segunda-feira, 3 de dezembro de 2018

.: Período sabático no casamento inspira novo romance de Marian Keyes


Em "Dando Um Tempo", o leitor acompanha os desdobramentos da vida de Amy após seu marido pedir “férias” do casamento para se reencontrar em um mochilão pela Ásia.

“Simplesmente brilhante”- Sunday Times

Décimo quinto livro de Marian Keyes lançado no Brasil, "Dando Um Tempo" acompanha a história de Amy. Na casa dos 40 anos, ela está no seu segundo casamento, as filhas já são adolescentes - uma delas faz sucesso no YouTube com dicas de maquiagem - e ela leva uma vida confortável. 

Mas Amy conhece o seu marido Hugh e percebe que ele está diferente desde a morte do pai, seguida da inesperada perda de um grande amigo. Quando o problema, finalmente, vem à tona, Hugh afirma estar decidido a dar um tempo em tudo: na sua carreira, na rotina... e no seu relacionamento conjugal. 

Ele espera que seis meses fazendo um mochilão - sozinho, é claro, - pelo Sudeste asiático possa ajudá-lo a melhorar.  Enquanto Hugh parte para o seu período sabático, Amy precisa assumir o controle da casa, o que significa lidar com as filhas e com a família enorme (uma característica marcante dos livros de Marian Keyes), ajudar os pais doentes e encarar as fofocas de vizinhos e amigos sobre as férias conjugais.

Em “Dando Um Tempo”, Marian explora a natureza multifacetada do amor e fala dos aspectos positivos de um casamento duradouro: compreensão, lealdade, amizade, sem esquecer, no entanto, de ser honesta sobre o que pode acontecer quando a vontade de novas experiências colide com a rotina de uma vida a dois. 

Em entrevista para a The Irish Times, Marian Keyes explicou as suas pesquisas sobre o tema das férias conjugais. "Li sobre esses intervalos e fiquei horrorizada. Mas também fazia sentido. Nossa expectativa de vida está mudando porque estamos vivendo muito mais tempo, pessoas na faixa dos 40 anos agora são crianças, elas parecem mais jovens... e as pessoas são imprevisíveis”

Quem se depara com uma autora com mais de 30 milhões de livros vendidos talvez não imagine que Marian Keyes se formou em Direito na Irlanda, onde reside até hoje. Ela desistiu da carreira para trabalhar como garçonete em Londres, para desespero da família. Antes de virar a escritora consagrada por trás do fenômeno “Melancia”, Marian já teve problemas com alcoolismo, depressão e chegou a ser internada numa clínica de reabilitação. Tudo isso na faixa dos 30 anos. E é por isso que é conhecida por suas personagens mais maduras. 

Além da trama central, Marian Keyes trata de outras questões igualmente relevantes: depressão desencadeada pelo luto, Alzheimer e aborto, ilegal na Irlanda na época em que o livro foi escrito (2017).  “Dando Um Tempo” chega às livrarias em outubro pela Bertrand Brasil. 

Marian Keyes é uma das mais bem-sucedidas autoras irlandesas de todos os tempos. Vencedora dos prêmios British Book Awards ("Tem Alguém Aí?") e Irish Book Awards ("Cheio de Charme"), teve sua obra traduzida em 33 idiomas e já vendeu mais de 35 milhões de exemplares no mundo. Vive em Dublin com o marido. Saiba mais em www.mariankeyes.com.

"Dando Um Tempo" ("The Break")
Marian Keyes
Tradução: Carolina Simmer
Páginas: 588
Preço: R$ 49,90 
Editora: Bertrand Brasil | Grupo Editorial Record


← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.