinião e Documentário

Os 135 textos produzidos pelos finalistas da 6ª edição da Olimpíada de Língua Portuguesa realizada em 2019 foram reunidos em um e-book, que já está disponível Portal Escrevendo o Futuro e pode ser baixado gratuitamente neste link. Estudantes do 5º ano do Fundamental ao 3º ano do Ensino Médio tiveram a oportunidade de escrever sobre “O lugar onde vivo” em forma de Poemas, Crônicas, Memórias Literárias, Artigos de Opinião e Documentários. 

Desde o lançamento desta edição, em fevereiro, foram dez meses de envolvimento de estudantes e docentes com a produção de textos e documentários, com a participação das redes públicas de ensino de todos os estados brasileiros e de 4.876 municípios. Ao todo, foram enviados mais de 40 mil textos e documentários de estudantes de 42.086 escolas.

Durante cinco encontros realizados em São Paulo, divididos de acordo com as categorias, os estudantes fizeram passeios culturais, participaram de palestras, debates com artistas, escritores e atividades pedagógicas. Foram experiências inéditas para muitos deles, que também puderam conhecer e interagir com pessoas de diversas localidades, compartilhar suas histórias e descobrir vários sotaques.

Em dezembro, os estudantes estiveram em São Paulo para a cerimônia que premiou os 28 vencedores nacionais, sendo quatro por categoria, com exceção de Documentário, nova categoria que premiou em trio os alunos. No e-book estão todas as sinopses dos documentários finalistas produzidos com até cinco minutos de duração.

“É gratificante ver o número de escolas que se organizaram e se mobilizaram para que os estudantes pudessem retratar tão bem em seus textos a realidade de suas vidas e de suas comunidades. A Olimpíada reconhece o poder que a escola pública brasileira tem, assim como a potência da escrita na vida real do indivíduo, no cumprimento de seu papel de cidadão”, comemorou a coordenadora de Programas Sociais do Itaú Social, Dianne Melo.

Os participantes receberam medalha de ouro, viagem cultural em território brasileiro e suas escolas estão sendo contempladas com placa de homenagem e acervo para reforço da biblioteca escolar. Já os professores dos respectivos estudantes também receberam medalhas e terão uma semana de imersão pedagógica internacional.

A Olimpíada de Língua Portuguesa é realizada pelo Itaú Social e pelo Ministério da Educação (MEC), com coordenação técnica do Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (Cenpec). Conta com a parceria da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), do Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed), da Fundação Roberto Marinho e do Canal Futura.

Números da Olimpíada:
Municípios participantes: 4.876
Escolas inscritas: 42.086
Professores inscritos: 85.908
Inscrições nas categorias literárias: 171.035
Produções enviadas: 40.758

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

#ResenhandoIndica

20 20 20
Tecnologia do Blogger.