sexta-feira, 20 de março de 2020

.: #ResenhaRápida: André Ramiro responde as perguntas que faltavam


Por 
Helder Moraes Miranda e Mary Ellen Farias dos Santos, editores do Resenhando
Foto: Carlos Sales.

De segunda a sexta-feira, André Ramiro pode ser visto na tela da Globo como um professor de escola na novela "Malhação - Toda Forma de Amar". Um negro fazendo um professor na TV é ainda, e sempre, motivo de comemoração. Ator e rapper, André Ramiro era bilheteiro de cinema e foi descoberto pela equipe do "Tropa de Elite", filme que o alçou ao estrelato. Hoje ele faz teatro, TV e cinema. Até há pouco estava em cartaz no teatro musical com "O Frenético Dancin Days", de Nelson Motta. Recentemente, o Resenhando publicou uma entrevista com ele, que pode ser conferida neste link. A conversa rendeu tanto e gerou tanta repercussão que agora ele está de volta, respondendo as perguntas que faltavam.


#ResenhaRápida com André Ramiro

Nome completo: André Luiz do Rosário dos Santos.
Apelido: na época das batalhas de MC’s, Rato Careta.
Data de nascimento: 14 de janeiro de 1981.
Qualidade: sou um amigo leal e verdadeiro. 
Defeito: teimosia.
Signo: capricórnio. 
Ascendente: touro.
Uma mania: questionar tudo, ver o lado bom de tudo. 
Religião: Deus. 
Time: Flamengo. 
Amor: Isadora Maria, minha companheira. 
Sexo: intenso, com força e com ternura. 
Mulher bonita: dona Madalena, minha mãe, minha heroína. 
Homem bonito: Barack Obama. 
Família é: minha casa, meu coração, meu norte. 
Ídolo: Jesus Cristo.
Inspiração: Martin Luther King Jr.
Arte é: a cura para as loucuras do mundo.
Brasil: apesar de tudo, meu lar. 
Fé: a certeza da vitória. 
Deus é: eu, você, todos nós. Pai, mãe, filho e, principalmente, amor.
Política é: deveria ser pra sanar as necessidades do povo, em prol do povo. Mas...
Hobby: lutar, nadar, correr, pintar, compor.
Lugar: Minha casa. Mas fiquei encantado com os lençóis maranhenses. 
O que não pode faltar na geladeira: frutas e legumes.
Prato predileto: um belo prato de arroz com feijão, farofa de ovo e um filé bem passado e bem acebolado.
Sobremesa: sorvete de limão. 
Fruta: caqui. 
Cor favorita: difícil (risos), gosto das cores mais quentes. 
Medo de: ter medo.
Uma peça de teatro: "Grande Sertão: Veredas" (texto: Guimarães Rosa. Direção: Bia Lessa). 
Um show: Djavan.
Um ator: Denzel Whashington. 
Uma atriz: Viola Davis. 
Um cantor: Gonzaguinha. 
Uma cantora: Elza Soares. 
Um escritor: dois (risos), Rei Salomão e Sérgio Vaz. 
Uma escritora: Carolina Maria de Jesus. 
Um filme: "Faça a Coisa Certa" (Spike Lee). 
Um livro: a Bíblia. 
Uma música: "Vida Loka (Parte 2)" - Racionais MC’s. 
Um disco: "Tábua de Esmeralda" - Jorge Ben Jor. 
Um personagem: Macunaíma, de Mário de Andrade. 
Uma novela: "Avenida Brasil", de João Emanuel Carneiro.
Uma série: "Stranger Things".
Um programa de TV: "Pequenas Empresas, Grandes Negócios". 
Indique um site: G1.
Indique um blog: não acompanho nenhum. 
Indique um podcast: gosto muito do "Me Poupe", da Nathalia Arcuri. 
Indique um Twitter: @andreramiroo.
Indique um canal no YouTube: André Ramiro Oficial
Uma saudade: meus dois primos falecidos, Magno e Maxuel.
Algo que me irrita: ignorância, arrogância. 
Algo que me deixa feliz é: trabalhar. 
Não abro mão de: dos meus sonhos. 
Do que abro mão: das noitadas, para ficar em casa com meus filhos e meu amor. 
Digo sim a: uma vida saudável. 
Digo não: às drogas. 
Sonho: uma casa bem grande com minha família feliz ao redor, as crianças brincando no gramado em um almoço de domingo. Tudo que faço na vida é para ter isso. 
Futuro: carreira internacional, direção. 
Morte é: uma nova vida. 
Vida é: movimento. 
Uma palavra: dignidade.
Ser ator é: uma profissão de muita humildade e autoconhecimento, o tempo todo.
Ser homem hoje é: é aceitar que a fragilidade é nossa aliada. É ser ousado e corajoso o suficiente pra assumir suas atitudes. É escolher todos os dias ser melhor e fazer as escolhas certas. 

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.