quinta-feira, 11 de junho de 2020

.: Jhonny Salaberg apresenta monólogo sobre racismo em live teatral


Em monólogo, menino negro corre o mundo inteiro com uma sacola de pães nas mãos depois de se chocar com um policial branco. Fotos: Noelia Nájera

Dentro de apresentações teatrais das lives #EmCasaComSesc, neste domingo, dia 14, o ator e dramaturgo Jhonny Salaberg, fundador do coletivo "O Bonde", grupo de pesquisa do teatro negro e suas diásporas contemporâneas, apresenta uma versão adaptada da premiada peça "Buraquinhos ou O Vento é Inimigo do Picumã". 

De sua autoria, o texto aborda o genocídio da população jovem, negra e periférica por meio do realismo fantástico. Narrado em primeira pessoa e dirigido por Naruna Costa, o monólogo aborda a trajetória de um menino negro - morador do bairro Guaianases, Zona Leste de São Paulo - que corre o mundo inteiro com uma sacola de pães nas mãos depois de se chocar com um policial branco. A peça pode ser assistida no YouTube do Sesc São Paulo youtube.com/sescsp -  e no Instagram do Sesc Ao Vivo - @sescaovivo - às 21h30.  

Promovidas pelo Sesc São Paulo, as apresentações - sempre às segundas, quartas, sextas e domingos às 21h30 - trazem monólogos interpretativos transmitidos diretamente da casa dos artistas. Já passaram pela série #EmCasaComSesc na categoria teatro os artistas Celso Frateschi, Georgette Fadel, Sérgio Mamberti, Ester Laccava, Jé Oliveira, Gustavo Gasparani, Lavínia Pannunzio, Grace Passô, Denise Weinberg, Cacá Carvalho, Bete Coelho, Gero Camilo, Eduardo Mossri, Cláudia Missura e Matheus Nachtergaele.

Para conferir a programação de teatro, basta acessar as páginas youtube.com/sescsp ou o novo endereço do Sesc São Paulo no Instagram criado especialmente para a série Sesc Ao Vivo instagram.com/sescaovivo, às segundas, quartas, sextas e domingos, sempre às 21h30.

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

#ResenhandoIndica

20 20 20
Tecnologia do Blogger.