domingo, 12 de janeiro de 2020

.: Caixa com quatro CDs reune os hits de Elvis Presley de 55 a 62


Por Luiz Gomes Otero, jornalista e crítico musical.

Se estivesse vivo, Elvis Presley teria completado 85 anos neste mês. Para não deixar passar em branco a data, foi lançada uma caixa com quatro CDs ("Elvis Presley - The Complete EP U.S. Collection") que reúne uma rica parte de sua produção musical realizada entre os anos de 1955 e 1962 nos Estados Unidos.
Por causa de seu conteúdo, a caixa acaba sendo um item importante para os fãs do eterno "Rei do Rock", que faleceu em 1977 aos 42 anos em sua mansão Graceland, nos Estados Unidos. As faixas contam com as canções gravadas com sua primeira banda de apoio, que tinha Scotty Moore (guitarra), D.J. Fontana (bateria) e Bill Black (baixo). São desse período as faixas "That´s All Right Mama", "Blue Moon Of Kentucky", "Good Rocking Tonight" e "Mystery Train", todas fundamentais para consolidar o que se chamaria rock´n roll mais tarde.
Da fase de seus filmes no cinema, a caixa reúne outras preciosidades como "Trouble" (uma das preferidas de Raul Seixas, seu fã confesso), "King Creole", "Jailhouse Rock" e "Love Me Tender", que ele cantaria até os últimos shows nos anos 70.
A caixa reúne outras curiosidades, como a versão de "Blueberry Hill", um hit de Fats Domino, além de seus hits imprescindíveis como "Don´t Be Cruel", "Heartbreak Hotel", "Tutti Frutti", "Blue Suede Shoes" e "My Baby Left Me", entre outros.
Com uma série de aparições bem-sucedidas na televisão e registros no topo das paradas, Elvis se tornou a figura principal do rock and roll nesse período. Suas interpretações e estilo de performance sexualmente provocante, combinadas com uma mistura singularmente potente de influências musicais o tornaram imensamente popular e controverso. Em novembro de 1956, Presley estreou no cinema em "Love Me Tender". Convocado para o serviço militar em 1958, Presley relançou sua carreira de gravador dois anos depois, passando a dedicar boa parte da década de 1960 a fazer filmes e álbuns de trilhas sonoras de Hollywood.
Em 1968, após um intervalo de sete anos, ele voltou ao palco no aclamado especial de retorno de televisão ("Elvis Comeback"), que o levou a um período prolongado de concertos em Las Vegas e uma série de turnês altamente lucrativas pelos Estados Unidos até o fim da vida.
"Trouble"

"Jailhouse Rock"

"Don't Be Cruel"

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.