sábado, 2 de abril de 2016

.: "Café Filosófico" estreia temporada 2016 com Maquiavel

Neste domingo, 3 de abril, o Café Filosófico estreia sua temporada 2016 com uma abordagem dos clássicos e o cotidiano a partir de Maquiavel. 

O historiador José Alves de Freitas Neto explora as obras "O Príncipe" e "Mandrágora", do autor italiano, na palestra "Maquiavel e a Capacidade de Enganar-se". O programa vai ao ar às 22h, na TV Cultura.   

José Alves coloca o pensamento do historiador, diplomata, filósofo e político Maquiavel para serem analisadas sob as questões do cotidiano. Em "O Príncipe", sua obra mais famosa, o escritor propõe um governo soberano e elabora uma das mais importantes teorias políticas. Ele também aborda os vícios e virtudes humanas e explica que a política é a disputa pela glória. Maquiavel propõe como os soberanos devem se comportar no poder e sugere quais seriam as regras políticas a serem seguidas.

Sobre a peça "A Mandrágora", o político trata da arte de envolver, manipular e conquistar um objetivo, tendo como pano de fundo uma conquista amorosa. Com isto, ele desenvolve um tratado sobre estratégia, sem falar diretamente de política. Partindo deste ponto, José Alves questiona a origem da legitimidade da prática governamental. Para ele, Maquiavel compreendia as relações humanas como a construção das expectativas de uma parte a outra.
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.