sábado, 3 de outubro de 2020

.: Grátis: "O Som e a Sílaba", com Alessandra Maestrini e Mirna Rubim


Com texto e direção de Miguel Falabella e estrelada por Alessandra Maestrini e Mirna Rubim, montagem será apresentada na próxima quinta-feira, dia 8 de outubro, qàs 20h30. Espetáculo será transmitido ao vivo e gratuitamente, direto do Teatro Claro SP, pelos canais no YouTube do Sesc em Minas (SescemMinasGerais) e do Teatro Claro SP (TeatroClaroSP) e pelo Canal 500 da Claro TV.
 

O “Palco Instituto Unimed-BH em Casa” segue com a programação da sua 2ª temporada que, até o mês de novembro, terá realizado as apresentações gratuitas e online de cinco excelentes produções nacionais do teatro. A estreia ocorreu no dia 24 de setembro, com “Cauby, Uma Paixão”, com Diogo Vilela. Agora, o palco do Teatro Claro SP receberá um dos musicais nacionais mais celebrados e premiados, vencedor de 5 estatuetas e com 26 indicações nas principais premiações do país. “O Som e a Sílaba” (crítica neste link), texto de Miguel Falabella, especialmente concebido para Alessandra Maestrini e Mirna Rubim, será apresentado no dia 8 de outubro, quinta-feira, às 20h30.

“Interpretar um texto do Miguel escrito especialmente para nós é um prazer inenarrável e esta será uma oportunidade especial pois nunca havíamos nos apresentando no formato online, uma opção para que possamos continuar realizando teatro enquanto a experiência de estarmos presentes, ao vivo, e não somente virtualmente, não retoma o seu lugar de prestígio”, afirma Alessandra Maestrini.

“Um privilégio sem tamanho e uma responsabilidade gigante interpretar um texto do Miguel. Imagine o que o público deve pensar: ‘se o Miguel Falabella escreveu um texto exclusivamente para elas, é porque elas devem ser especiais. E aí você acaba se cobrando de ser para lá de especial em cada apresentação. A cobrança interna, consigo mesma, é gigante! Mas a gente vai aprendendo a lidar com as expectativas. Agora, na versão online, a responsabilidade acaba sendo maior. Nunca subi ao palco para uma transmissão ao vivo. Dou muitas aulas online em grupo e individuais, mas performance não. Mas estamos nos preparando e vai ser lindo”, diz Mirna Rubim.

A transmissão será gratuita e simultânea pelos canais no Youtube do Sesc em Minas (SescemMinasGerais) e do Teatro Claro SP (TeatroClaroSP) e pelo Canal 500 da Claro TV. O espetáculo contará com tradução de libras e áudio descrição para garantir o acesso das pessoas com deficiências auditivas e visuais. Durante a apresentação o público poderá fazer doações, por meio de QR Code, para o Mesa Brasil Sesc, programa de combate à fome e ao desperdício de alimentos promovido pelo Sesc.    

Fotografia: Priscilla Prade


“O Som e a Sílaba”
Com texto e direção de Miguel Falabella, “O Som e a Sílaba” celebra o mistério e a singularidade da mente humana, com um texto engraçado e comovente, cheio de afeto. O espetáculo vem acumulando estatuetas e indicações nas principais premiações do país (Bibi Ferreira, Reverência, Aplauso, Broadway World Brazil Award, Prêmio Imprensa Digital e Prêmio Musical Cast). No total, são 26 indicações e cinco prêmios recebidos, sendo:  2 de melhor roteiro original - Miguel Falabella; 1 de melhor direção - Miguel Falabella; 1 de melhor atriz - Alessandra Maestrini; e 1 de melhor figurino - Lígia Rocha e Marco Pacheco.

No texto, Falabella trata da relação entre Sarah Leighton (Alessandra Maestrini) e Leonor Delise (Mirna Rubim), duas mulheres muito diferentes. A primeira, jovem e com dificuldades em se enquadrar na sociedade, porém completamente única, por conta do diagnóstico de Síndrome de Asperger. Sarah é uma Savant: possui um autismo altamente funcional que, por um lado, lhe permite habilidades em algumas áreas, entre elas números e música; e que, por outro, faz com que ela se comunique com o mundo de uma maneira inusitada, gerando situações hilárias. 

Já a segunda, uma diva internacional da ópera com mais de 50 anos que, por acasos da vida, se tornou professora de canto. Direta, elegante, refinada e aparentemente bem resolvida. Aparentemente. Das diferenças, dos diálogos e situações divertidas entre duas pessoas de universos tão distintos, acaba nascendo uma cumplicidade; uma transforma a vida da outra, até que o público se pergunta: quem, de fato, está ensinando a quem?

Ficha Técnica - Texto e direção: Miguel Falabella. Elenco: Alessandra Maestrini e Mirna Rubim. Design de luz: Wagner Freire. Design de som: Mario Jorge Andrade. Figurinos: Ligia Rocha e Marco Pacheco. Visagismo: Wilson Eliodorio. Cenário: Zezinho Santos e Turíbio Santos. Produtora comercial: Carla Schvaitser. Direção de produção: Deco Gedeon. Realização: Maestrini Produções.

“Palco Instituto Unimed-BH em Casa”
O projeto é uma iniciativa da Pólobh, produtora sediada em Belo Horizonte, MG, tem patrocínio do Instituto Unimed-BH e do Programa Sociocultural Unimed-BH, viabilizado por mais de 5,1 mil médicos cooperados e colaboradores, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura. Tem realização do Ministério do Turismo e Governo Federal, patrocínio da Pottencial Seguradora e apoio cultural do Sesc em Minas e MIP Engenharia, promoção exclusiva da Rádio Alvorada e apoio da Coreto Cultural, Culturadoria, Fredizak, HBA, Jornal O Tempo, Rádio Super Notícia e SouBH.

Cuidado rigoroso
A produção dos espetáculos seguirá todos os protocolos e recomendações relacionados à prevenção da Covid-19 tais como a restrição do número de profissionais a trabalho nas montagens, o rigor no controle de circulação nas dependências do teatro (apenas pessoas a trabalho) e a medição da temperatura de todos os profissionais antes do acesso. 

Além disto, as áreas ocupadas serão frequentemente higienizadas, e haverá a disponibilização de álcool gel em diferentes setores, além da distribuição de máscaras para todos os envolvidos. Outras ações são a higienização do material antes de entrar no teatro (cenários, figurinos etc.), e o impedimento do consumo de alimentos e bebidas no local. Haverá, ainda, a presença de um bombeiro brigadista durante as atividades, para assegurar que todas as medidas serão cumpridas.

Instituto Unimed-BH
Associação sem fins lucrativos, o Instituto Unimed-BH, desde 2003, desenvolve projetos visando ampliar o acesso à cultura, estimular o bem-estar e a qualidade de vida das pessoas, valorizar espaços públicos e o meio ambiente. Ao longo de sua história, o Instituto destinou R$120 milhões ao setor cultural, por meio da Lei Municipal de Incentivo à Cultura e da Lei Federal de Incentivo à Cultura, viabilizado pelo patrocínio de mais de 5.100 médicos cooperados e colaboradores. No último ano, mais de 850 mil pessoas foram alcançadas por meio de projetos de cinco linhas de atuação: Comunidade, Voluntariado, Meio Ambiente, Adoção de Espaços Públicos e Cultura.

“Palco Instituto Unimed-BH em Casa” – 2ª Temporada
Espetáculo “O Som e a Sílaba” - Quinta-feira, dia 8 de outubro, às 20h30.

Gratuito | Transmissão ao vivo, pelos canais no YouTube do Sesc em Minas (SescemMinasGerais) e do Teatro Claro SP (TeatroClaroSP), e pelo Canal 500 da Claro TV.


← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

#ResenhandoIndica

20 20 20
Tecnologia do Blogger.