quarta-feira, 15 de agosto de 2018

.: Crítica do divertido "Mamma Mia: Lá Vamos Nós de Novo!"


Por: Mary Ellen Farias dos Santos
Em agosto de 2018


Não resta dúvida de que "Mamma Mia: Lá Vamos Nós de Novo!", é melhor do que a primeira comédia musical. Sem muita pretensão e longe de ser uma trama elaborada, a sequência de "Mamma Mia!" ilustra, numa edição agradável, os acontecimentos já conhecidos pelo público, no filme de 2008. Com enredo pautado novamente em Donna Sheridan, na nova película, os detalhes das relações amorosas da jovem com Harry, Sam e Bill, os três pais de Sophie são embalados ao som de Abba. 

O novo filme de 1h54 começa com Sophie batalhando para realizar o sonho da mãe já falecida: reerguer o hotel, agora batizado de Hotel Bella Donna. Nesse ínterim, a narrativa não-linear, brinca entre o presente e o passado mostrando como foi a chegada da jovem até a ilha da Grécia, Kalokairi -fictícia, pois a produção foi gravada Em Vis, Croácia. 

Ao frisar a complicada relação de Donna com a mãe Ruby (Cher), entra em cena Lily James (Cinderella), a verdadeira mocinha da história, trazendo assim, a versão juvenil de outros personagens. Entre encontros e desencontros, o elo entre a mãe Donna e a filha Sophie, mesmo após a morte, é inquebrável. Diferentemente da relação complicada entre a filha Donna e a mãe Ruby.

Sozinha, Donna recebe apoio de Sofia (Maria Vacratsis), desde que cuide da casa abandonada, além da parceria com as amigas Tanya e Rosie, assumindo de vez o posto da integrante principal do grupo musical Donna & The Dynamos. Todos precisamos de alguém para dar aquela força. Até mesmo a impulsiva Donna!

Entre passado e presente das Sheridan, "Mamma Mia: Lá Vamos Nós de Novo!" pauta a história de Sophie na de Donna, destacando as semelhanças cíclicas da vida. Tal qual se diz: "A história é a mesma. Só muda os personagem do enredo."

Enquanto que em "Mamma Mia!" não fica claro quem dos três candidatos é o pai de Sophie, neste, a dúvida é a respeito de que Donna morreu. Contudo, "Mamma Mia: Lá Vamos Nós de Novo!" é do tipo que faz refletir, cola as músicas na mente e deixa muita vontade de rever. Além disso é um filme extremamente agradável e ainda tem a Cher cantando "Fernando", além de uma linda cena maternal com Mery Streep. Sem dúvida, a distração é uma completa garantia de diversão!


*Mary Ellen Farias dos Santos é criadora e editora do portal cultural Resenhando.com. É formada em Comunicação Social - Jornalismo, pós-graduada em Literatura e licenciada em Letras pela UniSantos - Universidade Católica de Santos. Twitter: @maryellenfsm



Trailer

Cher canta "Fernando"






Sobre o Cine Roxy: Em mais de oito décadas, o Roxy é caso raro de cinema que acompanhou a transformação da maneira de se exibir um filme: dos primeiros e grandes rolos de película ao sistema digital. A rica trajetória se deve à perseverança e o senso empreendedor da família Campos: de pai para filho, chegou ao atual diretor do Roxy, Antônio Campos Neto, o Toninho Campos. A modernização, aliada à tradição, transformou o Roxy no principal cinema do litoral paulista, fato que rendeu a Toninho o Prêmio ED 2013 na categoria Exibição -Destaque Profissional de Programação, considerado o principal do país nos segmentos de exibição e distribuição. E o convite para ser diretor cultural do Santos & Convention Visitors Bureau.

.: #ResenhandoExplica: O que é substantivo coletivo?

O que é coletivo? #ResenhandoExplica
Por: Mary Ellen Farias dos Santos*


Coletivo é o termo que abrange várias pessoas ou coisas, ou seja, diz-se de um substantivo que, embora no singular, indica pluralidade de seres. Confira a lista de substantivos coletivos que exprimem uma coleção de seres da mesma espécie.

Os substantivos coletivos de unidade de tempo podem ser: dia, semana, mês, ano, bimestre, semestre, trimestre, década, século, milênio.

Substantivos Coletivos de Pessoas:
Assembleia: grupo de pessoas
Banca: grupo de examinadores
Banda: grupo de instrumentistas
Bando: grupo de desordeiros
Batalhão: grupo de soldados
Cambada: grupo de vadios, malvados
Caravana: grupo de viajantes
Cavalgada: grupo de cavaleiros
Comunidade: grupo de cidadãos
Corja ou Choldra: grupo de malandros
Chusma: grupo de gente
Concílio: grupo de bispos
Conclave: grupo de cardeais reunidos para eleger o papa
Congresso: grupo de parlamentares
Corpo docente: grupo de professores
Elenco: grupo de atores, artistas
Exército: grupo de soldados
Falange: grupo de soldados ou anjos
Família: grupo dos parentes
Farândola: grupo de mendigos
Horda: grupo de bandidos invasores
Junta: grupo de médicos, credores, examinadores
Júri: grupo de jurados
Legião: grupo de soldados, anjos ou demônios
Malta: grupo de malfeitores
Multidão: grupo grande de pessoas
Orquestra: grupo de instrumentistas
Plateia: grupo de espectadores
Plêiade: grupo de artistas correlacionados
População ou Povo: grupo de pessoas de uma determinada região
Prelatura: grupo de bispos
Prole: grupo de filhos
Quadrilha: grupo de bandidos ou grupo de dança coletiva das festas juninas
Súcia: grupo de velhacos, patifes, malandros
Tertúlia: grupo de parentes ou amigos
Time: grupo de jogadores
Tripulação: grupo de marinheiros ou aviadores
Tropa: grupo de soldados
Turma: grupo de alunos de uma mesma classe

Substantivos Coletivos de Animais:
Alcateia: grupo de lobos
Bando: grupo de pássaros
Boiada: grupo de bois
Burricada: grupo de burros
Cáfila: grupo de camelos e dromedários
Cainçalha: grupo de cães
Capela: grupo de macacos
Cardume: grupo de peixes
Colmeia ou Enxame: grupo de abelhas
Escola: grupo de cetáceos
Fato: grupo de cabras
Fauna: grupo de animais de uma região
Fio: grupo de atum
Gataria: grupo de gatos
Manada: Grupo de bois, búfalos e elefantes
Matilha: grupo de cães
Miríade: grupo de insetos ou estrelas
Ninhada: grupo de filhotes
Nuvem: grupo de gafanhotos
Panapaná: grupo de borboletas
Pelotão: grupo de soldados
Plantel: grupo de animais de raça, bovinos ou equinos
Praga: grupo de insetos nocivos
Rebanho: grupo de ovelhas
Revoada: grupo de aves em voo
Trompa: grupo de lhamas
Tropilha: grupo de cavalos
Vara: grupo de porcos

Substantivos Coletivos de Plantas:
Arvoredo: conjunto de árvores
Bosque: conjunto de árvores
Buquê: conjunto de flores
Cacho ou Penca: conjunto de frutas, de uvas, bananas e cabelo
Carvalhal ou Reboredo: conjunto de carvalhos
Cabidela: conjunto de moedas
Cerca: conjunto de cerquinhos
Flora: conjunto de plantas de uma região
Herbário: conjunto de plantas secas prensadas
Olival: conjunto de oliveiras
Pomar: conjunto de árvores frutíferas
Ramalhete: conjunto de flores
Réstia: conjunto de alhos, de cebolas
Souto ou Castinçal: conjunto de castanheiros
Xiloteca: conjunto de amostras de espécies de madeiras (para estudos e pesquisas florestais) 

Substantivos Coletivos de Objetos:
Acervo: de objetos, de bens, obras de arte
Antologia: trechos de leitura
Arsenal: grupo de armas
Atlas: mapas reunidos em livro
Bagagem: objetos de viagem
Baixela: utensílios de mesa
Biblioteca: grupo de livros
Cinemateca: grupo de filmes
Coletânea: grupo de textos ou músicas
Discoteca: grupo de discos
Enxoval: grupo de roupas
Esquadrilha: grupo de aviões
Fardo: grupo de tecidos, papel, feno, palha
Feixe: grupo de lenhas
Fornada: grupo de pães
Frota: grupo de carros ou navios
Galeria: grupo de objetos de arte
Hemeroteca: grupo de jornais e revistas
Molho: grupo de chaves
Pilhas: grupo de coisas colocadas umas sobre as outras
Pinacoteca: grupo de quadros
Resma: quinhentas folhas de papel
Seleta: grupo de textos escolhidos
Trouxa: grupo de roupas
Videoteca: grupo de vídeos


*Mary Ellen Farias dos Santos é criadora e editora do portal cultural Resenhando.com. É formada em Comunicação Social - Jornalismo, pós-graduada em Literatura e licenciada em Letras pela UniSantos - Universidade Católica de Santos. Twitter: @maryellenfsm


.: Espetáculo tributo a Cyndi Lauper no Teatro Eva Wilma

Com mais de um ano em fase de preparação para o espetáculo, a cantora Cyndi Stein chega com o seu mais novo projeto interpretando Cyndi Lauper, grande ícone dos anos 80.

O show é uma homenagem a uma cantora que impactou a sociedade com suas atitudes e músicas marcantes que se tornaram verdadeiros hinos para o público da época.

A apresentação é uma releitura dos maiores sucessos lançados e aclamados pelo público da cantora Norte Americana mais premiada da música pop mundial desde os anos 80. Dentre os sucessos, Cyndi Stein interpreta "True Colors", "Girls Just Wanna a Have Fun", "I Drove all Night", "Time After Time", entre muitos outros títulos que marcaram época.

A intérprete de Cyndi Lauper, a cantora Cyndi Stein, ressalta a importância desse projeto em sua carreira: 'Sempre gostei da Cyndi Lauper, não só como cantora, mas como pessoa. Tenho uma identificação pessoal muito grande com ela e é uma honra representá-la'.

O espetáculo conta com o figurino personalizado de Cyndi Lauper, trazendo a todos momentos nostálgicos

Acompanhada pelos músicos: o produtor Kiko Bispo (Teclados), Bruno Pineli (Baixo), Lucas Andrade (Guitarra) e Marcos Melo (Bateria), o espetáculo dura em torno de 60 minutos e é uma apresentação reeditada para levar todos àqueles que apreciam os sucessos da cantora a uma viagem ao tempo, com relembranças de grandes momentos vividos na música pop dos anos 80 até hoje.

Serviço:
Tributo a Cyndi Lauper
Data: 24/08/2018
Horário: 21H00
Local: Teatro Eva Wilma – Rua Antônio de Lucena, 146 - Tatuapé, São Paulo – SP
Ingressos: Cyndi_Lauper



terça-feira, 14 de agosto de 2018

.: Crítica de "Cinderella, o Musical", que convida o público a um baile de gala

Crédito da foto: @lhegal
Por Helder Moraes Miranda, em agosto de 2018.

"Cinderella, o Musical" convida os espectadores a um baile de gala. Seguindo a linha tradicional, e à moda antiga, o musical não faz concessões e percorre, a partir da trajetória da personagem do conto de fadas clássico que todos conhecem. E é a partir do ponto de vista do sonho de amor romântico que tudo acontece. Sem dispensar todo o glamour que os bailes de gala, e até as colunas sociais de antigamente, mostravam.

André Loddi, como o príncipe Topher, brilha mais uma vez em um papel de mocinho nos musicais - antes, ele protagonizou o Sam de "Ghost - O Musical". Na pele do personagem, ele é o protótipo do rapaz idealizado por muitos para viver um romance, mas que, ingênuo a ponto de não perceber o que está ao seu redor, precisa de alguém para lhe abrir os olhos para a realidade.

Esse alguém é "Cinderella" que, nos tempos modernos, tem um quê de revolucionária e a ousadia de intermediar as solicitações de um representante do povo ao príncipe que, em um mundo sem privações, ignora os anseios das ruas além dos muros do castelo. 

Essa nuance entre a mocinha frágil e disposta a aceitar calada todos os tipos de humilhação vindas de casa até a jovem que luta pelos sonhos e direitos dos outros é mérito da atriz que interpreta a personagem título, Lia Canineu que, além de tudo, é a personificação do que o público de crianças, jovens e adultos esperam de uma autêntica Cinderella.

Entre projeções e figurinos suntuosos, outros destaques são a madrasta Talitha Pereira e as irmãs, Luana Bichiqui (Charlotte) e Letícia Mamede (Gabrielle), que servem como alívio cômico para um musical que não cede nem na hora da escolha das músicas. Não espere canções fáceis, ou o hit do filme da Disney, o espetáculo é Broadway pura, que prefere o belo ao palatável para servir ao público de hoje, acostumado a tudo que é bem mastigadinho.

O carisma de Igor Miranda, vilão em "Ghost - O Musical", também faz com que o público torça para o romance entre o personagem dele e uma das irmãs de Cinderella. Não espere uma Cinderella típica, focada em agradar a audiência do espetáculo. Nem a delicadeza de uma história clássica. Tudo em Cinderella é grande, como a voz da fada madrinha, Ivanna Domenyco, que canta com tanta alma que o público se esquece por um momento que seres encantados não existem, já que ela é a própria mágica. 

A redenção improvável e o perdão inconcebível fazem lembrar que estamos diante de um conto de fadas. Lindo, mágico e, o melhor de tudo, com a assinatura dos mestres Charles Möeller e Claudio Botelho. Permita-se.



Serviço
"Cinderella, o Musical"
Temporada: até 30 de setembro
Local: Theatro NET São Paulo
Endereço: Rua Olimpíadas, 360 – Vila Olímpia – Shopping Vila Olímpia – 5º piso

Horários
Quintas e Sextas: 20h
Sábados: 16h e 20h
Domingos: 17h

Preços:
Todas as sessões:
Plateia Central: R$ 250
Plateia Lateral: R$ 230
Balcão 1: R$ 130
Balcão 2: R$ 75
Duração: 120 minutos (com 15 minutos de intervalo)
Classificação etária: livre

Ingressos:
Vendas pelo site www.ingressorapido.com.br ou pelo aplicativo Ingresso Rápido
Por telefone: (11) 4003.1212
Horário da bilheteria Theatro Net São Paulo:
Segunda a sábado: das 10h às 22h
Domingos e feriados: das 12h às 20h

*Helder Moraes Miranda escreve desde os seis anos e publicou um livro de poemas, "Fuga", aos 17. É bacharel em jornalismo e licenciado em Letras pela UniSantos - Universidade Católica de Santos, pós-graduado em Mídia, Informação e Cultura, pela USP - Universidade de São Paulo, e graduando em Pedagogia, pela Univesp - Universidade Virtual do Estado de São Paulo. Participou de várias antologias nacionais e internacionais, escreve contos, poemas e romances ainda não publicados. É editor do portal de cultura e entretenimento Resenhando e assina a coluna dominical DOM.




.: Musical “Natasha, Pierre e o Grande Cometa de 1812” estreia em SP


Inspirado em uma passagem da obra-prima "Guerra e Paz", de Leon Tolstói, “Natasha, Pierre e o Grande Cometa de 1812” é revolucionário e impulsionado pelo desejo de quebrar com os paradigmas do teatro musical tradicional por meio de uma trama permeada por amor, perdão e redenção, que alia o clássico a ares de modernidade.

O musical, criado pelo compositor norte-americano Dave Malloy, se tornou um grande sucesso logo em seu ano de estreia, com 12 indicações ao Tony Awards de 2017, justamente por misturar tantos estilos distintos.

Suas composições trazem uma história totalmente musicada com ritmos que misturam o “Broadway tradicional” ao pop, soul, folk e eletrônico. Seu enredo utiliza como cenário a Rússia do começo do século XIX assolada pelas guerras Napoleônicas, mas dentro de estética e linguagem contemporâneas.

Outro ponto fora do convencional é o formato em que o musical é montado, fora do teatro e dentro de um espaço localizado em uma das áreas mais charmosas de São Paulo, o 033 Rooftop, no topo do Teatro Santander. O local será todo adaptado e contará com cenografia especial para remontar um clube russo do início do século XIX, incluindo 11 luminárias Sputnik assinadas pela designer Ana Neute.

Envolvida nessa atmosfera moscovita, a plateia poderá, além de assistir à peça, desfrutar de serviço de bar e vivenciar uma saborosa experiência gastronômica comandada pelo Chef Mario Azevedo, do 033 Rooftop, com destaque para a receita do autêntico strogonoff russo.

O 033 RoofTop oferece uma excelente infraestrutura para eventos de qualquer natureza, com modernidade e flexibilidade. O local conta com lounge, terraço, salão principal, bar, varanda privada, sala de reunião VIP, camarim, cozinha industrial e salas técnicas e de apoio.

Para promover uma atmosfera extrovertida e inovadora, o elenco extravasa o ambiente do palco principal e corre para o público em passarelas que permeiam toda a plateia, composta por cadeiras, mesas e banquetas, em atuações interativas que promovem a imersão dos espectadores. A orquestra também faz parte dessa grande festa e fica disposta em um pit no centro da plateia. Alguns dos artistas também circulam pelas passarelas tocando instrumentos.

Em sua adaptação brasileira, o musical conta com direção geral de Zé Henrique de Paula e realização da Move Concerts, mediante acordo especial com a Samuel French, Inc. O trio de protagonistas será estrelado por Bruna Guerin (Natasha), André Frateschi (Pierre) e Gabriel Leone (Anatole), além de um grande elenco. “Natasha, Pierre e o Grande Cometa de 1812” é apresentado por Ministério da Cultura, Banco Santander e Zurich Santander, e tem patrocínio de Santander Getnet.

Experiência gastronômica
Envolvida nessa atmosfera moscovita, a plateia poderá, além de assistir à peça, desfrutar de serviço de bar com variados drinks e vivenciar uma saborosa experiência gastronômica comandada pelo Chef Mario Azevedo, do 033 Rooftop. Com base na culinária russa, o destaque é a receita do autêntico strogonoff local. A outra opção de prato principal é o pelmeni, outro prato originário da Rússia, que pode ser pedido com carne ou queijo (versão vegetariana).

A entrada especial é a salada oliver, conhecida como “salada russa”, um clássico da culinária nativa. As sobremesas são as famosas pavlovas, de chocolate ou de frutas do bosque. O menu ainda tem os zakuski, tradicionais aperitivos de queijos e frutas secas e, também, porções mistas de pierogui, popular receita ucraniana incorporada a gastronomia russa. Clientes Santander tem 15% de desconto na compra antecipada, por meio do site www.ingressorapido.com.br, ou na bilheteria do Teatro Santander, da experiência gastronômica completa (1 entrada + 1 prato principal + 1 sobremesa).

O 033 Rooftop é um dos mais novos espaços de eventos de São Paulo, localizado no topo do Teatro Santander. Com uma área de 1.000m2, o terraço conta com estrutura moderna e contemporânea, que possibilita a realização dos mais diferentes tipos de eventos.

Sinopse 
Inspirado em um trecho de 70 páginas do livro Guerra e Paz, esse “vibrante e emocionante novo musical” (The New York Times) é “espetacular e extremamente original” (Entertainment Weekly) e nos leva até poucos centímetros dos jovens amantes do romance de Tolstói, que iluminam Moscou em uma “bola de fogo” de romance e paixão.

Natasha é uma bela e ingênua garota que visita Moscou enquanto aguarda que seu amado noivo Andrey volte da guerra. Em um momento de indiscrição, ela é seduzida pelo galanteador (mas já casado) Anatole e sua posição na sociedade é arruinada. Sua única esperança reside em Pierre, o solitário outsider cujo amor e compaixão por Natasha pode ser a chave para sua redenção... e para o renascimento de sua própria alma. “Um dos melhores musicais da década” (Time Out NY), “Natasha, Pierre e O Grande Cometa de 1812” tem “música deslumbrante e performances arrebatadoras” (Daily News) com uma trilha inovadora que mistura rock, pop, soul, folk e música eletrônica com composições ao estilo clássico da Broadway. O musical é uma experiência “emocionante, um banquete para os sentidos” (Associated Press), “inventiva, encantadora e profundamente romântica” (NY Post).

Elenco: 
Pierre – André Frateschi
Natasha – Bruna Guerin
Anatole – Gabriel Leone
Boris – Guilherme Leal
Julia – Nani Porto
Sonya – Adriana Del Claro
Sonya (alternante) – Miranda Kassin
Denisov – Wilson Feitosa
Princesa Mary – Lola Fanucchi
Marya D – Nábia Villela
Vasili – Daniel Cabral
Vera – Natália Glanz
Dolokhov – Andre Torquato
Anna Pavlovna – Fabiana Tolentino
Balaga – Vitor Moresco
Hélène – Carol Bezerra
Petya – Arthur Berges
Anna Mikhailovna – Letícia Soares
Mlle Bourienne – Giovanna Moreira
Bolkonsky / Andrey – Patrick Amstalden
Berg – Rafael Pucca
Nikolai – Thiago Perticarrari

Ficha Técnica:
Autor: Dave Malloy
Versões em Português: Fernanda Maia (com colaboração de Zé Henrique de Paula)
Direção: Zé Henrique de Paula
Direção Musical: Fernanda Maia
Assistente de Direção Musical: Rafa Miranda
Coreografia: Gabriel Malo
Assistente de Direção: Fábio Redkowicz
Coordenadora de Produção: Tatiana Véliz
Produtora Executiva: Mariana Mello
Projetos Incentivados: Daniela Figueiredo
Cenografia: Bruno Anselmo
Assistente Cenografia: Cesar Costa
Figurinos: Zé Henrique de Paula
Assistente de Figurino: Graziela Bastos
Iluminação: Fran Barros
Design de Som: João Baracho
Stage Manager: João Paulo Oliveira
Visagista: Fabio Petri
Diretora de Marketing e Planejamento: Anne Crunfli
Design Gráfico: Wallace Gerardi
Diretora Comercial: Simone Carneiro
Assessoria de imprensa: TAGA Comunicação
Mídias Sociais: Agência Naus
Fotografia: Stephan Solon e Victor Miranda
Produção: Adriana Del Claro / Firma de Teatro
Realização: Move Concerts
Patrocínio: Santander e Zurich Santander

Serviço:
“Natasha, Pierre e o Grande Cometa de 1812”
Apresentado por: Ministério da Cultura, Banco Santander, Zurich Santander
Patrocínio: Santander GetNet
Apoio: Multiplus
Realização: Move Concerts e Firma de Teatro
Luminárias: Sputnik Design - Ana Neute (www.itenscollections.com / inbox@itenscollections.com, @itens_)

Estreia: 24 de agosto de 2018
Temporada: Até 25 de novembro de 2018
Local: 033 Rooftop
Endereço: Complexo do Shopping JK - Av. Juscelino Kubitschek, 2041 - Itaim Bibi - SP
Horário: Sextas - 21h30 / Sábados - 16h e 21h30 / Domingos - 19h30
Classificação Etária: 12 anos.
Duração: 2h30 (com 20 minutos de intervalo)
Capacidade: 404 pessoas
Acesso para deficientes
Estacionamento: Valet R$ 35 – aceita todos os cartões de débito/crédito

.: "Only Broadway", com direção de Fernanda Chamma, volta ao Paris 6

Crédito: Denny Naka


Está de volta à programação dos sábados, a partir das 13h, no Paris 6 Burlesque (Rua Augusta, 2.809, Jardins), o "Only Broadway Kids & Teens". Com direção da renomada coreógrafa Fernanda Chamma (ex-"Dança dos Famosos" e atual jurada do "Dancing Brasil"), o show reúne grandes talentos infantis interpretando trechos de famosos musicais da Broadway. 

O pocket show conta com jovens talentos do teatro musical nacional, de 6 a 16 anos. Trechos de famosos musicais internacionalmente conhecidos serão interpretados em inglês e português por um elenco composto por 30 integrantes. 90 minutos de muito jazz musical dance, canto e sapateado para todas as idades, com direção artística da grande coreógrafa Fernanda Chamma.  
             
Serviço
"Only Broadway Kids & Teens"
Local: Paris 6 Burlesque Music Hall & Bistrô – Rua Augusta, 2809 – Jardins, SP
Ingressos antecipados: no site do Ingresso Rápido, na bilheteria do teatro Procópio Ferreira (Rua Augusta, 2823, terça a domingo, das 14h às 19h) ou no local do show, das 19h às 22h.
Capacidade: 232 (Paris 6 Burlesque Music Hall) e 80 pessoas (Paris 6 Burlesque Bistrô)
Políticas de meia entrada: os ingressos são couvert artístico e nessa categoria não aplica-se meia entrada.

.: Disney Channel exibe episódio final de "Eu Sou Luna"

#SouLunaParaSempre: O último capítulo será transmitido no dia 17 de agosto. O público pode conferir o trailer que antecipa o final da história



No próximo dia 17 de agosto, o Disney Channel apresenta uma programação especial para acompanhar o final da história que conquistou milhares de jovens na América Latina e Europa. Às 18h, o canal exibe o último episódio da série e depois o especial “Talent Journey", além de outras surpresas.

No emocionante final de Sou Luna, a equipe do Jam & Roller receberá uma grande notícia que os deixará perto de conquistar seus sonhos. Matteo e Simón terão seu momento como cantores. Sharon prepara sua cartada final. Luna e Ámbar vivem felizes como irmãs…Luna sabe que algo ruim acontecerá, mas está disposta a curar as feridas do passado para olhar pro futuro. Nos seus 18 anos, Luna tomará uma decisão que surpreenderá a todos. Ao término do episódio final, o especial “Talent Journey” apresentará os atores da série falando dos momentos mais emocionantes dos 3 anos de Sou Luna e mostrará um material inédito de bastidores, desde o primeiro ano.  

O elenco de Sou Luna continua com a turnê pela América Latina com o show #SouLunaAoVivo. Confira as datas dos próximos shows: http://bit.ly/DisneyLatinoSL.


.: Will & Grace - The Revival: A dupla mais esperta da TV está de volta

Universal Pictures HE lança série em DVD


Dez anos após a oitava temporada de “Will & Grace”, a primeira temporada do revival da série chega em Home Entertainment trazendo Will (Eric McCormack), Grace (Debra Messing), Karen (Megan Mullally) e Jack (Sean Hayes) de volta aos seus papéis habituais!

O criador James Burrows, a cabeça por trás dos episódios da série também está de volta com “Will & Grace - The Revival” – primeira temporada, que chega às lojas em 22 de Agosto, em DVD.

“Will & Grace” foi transmitida pela NBC entre 1998 e 2006, venceu 16 Emmys — incluindo o prémio de Melhor Série de Comédia. Além disso, é recordada por ter sido um dos primeiros programas de horário nobre a falar abertamente sobre sexualidade.

Sinopse: É isso aí, meu bem! Uma década após sua inesquecível Oitava Temporada, o quarteto cômico mais fabuloso está de volta. Eric McCormack, Debra Messing, Sean Hayes e Megan Mullally reprisam seus famosos papéis como Will, Grace, Jack e Karen. O lendário James Burrows, diretor de cada episódio original de Will & Grace, retorna junto com muitas piadas sarcásticas e martinis indecentes. Vejam mais uma vez, das mentes de Max Mutchnick e David Kohan, a dupla mais esperta de todos os tempos da TV.

“Will & Grace - The Revival”
Gênero: Comédia
Direção: David Kohan, Max Mutchnick
Elenco: Eric McCormack, Debra Messing, Megan Mullally, Sean Hayes
País: EUA
Ano de produção: 2017
DVD Colorido
Duração: Aproximadamente 21 minutos cada episódio
Formato de Tela: Widescreen 1.78:1 Anamórfico
Áudio: INGLÊS (DD 5.1), ESPANHOL (DD 5.1), PORTUGUÊS (DD 5.1)
Legenda: INGLÊS (SDH), ESPANHOL, PORTUGUÊS
Classificação Indicativa: 12 anos
Data de lançamento: 22 de Agosto de 2018
Preço Sugerido: R$ 59,90
Bônus: Erros de Gravação; Reunindo a Turma; De volta ao começo; Comédia Clássica

.: "Canta Comigo": Latino é o jurado convidado do reality musical

Competidores cantam músicas de Anitta, Shakira e outros astros brasileiros e internacionais


Latino no "Canta Comigo". Crédito da foto: Antonio Chahestian/Record TV


Após o sertanejo César Menotti, é a vez de Latino ser o convidado especial do Canta Comigo. No quinto episódio do reality show musical, que vai ao ar nesta quarta-feira, dia 15 de agosto, o cantor de sucessos como “Me Leva” e “Festa no Apê” se juntará aos outros 99 jurados para avaliar as performances dos participantes, que disputam o prêmio de R$ 300 mil do programa apresentado por Gugu Liberato. Não será uma tarefa fácil, uma vez que o nível dos concorrentes tem sido bastante elevado.

Os artistas profissionais e amadores farão de tudo para agradar ao júri e, assim, garantir uma vaga na semifinal ou, quem sabe, na decisão da atração – para isso, no entanto, precisarão fazer com que todos os cem jurados, incluindo Latino, se levantem e cantem junto com eles a canção escolhida. No quinto episódio, os participantes vão interpretar faixas de nomes como Shakira e Anitta. Quem será que vai continuar na competição?


Como funciona? Entenda a dinâmica do programa

FASE DE SELEÇÃO
Em cada um dos seis primeiros episódios, dez competidores irão se apresentar. O maior pontuador, ou seja, aquele que conseguir levantar o maior número de jurados do episódio se classifica automaticamente para a semifinal da temporada, enquanto os donos do segundo e do terceiro lugares no ranking de pontuação se enfrentam em um duelo de vozes para decidir quem fica com a segunda vaga na semifinal.

SEMIFINAL
A semifinal do programa é dividida em dois episódios. Em cada um deles, os candidatos qualificados na fase de seleção se reapresentam para os 100 jurados em novas e contagiantes performances.

SURPRESA
O candidato que atingir a pontuação máxima e fizer com que os cem jurados se levantem de uma só vez garante uma vaga direto para a grande final. Isso pode acontecer a qualquer momento do programa, seja na fase de seleção ou na semifinal. 

FINAL
Na etapa final, os finalistas se apresentam mais uma vez para os jurados. Os dois que conseguirem a maior pontuação vão a voto popular, e o público é quem tem a palavra final: o mais votado pela audiência é consagrado o vencedor da temporada, faturando o prêmio de R$ 300 mil.

O Canta Comigo, exibido às quartas-feiras, a partir das 22h30, é a versão nacional de All Together Now, formato original da Endemol Shine Group, com direção de Marcelo Amiky e direção de núcleo de realities de Rodrigo Carelli. A temporada brasileira foi gravada nos Estúdios Vera Cruz, em São Bernardo do Campo, e produzida pela Endemol Shine Brasil. Inovador, o formato, que estreou mundialmente no início deste ano na BBC One, no Reino Unido, já foi vendido para outros países como Austrália, Alemanha, França, Dinamarca e Polônia. 

.: "Todas As Crônicas" de Clarice Lispector reunidas em um só livro


Reunião definitiva da extensa produção de Clarice Lispector para jornais, "Todas as Crônicas" apresenta pela primeira vez em volume único toda a obra cronística da autora de "A Hora da Estrela". A coletânea traz as colaborações de Clarice para veículos como Jornal do Brasil, Última Hora, O Jornal e revista Senhor, incluindo 120 textos inéditos em livro, além das crônicas anteriormente publicadas nas coletâneas "A Descoberta do Mundo" e "Para Não Esquecer". 

A organização do livro ficou a cargo do editor Pedro Karp Vasquez, a partir de pesquisa textual de Larissa Vaz. Todas as crônicas traz ainda prefácio assinado pela escritora Marina Colasanti. O livro segue o mesmo projeto da coletânea "Todos os Contos", com capa assinada pelo designer norte-americano Paul Sahre, edição em capa dura com sobrecapa e sofisticado projeto gráfico, ideal para presente.  

Título: "Todas as Crônicas"
Autor: Clarice Lispector
ISBN: 978-85-325-3121-6
Código: 9788532531216
Formato: 14x21,5cm
Páginas: 704
Preço: R$ 89,90


Postagens mais antigas → Página inicial
Tecnologia do Blogger.