domingo, 27 de setembro de 2020

.: "MasterChef": fora da Globo, Renato Aragão vai para reality show


Fora da Globo, Renato Aragão foi parar no "MasterChef". O episódio com o ex-Trapalhão vai ao ar na próxima terça-feira, dia 29, e contará com oito novos cozinheiros amadores, que entram na cozinha mais disputada do país para tentar conquistar o cobiçado troféu. No primeiro desafio da noite, os participantes encaram mais uma Caixa Misteriosa dos Famosos. Dessa vez, Renato Aragão, o eterno Didi Mocó, sugere uma receita regional de feijão verde com características bem nordestinas. O prato, que traz muitas lembranças de sua infância, leva vários ingredientes representativos do Brasil, como o coentro e o maxixe. 

Os outros participantes do 12° episódio desta temporada são: a atriz Juliana Silveira, protagonista de "Floribella", pede um cardápio que costumava comer todo domingo: carne assada, arroz e batatas coradas. Já a cantora Elza Soares indica uma iguaria que remete às suas origens: um belo bobó de camarão. A musa da MPB ainda faz exigências que tornam o preparo ainda mais complicado. E, como a sobremesa não pode ficar de fora, coube ao cantor Dilsinho sugerir um irresistível pavê de chocolate, repleto de camadas. Todos os pratos demandam muito conhecimento e técnica. O tempo será apertado e a sorte vai definir com qual receita cada competidor irá ficar. 

A prova decisiva já começa assustando os sobreviventes quando o chef Henrique Fogaça retira um frango inteiro debaixo da bancada. Muito consumida no Brasil, a proteína está presente tanto no dia a dia das pessoas, quanto em grandes clássicos da alta gastronomia. Por isso, os jurados vão exigir um prato "MasterChef" completo, com acompanhamentos e molho, onde o frango seja o grande protagonista. Para inspirar os cozinheiros, Fogaça mostra toda a técnica necessária para dividir as partes, como peito, coxa, sobrecoxa e asa. O ganhador do desafio anterior terá uma vantagem que pode mudar todo o rumo da competição.

O autor do melhor prato conquistará o 12º troféu do MasterChef 2020, além de ganhar R$ 5 mil do PicPay e doar a mesma quantia para o Instituto Caça-Fome, uma organização voluntária de São Paulo que monta e distribui cestas básicas e máscaras para famílias em situação de vulnerabilidade. O vencedor do episódio ainda será premiado com uma bolsa de estudos integral para graduação ou pós-graduação da Universidade Estácio, um dispositivo Echo e R$ 5 mil em compras no site amazon.com.br. A Brastemp também dará ao campeão um forno da linha Gourmand, digno de um chef, e a Tramontina oferecerá um jogo de panelas profissional e um Kit Chef de facas. 




← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

#ResenhandoIndica

20 20 20
Tecnologia do Blogger.