sexta-feira, 19 de junho de 2020

.: Crítica musical: Ira! 2020 é rock nacional de qualidade

Por Luiz Gomes Otero, jornalista e crítico musical.

A banda Ira! está de volta com um novo álbum e treze canções inéditas. O novo trabalho mantém a sonoridade que consagrou a banda nos anos 80. E comprova o som do grupo permanece atual em pleno 2020. A banda conta com dois membros originais: O guitarrista Edgard Scandurra e o vocalista Nasi Valadão. O baixista Johnny Boy e o baterista Evaristo Pádua completam essa nova formação, que consegue executar as novas canções de forma convincente.

O principal núcleo criativo é Scandurra, sem sombra de dúvida. Ele assina as composições, algumas em parceria com outros autores, como Silvia Tape. A veia roqueira segue intacta em faixas como "Respostas", "Eu Desconfio de Mim" e "Você Me Toca".

Nasi e Scandurra parecem ter realmente esquecido as desavenças do passado que resultaram na paralisação das atividades da banda. A impressão para quem ouve o disco é que eles resolveram partir exatamente de onde tinham terminado. Há um interessante senso de continuidade, de manter o padrão estabelecido pelo grupo nos álbuns anteriores.

Ao invés de soar datado, o que se nota é o som da banda revigorado. O velho Ira! dos anos 80 permanece atual em 2020. Isso é um fato que pode ser facilmente constatado ao ouvirmos faixas como "O Amor Também Faz Errar", "A Nossa Amizade" e "Mulheres à Frente da Tropa".

Destaco aqui a ótima balada "Efeito Dominó", onde Nasi canta em dueto com Virginie Boutaud (vocalista da banda Metrô nos anos 80). Trata-se de uma canção com quase oito minutos,  na qual Virginie canta em francês a sua parte. A inusitada mescla ficou perfeita dentro dos padrões da banda.

O Ira! 2020 traz poucas novidades em relação ao que eles já fizeram antes. Isso acabou sendo positivo, porque conseguiram provar que o som da banda se encaixa perfeitamente nos padrões atuais. E é um alento em um período de vacas magras de lançamentos do rock nacional.


"O Amor Também Faz Errar"

"Efeito Dominó"

"Mulheres a Frente da Tropa"

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.