sexta-feira, 15 de março de 2019

.: Crítica de "As Guerreiras do Amor", com André Mattos e grande elenco

Por: Mary Ellen Farias dos Santos
Em março de 2019



Crédito: Heloísa Bortz

Amor e sexo são distintos, mas se completam. Enquanto que o primeiro é tratado com certa banalização, uma vez que muito se diz amar o outro e não seja sentido, o segundo ainda é tema tabu, muito mais no século V a.C.. Contudo, em "As Guerreiras do Amor", espetáculo teatral grego, em cartaz no Teatro Folha, em São Paulo, até 30 de março, facilmente se esbalda no gênero comédia erótica. E faz rir -muito!

Com texto de Domingos de Oliveira e colaboração de Priscila Rozembaum, a montagem que é o retorno da encenação de 1988, baseada na clássica comédia “Lisístrata”, satiriza das mais diversas formas, todo e qualquer tratamento relacionado ao sexo e ao matrimônio. Ao causar gargalhadas, faz refletir sobre os extremos da santificação à liberdade sexual. 

Afinal, toda a problemática da peça é gerada por uma greve de sexo, quando, usando total astúcia, as mulheres de Atenas conseguem se fazer ouvir. Objetivando o fim da guerra, geram um novo confronto -com seus parceiros. Tal qual um clássico atemporal e de identificação fácil com o público, seja o masculino e o feminino, o espetáculo trata com graça as inquietações e dúvidas sobre a sexualidade.

Em meio a um texto com versos rimados, repletos de histórias gregas, no palco, o elenco dá um show de provocações humorísticas. Desde o ancião que se apoia num cajado à bela e decida Helena, todos deixam a marca hilária dos personagens que defendem. E ainda, gentilmente, um permite que o outro brilhe e, claro, faça o público rir e refletir. 

Crédito: Heloísa Bortz

No entanto, é inevitável destacar o humor natural e espontâneo de André Mattos, que interpreta o General. Como escapar impune a tanta irreverência? Só o falar diferenciado e o gestual de Mattos fazem valer o ingresso. Em tempo, o ator também participou da primeira montagem de 1988 ao lado de Heloísa Périssé, Maitê Proença, Luiza Tomé, Priscila Rozembaum e Orã Figueiredo.

Indicada para o público adulto, "As Guerreiras do Amor" é uma excelente opção de entretenimento após uma semana inteira de trabalho e estresse. Afinal, rir de si mesmo é sempre a melhor saída. Não perca!


Crédito: Heloísa Bortz

As Guerreiras do Amor
Dramaturgia: Domingos de Oliveira 
Elenco: André Mattos, Analice Pierre, Andressa Lelli, Bruna Tattar, Denis Felix, Gabriela Monteiro, Isaac Medeiros, Larissa Matheus, Mayara Justino, Monique Hortolani, Robson Guedes, Rodrigo Vicenzo, Ronaldo Saad e Tito Soffredini
Figurinos: Isabel Gomez
Costureira: Angela Oliveira
Cenotécnico: Edmilson Souza
Trilha Sonora Composta: Rodrigo Zalcberg
Biodanza: Luiz André Lameira  
Assistente de Biodanza: Heder Braga                   
Criação Gráfica: Marjorie Costa
Fotografia para cartaz e fotografias de cena: Heloísa Bortz  
Equipe Técnica: Jardim Cabine
Produção Executiva e Administração: Will Siqueira
Assessoria de Imprensa: Claudio Marinho                 
Cenografia, Iluminação e Direção: Isser Korik             
Realização: Jardim Cabine Participações e Serviços Teatrais Ltda
Agradecimentos: Marles Malharia

SERVIÇO: AS GUERREIRAS DO AMOR
Estreia: 10 de janeiro de 2019
Temporada: até 30 de março de 2019
Apresentações: quinta-feira, 21h; sexta-feira, 21h30; sábado, 19h
Ingresso:  R$60,00 (setor 1) e R$40,00 (setor 2) às quintas e sextas-feiras; R$70,00 (setor 1) e R$50,00 (setor 2) aos sábados. 
*Valores referentes aos ingressos inteiros na plateia e mezanino. Meia-entrada disponível em todas as sessões de acordo com a legislação.
Duração: 70 minutos
Classificação etária: 14 anos

TEATRO FOLHA
Shopping Pátio Higienópolis - Av. Higienópolis, 618 / Terraço 

Telefone: (11) 3823-2323 
Televendas: (11) / 3823 2423 / 3823 2737 / 3823 2323 
Site: www.teatrofolha.com.br

Vendas por telefone e no site do teatro / Capacidade: 305 lugares / Não aceita cheques / Aceita os cartões de crédito: todos da Mastercard, Redecard, Visa, Visa Electron e Amex / Estudantes e pessoas com 60 anos ou mais têm os descontos legais / Clube Folha 50% desconto / 50% de desconto para funcionários e clientes do Cartão Renner. Horário de funcionamento da bilheteria: segunda e terça-feira, das 14 h às 16 h; quarta e quinta-feira,  das 14h às 21h; sexta-feira, das 14h às 21h30; sábado, das 12h às 23h59; domingo, das 12h às 20h / Acesso para cadeirantes / Ar-condicionado / Estacionamento do Shopping: R$ 14,00 (primeiras duas horas) / Venda de espetáculos para grupos e escolas: (11) (11) 3661-5896, (11) 97628-4993 / Patrocínio do Teatro Folha: Folha de S.Paulo, Consigaz, Owens-llinois, EMS, Bain & Company, Grupo Pro Security, Previsul, Brasforma, NR Acampamentos, Nova Chevrolet.

SOBRE A CONTEÚDO TEATRAL: O grupo empresarial paulista Conteúdo Teatral atua há mais de quinze anos em duas vertentes: gestão de salas de espaços e produção de espetáculos. Como gestora é responsável pela operação do Teatro Folha, no Shopping Pátio Higienópolis, com direção artística e comercial de Isser Korik, programando espetáculos para temporada em regime de coprodução. No período de atuação a empresa soma mais de 2 milhões de espectadores.

Como produtora de espetáculos, viabilizou dezenas de peças, como “Gata Borralheira”, “O Grande Inimigo”, “Os Saltimbancos”, “A Pequena Sereia”, “Grandes Pequeninos”,  “Branca de Neve e os Sete Anões”, “A Cigarra e a Formiga”, “Cinderela” e “Chapeuzinho Vermelho” para as crianças. Para os adultos foram realizadas, entre outras montagens, “A Minha Primeira Vez”, “Os Sete Gatinhos”, “O Estrangeiro”, “Senhoras e Senhores”, “O Dia que Raptaram o Papa”, “E o Vento Não Levou”, “Equus” a trilogia “Enquanto Isso...”, além de projetos de humor – como “Nunca Se Sábado...” e “IMPROVISORAMA” – Festival Nacional de Improvisação Teatral. Em parceria com Moeller e Botelho produziu os Musicais “Um Violinista no Telhado”, “Todos os Musicais de Chico Buarque em 90 Minutos”, “Nine – Um Musical Felliniano” e “Beatles num Céu de Diamantes”.



*Mary Ellen Farias dos Santos é criadora e editora do portal cultural Resenhando.com. É formada em Comunicação Social - Jornalismo, pós-graduada em Literatura e licenciada em Letras pela UniSantos - Universidade Católica de Santos. Twitter: @maryellenfsm



Encerramento de "As Guerreiras do Amor"


← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.