quarta-feira, 2 de setembro de 2015

.: Revelações de "Scream" fecham a 1ª temporada com chave de ouro

Por: Mary Ellen Farias dos Santos
Em setembro de 2015


Um simples agradecimento em memória a Wes Craven (criador dos filmes "Pânico/Scream" que inspiraram a série da MTV, falecido em 30 de agosto de 2015), antes do rápido recapitula, o famoso "anteriormente". O décimo episódio da série "Scream", intitulado "Revelations" continua da cena marcante -e sangrenta- do xerife Clark Hudson (Jason Wiles). Sim! No meio da festa, a mais recente vítima do assassino serial sofre diante dos olhos dos convidados num telão. 

Levando a adrenalina ao nível máximo, uma chamada não identificada para Emma (Willa Fitzgerald) avisa que haverá um "grand finale". Na sequência, suspense e morte ainda dão espaço para uma discussão entre mãe e filha que fecha na ideia de não deixar o assassino serial vencer.

Em meio a tanto nervoso uma cena fofa de amor acalma, ainda mais que acontece entre personagens inimagináveis: Brooke (Carlson Young) e Jake (Tom Maden). Para provocá-lo, ela agarra o primeiro que passa na frente. Entretanto, o amor ganha uma nova chance e até se faz presente. Só love!!

Distante dali, Noah (John Karna) consegue rastrear a origem das chamadas e a trama fica muito mais interessante, pois retoma o suspense. Até porque, Emma afirma querer mudar o fim da história. Resultado: Noah e Emma seguem pela estrada rumo à casa do crime. Assim, Audrey (Bex Taylor-Klaus), Brooke e Jake, ganham a companhia de Emma e Noah. Para colocar muito mais fogo, o professor Seth chega e a confusão é instaurada. Peninha da Brooke!!



Sustos e mais sustos. Nesta "reunião" macabra, a brincadeira de gato e rato pega fogo e empolga quem acompanhou toda a saga e ouviu empolgado os repetitivos "Hello, Emma". Enquanto personagens que pareciam ter culpa "no cartório" são descartados, a casa que era um cenário de festa, fica vazia. Embora a música toque em alto e bom som, os passos são muito bem ouvidos.

Do lado de cá, enquanto descobrimos o lado hilário/desesperador de Noah, Emma caminha sozinha pela casa de Brooke e, claro, ao toque do telefone, ela... atende. Uma completa lady! Após o "bate-papo" com o assassino, a loirinha segue rumo à hora da verdade, que é apimentada com algumas facadas, chutes e gritos -tudo só para colocar a vida da mocinha em risco.

Desta forma, uma salvadora surge para Emma e até a própria Daisy, que quase seguiu para a Terra dos pés juntos. A verdade é que no episódio final temos casais apaixonados juntinhos. Só love?! Nem tanto... Para amarrar -e muito bem- a trama, a duplinha que tanto agradou comenta o acontecido, enquanto a câmera vai se distanciando. Antes do adeus definitivo, o narrador conclui todas as evidências -embora as desconheça- e uma revelação faz o queixo cair. Que venha a segunda temporada... só em 2016! 


Seriado: Scream
Episódio: 1x10 - Revelations
Elenco: Willa Fitzgerald, Bex Taylor-Klaus, John Karna, Amadeus Serafini, Connor Weil, Carlson Young, Jason Wiles, Tracy Middendorf, Bella Thorne
País: EUA
Gênero: Horror, Suspense, Mistério
Duração: 42 minutos
Exibido em: 1/09/2015



* Mary Ellen é editora do site cultural www.resenhando.com, jornalista, professora e roteirista, além de criadora do www.photonovelas.com.br. Twitter: @maryellenfsm 



← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.