domingo, 2 de setembro de 2018

.: #DOM18: Cacau Oliver lançará primeiro reality da transformação sexual


Programa mostrará a história de 10 transexuais que vão competir por um prêmio: a cirurgia de redesignação sexual ou mudança de sexo.

O criador do Miss Bumbum Cacau Oliver parece que não cansa de impressionar o mundo do entretenimento. O jornalista já prepara para 2019 o novo reality chamado "Transformation", onde transexuais participarão de um programa online com foco em suas próprias histórias de vida. 

A melhor história será julgada pelos internautas e a mais votada ganhará sua tão sonhada cirurgia de redesignação sexual, ou popularmente conhecida como mudança de sexo. Para participar do reality, as candidatas já devem estar em estágios avançados do processo de redesignação sexual e com os testes médicos que atestem que elas estão aptas à cirurgia.

"É algo único, sempre dizem que tudo se copia e este é o primeiro", declara Oliver. 
Por opção do jornalista a primeira temporada será totalmente interativa e para usuários da rede, no Youtube, com a história de vida de cada competidora. No final, a votação popular dará para a vencedora a oportunidade de ter toda a sua cirurgia paga. "Não tenho interesse nas TVs, quero algo 100% para a internet, como foi o 'Porta dos Fundos' no início"A competição será feita com dez participantes e durará três meses. A seleção das candidatas começa em breve.


***



Pietra Príncipe ensina como fazer bons nudes 
em workshop na Sexy Fair 2018



Apresentadora do programa "Papo Calcinha" no Multishow por seis anos e capa da revista Playboy em outubro de 2013, Pietra Príncipe, atualmente apresentadora do canal "Tá Dentro" e do programa "Rio By Night", da Rádio SulAmérica Paradiso, para comandar o workshop "Como Fazer Bons Nudes" que acontecerá no sábado, 8 de setembro, a partir das 22h. Com isso, ela trará técnicas de melhores ângulos e jeitos para sua foto fazer sucesso na Internet, sempre com muita segurança, claro!

O Sexlog, maior rede social adulta da América Latina, participará da Sexy Fair 2018 que acontecerá entre os dias 4 e 9 de setembro, no Centro de Convenções SulAmérica, no Rio de Janeiro. O evento chega à sua terceira edição e é considerado um dos principais encontros de profissionais e atrações do mercado erótico do Brasil.

Por ser uma grande rede social adulta, com 8 milhões de usuários cadastrados, o Sexlog resolveu apostar em ações que ajudem seu público a usar da melhor maneira a plataforma e, assim, se sentir ainda mais satisfeito e seguro para viver livremente a sexualidade sem tabus.

"Quando fomos convidados para participar da Sexy Fair 2018 pensamos em uma iniciativa que o nosso público se identificasse e que fosse útil para o dia a dia dele, tanto no uso da nossa plataforma como na sua sexualidade como um todo. Então, tivemos a ideia de parceria com a Pietra. Além de ser um ícone no universo adulto, ela sabe tirar fotos sensuais como ninguém. Com certeza terá muito o que ensinar para os convidados", afirma a diretora de Marketing do Sexlog, Mayumi Sato.

Além disso, durante o evento, o Sexlog terá um stand com distribuição e sorteio de brindes, o "Sexy Clique" que será um espaço com atores e acessórios para que o público se divirta e tire fotos sensuais e engraçadas. A rede social também irá selecionar um grupo de usuários para um encontro durante a feira.

***




Eu fiz o aborto sem anestesia"diz Claudia Alencar 
sobre procedimento aos 17


A atriz Claudia Alencar participou recentemente de uma conversa sobre o aborto no programa "Sensacional", apresentado por Daniela Albuquerque, e se mostrou favorável à sua legalização no Brasil. “A mulher está desprotegida, completamente desprotegida. Nós mulheres somos vilipendiadas por essa sociedade machista, nós mulheres somos realmente donas do nosso corpo, porque todo mundo é dono do seu corpo”, defendeu ela, revelando ter recorrido ao procedimento quando engravidou aos 17 anos de idade do então namorado.


"Nós tínhamos muito medo de ter filho. A gente só namorava, transava, ficava junto, fazia amor sem penetração”, relembrou a atriz. “Quando a gente viu que eu estava grávida, a gente [falou]: 'como? Tudo o que a gente menos queria era isso'. A gente tinha muito cuidado. Isso não é raro, isso não se fala, há muitas mulheres grávidas virgens além de Nossa Senhora e Claudia Alencar, isso é provado pelos ginecologistas”, afirmou.


Claudia também se emocionou ao recordar como foi o procedimento, realizado no primeiro mês da gestação. “Eu fiz o aborto sem anestesia. Ele colocou um ferro dentro de mim, que eu me lembro a dor até hoje, e fez assim (gesticula), raspou e jogou no lixo de metal, que eu ouço o som até hoje e a dor até hoje. E eu fui com meus pais, com a boca fechada, tirar férias no Guarujá, não falei nada para ninguém”, explicou ela, ressaltando a importância de alertar as mulheres sobre o assunto.


“Nós não fazemos amor para abortar, isso é uma mentira. Eu fiz todas as precauções para não ter filhos e tive. Eu não poderia, meus pais eram professores, meu pai era filósofo, não tínhamos dinheiro, então eu sei da dor das mulheres em fazerem um aborto. Eu sei da dor e sei que nenhuma mulher é monstro, nenhuma mulher. Todas as mulheres querem ter filhos, mas elas não podem. E se elas não podem, que o Brasil legalize o aborto como os Estados Unidos, para que nós passamos ter os filhos nas melhores condições e dar a eles o nosso melhor, nosso maior amor”, completou.


Ainda no palco, que também estavam Alessandra Scatena e Rebeca Mendes – primeira brasileira a buscar no Supremo Tribunal Federal (STF) o direito de realizar um aborto legal - Claudia afirmou não ter se arrependido da decisão de abortar. “Tenho dois filhos lindos, nunca me arrependi porque eu sei que eu não seria a mãe que eu fui porque não tinha maturidade, eu não teria dinheiro, não teria a possibilidade de criar e dar para eles o melhor, e eles estão aí no mundo para dar para o mundo o melhor”, encerrou a atriz.



***



Vocalista do Falamansa fala sobre análise feita 
por Jout Jout, da canção "Xote dos Milagres"


Prestes a completar 20 anos de estrada, os músicos da banda Falamansa relembram a trajetória e falaram, no programa "Ritmo Brasil" sobre o forró. Durante a entrevista, Tato, vocalista do grupo, comentou a análise feita pela digital influencer Julia Tolezano, a Jout Jout, sobre a canção "Xote dos Milagres", um dos grandes sucessos da banda. 

O vídeo postado no canal "Jout Jout, Prazer" viralizou nas redes sociais, alcançando mais de 880.000 visualizações. “Quando você analisa uma música, você consegue interpretar do jeito que quiser”, diz o cantor, negando a versão apresentada pela youtuber. Em seguida, revela sua inspiração para a letra: “Eu escrevi ‘Xote dos Milagres’ com uma veia romântica em relação a outra pessoa, mas também fala de buscas, desejar coisas que para outros são impossíveis”.


***


“Tiazinha é uma grande obra de arte”
diz Suzana Alves a Danilo Gentili

(Crédito: Gabriel Cardoso/SBT)


Suzana Alves esteve recentemente no programa "The Noite" para uma entrevista. Com 25 anos de carreira, a atriz falou como começou no mundo artístico e recorda: “Fiz teste pra ser Angeliquete e borboleta da Mara (Maravilha). Tava lá o tempo todo, xeretando para ter uma oportunidade”

Após ganhar projeção nacional como a Tiazinha, personagem sadomasoquista do programa “H”, apresentado entre o final dos anos 90 e início dos anos 2000 nas tardes da Band, ela contou: “Você vai entrando naquele contexto erótico. Fui me sentindo mais à vontade e a coisa foi tomando uma proporção maior. Mas aquilo foi me incomodando ao mesmo tempo. Sonhava em ser uma atriz famosa, não um símbolo sexual”

O sucesso estrondoso, somado à pouca idade, a assustaram. “Cresci tendo certeza que queria ser atriz, mas depois da Tiazinha fiquei perdida. Num contexto geral da minha vida. Desejei ter aquilo mas também não era feliz com aquilo”, finalizou.

***



Lázaro Ramos, Zezé Motta e Ailton Graça 
estão no novo filme de Jeferson De, ‘M8’

O cineasta Jeferson De, diretor do premiado "Bróder" (2010), acaba de rodar no Rio de Janeiro seu novo longa: "M8 – Quando a Morte Socorre a Vida". A produção é baseada no livro homônimo de Salomão Polack e conta a história de Maurício (Juan Paiva), um calouro da prestigiada Universidade Federal de Medicina. 

Em sua primeira aula de anatomia, ele é apresentado a M8 (Raphael Logam), corpo que servirá para estudo dele e dos amigos durante o primeiro semestre. Em uma jornada permeada de mistério e realidade, ele enfrenta suas próprias angústias para desvendar a identidade desse rosto desconhecido.

Com os amigos Suzana (Giulia Gayoso), Domingos (Bruno Peixoto) e Gustavo (Fábio Beltrão), Maurício forma uma turma que vive as dificuldades e as descobertas do primeiro ano da vida universitária. Dia após dia, eles são confrontados com a aspereza do mundo adulto e têm que fazer escolhas nem sempre fáceis. O filme estreia em 2019, é produzido pela Migdal Filmes e distribuído pela Paris Filmes/Downtown Filmes.

Equipe e elenco rodaram por cinco semanas em locações que percorreram alguns dos principais bairros do Rio de Janeiro, da Zona Sul até a Zona Oeste, passando pelo Centro da cidade. A atriz Mariana Nunes ("Carcereiros", "Liberdade, Liberdade" e "Zama", entre outros) interpreta Cida, mãe de Maurício. Ela criou o filho sozinha e tem muito orgulho da conquista de Maurício. Nem por isso deixará de ser dura com ele quando for preciso.

O elenco conta com Zezé Motta (Ilza), Ailton Graça (Sá), Alan Rocha (Sinvaldo), Rocco Pitanga (policial), Dhu Moraes (Mãe de Santo), Léa Garcia (Dona Angela) e Lázaro Ramos, que faz uma participação especial. "M-8 - Quando a Morte Socorre a Vida" conta ainda com Henri Pagnoncelli (professor Djalma) e Malu Valle (Carlota) no elenco. Além da direção, Jeferson De também assina o roteiro do longa-metragem, ao lado de Felipe Sholl. A produção é de Iafa Britz e Carolina Castro, com produção executiva de Romulo Marinho Jr..


***



Beto Jamaica lança projeto "Movimento do Beto”

Uma deliciosa mistura do melhor da música popular brasileira com o samba do recôncavo da Bahia e o samba baiano. Essa é a proposta do projeto Movimento do Beto que reúne os cantores Beto Jamaica, Jean Oliver, Negão Jamaica, Caboquinho Movimento, Juninho Movimento e Pagode da Choca. Juntos, eles prometem um repertório de primeira qualidade e que não vai deixar ninguém parado levando para o palco um misto de clássicos da boa música.

“A ideia do projeto é resgatar musicas que marcaram uma era no cenário musical do país, sobretudo na Bahia. A intenção é também mostrar para a Bahia essa nova geração que faz música muito boa e que tem bastante talento. E sem dúvida vem muita coisa boa pela frente”, explicou Beto Jamaica que quis incentivar a turma de amigos e, a partir da experiência à frente da É o Tchan, uma das bandas mais conhecidas em todo o Brasil, compartilhar parte de sua experiência.  

“Sigo à frente dos vocais do Tchan. Os projetos não se misturam e um não atrapalha o outro. Pelo contrário, o Movimento do Beto é um projeto paralelo onde o foco é unir o talento dessa turma em um só lugar”, ressaltou. O single “Rosas Vermelhas”, uma composição de Sérgio Roberto e Paulo Jorge é o pontapé inicial do projeto. Com uma letra romântica, a canção é dona de um ritmo contagiante e que promete conquistar os amantes da música e do samba. 


***


Equivalente ao Framboesa de Ouro: Anitta e Cristiano Ronaldo 
são Bumbuns de Ouro em votação na internet

Já pensou se as super celebridades também participassem do concurso Miss Bumbum? Para trazer esse elenco para o torneio de bumbum mais famoso do mundo, o jornalista Cacau Oliver, criador do Miss Bumbum, também criou o prêmio "Bumbum de Ouro", com votações feitas pelos próprios internautas, através dos seus comentários em publicação no Instagram do concurso

Entre os dez nomes selecionados para a categoria feminina e os dez nomes da categoria masculina, a cantora Anitta e o jogador Cristiano Ronaldo foram as duas celebridades mais citadas para prêmio Bumbum de Ouro. Se a final fosse hoje, além do título, eles levariam para casa o troféu dourada, conforme a foto.

A inspiração para o Bumbum de Ouro veio do prêmio Framboesa de Ouro, prêmio humorístico dos Estados Unidos, concebido como uma paródia do Oscar, realizado um pouco antes da premiação oficial. A final do Miss Bumbum Brasil e o anúncio dos vencedores oficiais do Bumbum de Ouro será no próximo dia 5 de novembro, em grande festa na casa de show Eazy, Barra Funda, São Paulo. O troféu estará reservado para eles.


***


CELACC-USP abre processo seletivo para 
cursos de pós-graduação lato sensu

Está aberto do processo seletivo para o cursos cursos de pós-graduação do Celacc-USP. A seleção para as próximas edições dos cursos de especialização, lato sensu, são para os cursos "Gestão de Projetos Culturais", "Mídia, Informação e Cultura" e "Cultura, Educação e Relações Étnico-Raciais". Outras informações pelo site: www.usp.br/celacc.


***


Roberto Justus e Band adiam "O Aprendiz" para 2019

Roberto Justus e Band transferem o projeto de O Aprendiz para o primeiro semestre de 2019. Considerado produto premium para o horário nobre da programação da rede, O Aprendiz é uma das principais apostas da Band para aproveitar a tendência da retomada da economia brasileira no ano que vem.

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.