segunda-feira, 6 de julho de 2020

.: Entrevista: Eva Wilma Tia Íris e o segredo de Tereza Cristina



Eva Wilma comenta papel na novela. Foto: TV Globo / Estevam Avellar

Tia Íris (Eva Wilma) guarda o grande segredo de Tereza Cristina (Christiane Torloni) e sua maior diversão é chantagear a sobrinha, atividade que também é sua fonte de renda. Como de costume, ela vai à casa da sobrinha, junto com Alice (Thaís de Campos), para filar o breakfast. E, ao chegar, acompanha a fuga de Pereirinha (José Mayer) ao ser flagrado por Renê Jr.(David Lucas) na cama da mãe do garoto. 

Depois de toda a confusão causada pelo flagrante, ela aproveita para fazer uma visitinha à perua em sua suíte e, mais uma vez, chantageá-la: pede dinheiro em troca de seu testemunho limpando a imagem de Tereza Cristina. Segunda ela, quando o caso com Pereirinha vier à tona a reputação da sobrinha estará arruinada. No entanto, a imagem de Tia Íris é que pode ser detonada com a visão de Luana (Joana Lerner) sobre todos os seus atos. A vidente não se segura e, ao encontrar Íris na pousada, a chama de mesquinha e mentirosa em alto e bom som. Álvaro (Wolf Maya) acompanha a cena e encerra a discussão das duas.

O marido de Zambeze (Totia Meireles), que teve acesso ao vídeo de Marcela (Suzana Pires), procura a mãe para orientá-la a parar de chantagear Tereza Cristina. E afirma: caso ela não interrompa esse ciclo, ele mesmo o fará. "Fina Estampa" é uma obra de Aguinaldo Silva, com direção geral e de núcleo de Wolf Maya e direção de Ary Coslov, Claudio Boeckel, Marcelo Travesso, Marco Rodrigo e Marcus Figueiredo. Em período de confinamento, a atriz Eva Wilma comentou a personagem.

O que a senhora lembra de sua personagem em "Fina Estampa" e do trabalho como um todo?
Eu tenho enorme prazer em lembrar dessa novela. Eu gostei muito de ser convidada novamente para um personagem do Aguinaldo Silva, mesmo autor de "A Indomada", onde fiz a Maria Altiva. A Íris é descendente da Altiva, as duas têm em comum o fato de desencadearem todas as pequenas maldades. É uma personagem que fica entre a protagonista, Griselda, e a antagonista, Tereza Cristina. Eu gosto muito do humor de ambas. Isso tudo foi um grande estímulo, uma honra. 

Como está vivendo o isolamento social?
Estou lendo, ouvindo música, me exercitando um pouquinho fisicamente. Também converso com amigas do colégio por meio de um aplicativo de conversa, estudamos juntas há mais de 60 anos.

A senhora gosta de se rever em "Fina Estampa"?
Ah, às vezes eu fico brava vendo meus defeitos. Estou brincando, claro que eu vejo cenas onde eu acertei. Mas me critico sim. Revendo a novela eu penso: “ah que bom que me puseram nessa cena”, mas eu penso também que bobeei em alguma outra. Eu vou acompanhando com prazer a novela toda.

Quais são os planos da senhora para depois do isolamento?
Há mais de 60 anos que faço teatro, cinema e televisão. E eu pretendo continuar fazendo. Além do filme que faço parte do elenco e vamos retomar as gravações. Quero também voltar com o espetáculo musical, que se chama “Casos e Canções”, que faço ao lado do meu filho, John Herbert Junior, que é músico, compõe, toca violão, canta. Nesse recital, que já fizemos turnês em São Paulo duas ou três vezes, eu estimulei as escolhas de quase todas as músicas.

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

#ResenhandoIndica

20 20 20
Tecnologia do Blogger.