Mostrando postagens com marcador Mary Ellen Miranda. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Mary Ellen Miranda. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 17 de abril de 2024

.: "Evidências do Amor" revisita passado para entender desgastes das relações

Por: Mary Ellen Farias dos Santos

Em abril de 2024


Quem poderia imaginar que um dia iria torcer por um casal improvável na telona dos cinemas? Eis o divertido, reflexivo e emocionante longa nacional "Evidências do Amor", protagonizado por Fábio Porchat ("O Palestrante") e Sandy Leah. Com direção de Pedro Antônio ("Tô Ryca", "Um Trio Quase Perfeito"), a produção leva o público para uma viagem no tempo que permite conhecer Marco Antônio (Fábio Porchat) e Laura (Sandy), apaixonados que deixaram de subir ao altar.

Na trama, tudo começa quando os dois se esbarram num karaokê e disputam pela clássica canção: "Evidências", mais conhecida na interpretação de Chitãozinho e Xororó, escrita pelo cantor romântico José Augusto -que participa do filme- em parceria com o compositor e letrista Paulo Sérgio Valle. A dupla canta junto, garantindo a diversão dos presentes até que são acertados pela flecha do cupido. Assim, a relação dura três anos. Contudo, perto do casamento, Laura desiste de Marco Antônio.


Separados, Marco Antônio começa a ser levado ao passado para reviver momentos de desentendimentos com Laura toda vez que ouve "Evidências". Enquanto faz o exercício de analisar o relacionamento, ele que julgava não ter defeitos, percebe as tantas desfeitas que levaram Laura a não querer se casar -o que acontece também por parte de Laura. Logo, diante da telona de cinema, torcer por um final feliz para a história de amor dos dois só vai crescendo no decorrer da trama. 

É inegável que "Evidências do Amor" é puro deleite, seja pela história agradável de se acompanhar com muitas reviravoltas ou por Sandy Leah e Fábio Porchat convencerem ao estarem na pele de um casal comum, que se ama e precisa aparar certas arestas. Enquanto a cantora volta a atuar, Porchat mostra que sabe fazer drama -embora a todo momento se espere dele as sacadas divertidas e características. É preciso destacar que a parceria dos dois resulta num filme que contagia.

Sem contar que em "Evidências do Amor" há ainda o contraponto da relação amorosa conturbada dos protagonistas, com o talento de Evelyn Castro, que transborda humor a cada cena -e garante a chance de uma sequência para o longa, talvez com um subtítulo também musical. Embora una amor e humor, "Evidências do Amor" consegue emocionar quando o casal faz uma volta ao passado bastante tocante para Marco Antônio. Vale muito a pena apreciar o cinema brasileiro entregando uma comédia romântica imperdível!


Em parceria com o Cineflix Cinemas, o Resenhando.com assiste aos filmes em Santos, no primeiro andar do Miramar Shopping. O Cineclube do Cineflix traz uma série de vantagens, entre elas ir ao cinema com acompanhante quantas vezes quiser - um sonho para qualquer cinéfilo. Além disso, o Cinema traz uma série de projetos, que você pode conferir neste link. Compre seus ingressos no Cineflix Cinemas Santos aqui: vendaonline.cineflix.com.br/cinema/SAN

* Mary Ellen é editora do site cultural www.resenhando.com, jornalista, professora e roteirista, além de criadora do photonovelas.blogspot.com. Twitter:@maryellenfsm 


"Evidência do Amor" ("nacional"). Ingressos on-line neste linkGênero: comédia românticaClassificação: 14 anos. Duração: 1h45. Ano: 2023. Idioma original: inglês. Distribuidora: Warner Bros. Pictures Brasil. Direção: Pedro Antônio. Roteiro: Fábio Porchat, Pedro Antônio, Luanna Guimarães, Álvaro Campos. Elenco: Fábio Porchat, Sandy, Jason PackerSinopse: A história acompanha um casal, Marco Antônio (Fábio Porchat) e Laura (Sandy) que se apaixonam após cantarem a música juntos em um karaokê. Em meio a muitos altos e baixos, o casal acaba terminando, mas todas as vezes em que escuta Evidências, Marco automaticamente se lembra de cada discussão que teve com a ex. Determinado a se livrar dessas lembranças indesejadas, ele inicia uma jornada para superar Laura e seguir em frente com sua vida



Leia+

segunda-feira, 15 de abril de 2024

.: Crítica: "O Sabor da Vida" é história de amor pela culinária e cozinheira

Por: Mary Ellen Farias dos Santos

Em abril de 2024


O profundo amor entregue a cada prato. Eis uma singela pitada do filme francês "O Sabor da Vida", em cartaz na Cineflix Cinemas em Santos. A produção de 2h16 de duração, com direção do vietnamita Tran Anh Hung é um convite a praticar a calmaria de saborear os prazeres da vida. Assim, a dupla Eugenie (Juliette Binoche) e Dodin (Benoît Magimel), cozinheira e patrão há 20 anos, são desafiados por uma desagradável surpresa do destino que os coloca numa difícil corrida para desfrutar um da companhia do outro.

No entanto, na cozinha do renomado chef surge uma jovem figura com grande habilidade para apreciar e aprender as fazer os pratos que são irretocáveis obras de arte na telona: Pauline (Bonnie Chagneau-Ravoire). De paladar apurado, mesmo ainda estando em formação, por ainda ser criança, quando entra em cena, a Pauline da atriz mirim cativa, complementando a história de amor da dupla perfeita de protagonistas composta pelos talentosos Juliette Binoche ("Chocolate") e Benoît Magimel ("Memórias de Paris").


"O Sabor da Vida" não é um filme que deixa o público passar impune, seja pela história de amor do casal que abrange o ato de cozinhar, como também provocar fome, até em quem assiste a tudo do outro lado estando bem alimentado. A cada cena na cozinha que faz parecer levar o público aos bastidores de produções artísticas que servirão de refeição, há muita paz e cumplicidade. 

Assim, Eugenie e Dodin fazem parecer que quem assiste a tudo é convidado a acompanhar o passo-a-passo, mas sem a oportunidade de provar. Tanto é que, em certas sequências, a cozinha efervescente do casal deixa a sensação de que o cheiro ultrapassou a tela do cinema, o que remete outro longa francês, "Delicioso" ou o mais recente "Sob as Estrelas", sendo cada um com seu jeito tocante de tratar a culinária no cinema. Vale a pena conferir no elenco ainda tem Galatea Bellugi de "Tralala"!

Em parceria com o Cineflix Cinemas, o Resenhando.com assiste aos filmes em Santos, no primeiro andar do Miramar Shopping. O Cineclube do Cineflix traz uma série de vantagens, entre elas ir ao cinema com acompanhante quantas vezes quiser - um sonho para qualquer cinéfilo. Além disso, o Cinema traz uma série de projetos, que você pode conferir neste link. Compre seus ingressos no Cineflix Cinemas Santos aqui: vendaonline.cineflix.com.br/cinema/SAN

* Mary Ellen é editora do site cultural www.resenhando.com, jornalista, professora e roteirista, além de criadora do photonovelas.blogspot.com. Twitter:@maryellenfsm 


"O Sabor da Vida" ("La passion de Dodin Bouffant"). Ingressos on-line neste linkGênero: romance, dramaClassificação: 14 anos. Duração: 2h16. Ano: 2023. Idioma original: francês. Distribuidora: Diamond Films. Direção: Tran Anh Hung. Roteiro: Tran Anh Hung. Elenco: Juliette Binoche, Benoît Magimel, Emmanuel SalingerSinopse: A cozinheira Eugenie e seu patrão Dodin se afeiçoam ao longo de 20 anos, e seu romance dá origem a pratos que impressionam até chefs ilustres. Quando Dodin se depara com a relutância de Eugenie em se comprometer, ele começa a cozinhar para ela.
Trailer de "O Sabor da Vida"


Leia+

sexta-feira, 12 de abril de 2024

.: Crítica: "Ghostbusters: Apocalipse de Gelo" empolga com ação estilo anos 80

Por: Mary Ellen Farias dos Santos

Em abril de 2024


Novos desafios para os caçadores de fantasmas resolverem em plena era da modernidade tecnológica, usando o toque exato e saudosista dos anos 80. O novo filme em cartaz na Cineflix Cinemas, "Ghostbusters: Apocalipse de Gelo", sequência de "Ghostbusters: Mais Além", leva a família Spengler, composta por Phoebe (Mckenna Grace, "Anabelle 3: De Volta para Casa"), Trevor (Finn Wolfhard, "Stranger Things") e Callie (Carrie Coon, "Fargo"), ao lado de seu parceiro Mr. Gooberson (Paul Rudd, "Homem-Formiga") ao icônico quartel de Nova York, em que os Caça-Fantasmas originais atuaram nos anos de glória, ou seja, há 40 anos. 

Contudo, numa caçada problemática, Phoebe, de apenas 15 anos, é obrigada a passar para o banco de reserva em nome da distância da maioridade. Não tão longe dali, na própria loja de antiguidades, Ray Stantz (Dan Aykroyd, "Meu Primeiro Amor") recebe uma proposta de compra de Nadeem (Kumail Nanjiani, "Eternos"), que leva uma caixa com bugigangas desconhecidas, incluindo uma esfera que revela ter no mínimo um fantasma ali contido. 

O artefato antigo desencadeia uma força maligna com sede de acabar com a humanidade que precisa do empurrãozinho da fantasminha Melody (Emily Alyn Lind). Mesmo tendo o prefeito de Nova York fazendo de tudo para terminar de desmoralizar os Caça-Fantasmas, o perigo une os novos -incluindo os jovens- e antigos Caça-Fantasmas -claro, Peter Venkman (Bill Murray)- para salvar o mundo de uma segunda era glacial.


"Ghostbusters: Apocalipse de Gelo" acontece na telona de modo envolvente e empolgante, seguindo o estilo fantasia em seu auge dos anos 80 e 90. A produção de 1h56 reverencia o já falecido, Egon (Harold Allen Ramis) por mais vezes -novamente. Contudo, o longa deixa de lado o apelo emocional, como fez em "Ghostbusters: Mais Além" e parte para o melhor da ação dos caçadores de fantasmas usando uniformes, carregados de apetrechos e dirigindo a viatura Ecto em busca de diversos fantasmas perigosos.

Trazendo mais uma vez o fantasma comilão Geleia (com direito a homenagem ao cineasta, roteirista, produtor, ator e dublador eslovaco, Ivan Reitman, falecido em 2022), "Ghostbusters: Apocalipse de Gelo" insere diversos seres malignos, entre eles um que promete abalar as próximas histórias do grupo uma vez que ele é transmorfo e dá vida a objeto inanimados: o Possessor. 

É uma produção agradável de se assistir, fisga a ponto de fazer não perceber o tempo do longa passar, pois sempre entrega novas reviravoltas que despertam a curiosidade a respeito do desfecho. Com efeitos incríveis, "Ghostbusters: Apocalipse de Gelo" é para se assistir no melhor estilo, na telona do cinema. Imperdível!


Em parceria com o Cineflix Cinemas, o Resenhando.com assiste aos filmes em Santos, no primeiro andar do Miramar Shopping. O Cineclube do Cineflix traz uma série de vantagens, entre elas ir ao cinema com acompanhante quantas vezes quiser - um sonho para qualquer cinéfilo. Além disso, o Cinema traz uma série de projetos, que você pode conferir neste link. Compre seus ingressos no Cineflix Cinemas Santos aqui: vendaonline.cineflix.com.br/cinema/SAN

* Mary Ellen é editora do site cultural www.resenhando.com, jornalista, professora e roteirista, além de criadora do photonovelas.blogspot.com. Twitter:@maryellenfsm 


"Ghostbusters: Apocalipse de Gelo" ("Ghostbusters: Frozen Empire"). Ingressos on-line neste linkGênero: comédia, fantasiaClassificação: 12 anos. Duração: 1h56. Ano: 2023. Idioma original: inglês. Distribuidora: Sony Pictures Brasil. Direção: Gil Kenan. Roteiro: Gil Kenan, Jason Reitman. Elenco: Carrie Coon, McKenna Grace, Finn Wolfhard e Paul Rudd, Bill MurraySinopse: A família Spengler retorna ao icônico quartel de Nova York, onde os Caça-Fantasmas originais atuaram em seus anos de glória. Quando a descoberta de um artefato antigo desencadeia uma força maligna, novos e antigos Caça-Fantasmas precisam se unir para proteger seu lar e salvar o mundo de uma segunda era glacial.



Leia+

sábado, 6 de abril de 2024

.: Crônica: Ziraldo parte, mas o autêntico menino maluquinho deixa um legado

Ziraldo. Foto: Divulgação

Por: Mary Ellen Farias dos Santos

Em abril de 2024


A lenda partiu aos 91 anos para ser, definitivamente, eternizado entre as futuras gerações. Assim, fica o legado traçado com perfeição pelo gigante cartunista, chargista, pintor, escritor, dramaturgo, cartazista, caricaturista, poeta, cronista, desenhista, apresentador, humorista e jornalista brasileiro Ziraldo. 

De múltiplos talentos, o brasileiro, mineiro de Caratinga, deixa para muitos aquela figura que o público aguardava ver todos os dias a cada Bienal do Livro de São Paulo -assim como o também marcante Mauricio de Sousa. Era lindo de se ver admiradores rondando o tão gentil Ziraldo que sempre estava em algum estande dando autógrafos ou andando livremente pelo evento.

Na infância, entre os primeiros anos escolares, lembro da leitura da professora aos alunos de "Chapeuzinho Amarelo". Aquela capa do livro na mão da professora, enquanto ela lia a história da garotinha que tinha medo de tudo ajudava a fazer a imaginação embarcar na trama. Como passar impune a "Flicts"?!

Foi na minha primeira graduação, Comunicação Social com ênfase em Jornalismo que tive o prazer de conhecer a história revolucionária a qual ele fez parte, principalmente com "O Pasquim", semanário alternativo contra o regime militar. 

No MIS São Paulo, na megaexposição "Quadrinhos" lá estava um Ziraldo em 3D, num espaço com tantas criações do artista.

E pensar que, por esses dias,conversando com meu marido perguntei:

- Esse ano tem Bienal do Livro. Será que veremos Ziraldo e Mauricio de Sousa?! 

Para nós, ficam suas produções geniais. Valeu, Zap! Vá em paz Ziraldo! 

sexta-feira, 5 de abril de 2024

.: Crítica: "Uma Família Feliz" faz roer as unhas e entrega desfecho chocante

Por: Mary Ellen Farias dos Santos

Em abril de 2024


Até que ponto todos os membros de uma família se conhecem, de fato? O suspense nacional "Uma Família Feliz", com o roteiro de Raphael Montes aliado a direção de José Eduardo Belmonte, tem como resultado nas telonas da Cineflix Cinemas, uma trama de fazer roer as unhas que garante, com maestria, um desfecho chocante e cena pós-créditos de fazer cair o queixo. O longa nacional que soma 1h50 faz suspense para questionar acontecimentos assombrosos ocorridos debaixo do teto em que vivem Vicente (Reynaldo Gianecchini), Eva (Grazi Massafera), Sara (Luiza Antunes), Angela (Juliana Bim) e o recém-nascido Lucas.

O filme com narrativa não-linear, apresenta uma família com qualidade de vida acima da média, casa grande, de dois andares, em um condomínio fechado e uma decoração impecável. Tudo parece perfeito aos olhos alheios, inclusive na comemoração dos 10 anos das gêmeas, Angela e Sara. Contudo, a mudança se faz quando Eva, que trabalha com bebê reborn, dá a luz ao pequeno Lucas. 

Certo dia, aparece uma marca de machucado na barriguinha do bebê e a câmera da babá eletrônica apresenta defeito. Para se resguardar, Vicente, empresário que tenta lidar, sem saber muito bem, com a chegada do filho, as gêmeas e os afazeres de Eva, instala câmeras pela casa. No entanto, novos hematomas causam um reboliço no condomínio, após Eva e Vicente levarem as imagens para a diretora da escola de Sara e Angela.


Em meio a desdobramentos que permitem entender a estrutura da família da história, julgamentos diversos apontam Eva como a causadora de tamanho mal, fazendo com que Vicente tome medidas drásticas -embora também entre na lista de suspeitos do público. Assim, "Uma Família Feliz" estampa tabus -sempre tão bem jogados para debaixo do tapete pela sociedade-, incluindo a reviravolta impressionante de Eva.

"Uma Família Feliz" é o tipo de produção cinematográfica que provoca o público do início ao fim. Mostra detalhes escondendo outros. O filme audacioso, impressiona, além de dar orgulho por ser um longa brasileiro tão bem defendido pela dupla, Grazi Massafera e Reynaldo Gianecchini. O filmaço vale a pena ser conferido nos cinemas. Chega a ser recomendável assistir até duas vezes. A primeira para se surpreender e outra para analisar a crueldade da história. "Uma Família Feliz" é, definitivamente, imperdível!


Em parceria com o Cineflix Cinemas, o Resenhando.com assiste aos filmes em Santos, no primeiro andar do Miramar Shopping. O Cineclube do Cineflix traz uma série de vantagens, entre elas ir ao cinema com acompanhante quantas vezes quiser - um sonho para qualquer cinéfilo. Além disso, o Cinema traz uma série de projetos, que você pode conferir neste link. Compre seus ingressos no Cineflix Cinemas Santos aqui: vendaonline.cineflix.com.br/cinema/SAN

* Mary Ellen é editora do site cultural www.resenhando.com, jornalista, professora e roteirista, além de criadora do photonovelas.blogspot.com. Twitter:@maryellenfsm 

"Uma Família Feliz" ("nacional"). Ingressos on-line neste linkGênero: suspense, thriller, dramaClassificação: 16 anos. Duração: 1h50. Ano: 2023. Distribuidora: Pandora Filmes. Direção: José Eduardo Belmonte. Roteiro: Raphael Montes. Elenco: Grazi Massafera (Eva), Reynaldo Gianecchini  (Vicente), Juliana Bim, Luiza AntunesSinopse: Eva acabou de dar a luz ao seu terceiro filho e se depara com a angústia de uma depressão pós-parto em meio a uma supostamente perfeita. O ar tranquilo de sua família é invadido por acontecimentos estranhos quando suas filhas gêmeas aparecem machucadas. Eva é acusada pela comunidade.




Leia+

Postagens mais antigas → Página inicial
Tecnologia do Blogger.