quinta-feira, 7 de fevereiro de 2019

.: Como perder tempo e se desgastar no Carrefour São Vicente

Por Mary Ellen Farias dos Santos*
Em fevereiro de 2019  


"Deve haver para tudo isso alguma explicação", está no refrão da canção "As coisas", interpretada por Érika Machado. Contudo, há estabelecimentos que levam isso extremamente a sério. E foi a vez de eu cair numa dessas e levar meu marido para tal experiência. Lá para o fim do mês de janeiro, no Carrefour São Vicente, encontrei camisetas de heróis em promoção. Ué! Sou pequena e caibo perfeitamente nelas, algumas até ficam largas. 

Na quarta-feira, 6 de fevereiro estávamos por lá e lembramos: Será que a promoção continua? Vamos pegar outras. Eis que desta vez a promoção estava em placas amarelas anunciando: "CAMISETA MC MSCL MARVEL", de R$ 25,99 por R$15,97, economize R$ 10,02.

Assim, eu e meu marido procuramos os modelos que me agradavam no tamanho e que cairiam como uma luva em mim e marcando os tais R$ 25,99. Afinal, ali nos anúncios amarelos, não havia qualquer código de barras, logo se conclui que a promoção era para produtos marcando tais preços nas etiquetas.



Eis que no caixa, passou uma, duas, três, dentro do valor do anúncio, mas a quarta marcou R$ 19,99, enquanto que a quinta R$ 25,99 e a sexta e última os R$15,97 das três primeiras. A atendente de caixa prontamente chamou a responsável para identificar o ocorrido, que por duas vezes me informou o valor diferenciado para as camisetas da bancada, embora todas ali tivessem sido retiradas das araras com cabides da loja.

Em tempo, as camisetas da bancada eram bem diferentes das que estava prestes a comprar. Eis que ela conferiu, mas ao retornar pediu para que eu a acompanhasse para mostrar as placas da promoção. Ainda diante dos anúncios em amarelo, fui informada de que as peças estavam misturadas, o que não era verdade, uma vez que ao retirar uma para compra, ficaram outras três idênticas -o que mostrei para ela. Estavam misturadas e juntinhas? Impossível!

Em meio a desculpas descabidas, a atendente alegou descaradamente que a camiseta registrada no caixa no valor de R$25,99, no marcador de preços da arara custava, na verdade R$29,99. Repetindo o mesmo para a outra registrada por R$ 19,99 -na arara em que havia muitas, muitas outras idênticas.

Antes de qualquer dúvida, todas as camisetas eram Marvel e estavam em cabides, não dobradas em qualquer bancada. Delas, cinco eram do "Homem-Aranha" e uma de "Os Vingadores". 

Ao fim, diante de tamanho desrespeito do Carrefour São Vicente, deixei as duas camisetas que havia provado e decidido comprar. Ali, aprendi que é extremamente desgastante perder tempo diante das propagandas enganosas que levam a lugar nenhum.


*Mary Ellen Farias dos Santos é criadora e editora do portal cultural Resenhando.com. É formada em Comunicação Social - Jornalismo, pós-graduada em Literatura e licenciada em Letras pela UniSantos - Universidade Católica de Santos. Twitter: @maryellenfsm


← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.