terça-feira, 17 de março de 2020

.: Cinco pontos para entender a minissérie "The Plot Against America"


A série baseada no romance de Philip Roth "The Plot Against America", com adaptação de David Simon e protagonizada por Winona Ryder, John Turturro e Zoe Kazan, estreia hoje, 16 de março, às 22h na HBO e na HBO Go.

A produção conta uma história alternativa ambientada durante a Segunda Guerra Mundial, em que Franklin D. Roosevelt não conseguiu seu terceiro mandato como presidente dos Estados Unidos sendo derrotado pelo piloto pró-nazismo Charles Lindbergh. Para entender este mundo criado por Roth apresentamos cinco pontos fundamentais sobre a trama de "The Plot Against America" .


Um país em que Franklin D. Roosevelt não conseguiu vencer sua terceira eleição presidencial
"The Plot Against America" se desenvolve em um contexto ficcional alternativo à vitória do democrata norte-americano Franklin D. Roosevelt nas eleições presidenciais de 1940. No mundo real, Roosevelt conquistou seu terceiro mandato, mas na história de Philip Roth, adaptada por David Simon para a HBO, o presidente eleito será o piloto norte-americano Charles Lindbergh, promotor do fascismo e da xenofobia.


Charles Lindbergh, o verdadeiro herói
Charles Lindbergh fez parte da Força Aérea norte-americana e se tornou "herói" após realizar um voo transatlântico no seu avião, o Spirit of St. Louis. A história diz que os norte-americanos o admiravam por suas façanhas, mas também que, por ser abertamente pró-Hitler, ele perdeu vários cargos importantes que havia conquistado. Em "The Plot Against America", Lindbergh, simpatizante do nazismo, foi eleito presidente com grande apoio dos seus compatriotas, afirmando que se manteria fora da guerra e que os judeus norte-americanos seriam desleais aos interesses do país e incentivavam o conflito.


União familiar no meio do caos
Elizabeth "Bess" Levin (Zoe Kazan), uma dona de casa e esposa dedicada, tem medo do futuro por causa do clima político nos Estados Unidos com a ascensão de Lindbergh. Ela só pensa em proteger a sua família de todas as maneiras possíveis, apesar de o marido, Herman Levin (Morgan Spector), tentar tranquilizá-la. Os Levin acabarão vendo de perto o poder de Lindbergh no seu relacionamento com o rabino Lionel Bengelsdorf (John Turturro), que foi cooptado pelo líder para divulgar a mensagem do líder.


Não existe sonho americano
Em "The Plot Against America", as famílias judias norte-americanas devem enfrentar a rejeição, a xenofobia e o antissemitismo promovidos pelo líder eleito no país mais poderoso do mundo. Vemos Bess (Zoe Kazan) educar a família de forma cautelosa em meio ao crescente antagonismo provocado pela vitória de Lindbergh.


As relações intrafamiliares, fundamentais nas histórias da HBO
A união familiar será fundamental em meio a um ambiente hostil apresentado em "The Plot Against America", onde o futuro não parece promissor. Essa questão da união familiar e os relacionamentos presentes nessa dinâmica são marcas das séries da HBO no desenvolvimento de tramas únicas.

Em "Sharp Objects", por exemplo, a jornalista Camille Preaker tem uma relação complexa com a mãe. Em "The Outsider", Ralph Anderson lida não só com a morte do filho, mas também com o fato de ter acusado injustamente um homem de assassinato, e seu único refúgio é sua mulher, que começa a lhe mostrar o caminho para resolver o mistério.

"Watchmen" é outra das séries que, além de dinâmicas familiares complexas - com Angela Abar sem pais e com três filhos adotados -, exibe um mundo alternativo. E em "Big Little Lies" as questões mais profundas são as relações conjugais e familiares em meio a casos de abuso sexual, assédio e mentiras.

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.