terça-feira, 18 de agosto de 2020

.: Sexto episódio do "Top Chef" é o primeiro gravado durante a pandemia

Sexto episódio do "Top Chef Brasil" é o primeiro inteiramente gravado durante a pandemia e de segurança por causa da pandemia. Foto: divulgação/Record TV

Nesta quarta-feira, dia 19, vai ao ar o sexto episódio do "Top Chef," o primeiro a ser totalmente gravado seguindo os protocolos de segurança e saúde em decorrência da pandemia do novo coronavírus. A atração, comandada por Felipe Bronze, paralisou em março as gravações, que só foram retomadas no dia 25 de julho.

No sexto episódio, os dez participantes que permanecem na competição - ninguém foi eliminado na semana passada - serão divididos em duas equipes para o "Teste de Fogo". Nesta etapa do jogo, tendo como tema Comida de Boteco, precisarão fazer cinco pratos: um de carne, um de peixe ou frutos do mar, um vegetariano, molhos para cada um dos preparos e uma sobremesa. 

Os times serão os mesmos do quinto episódio, com Marê, Lucas, Maiara, Lara e César formando o Azul; e Bruno, Luciana, Michele, Natália e Taty compondo o Laranja. Mas um detalhe poderá ser fundamental para o resultado do Teste de Fogo: como a equipe Azul venceu o último desafio, neste Teste de Fogo ela poderá assistir à equipe Laranja cozinhando antes dela, tendo mais tempo para pensar, por exemplo, no cardápio.

Já no "Desafio de Eliminação", os participantes do time perdedor do Teste de Fogo se enfrentam individualmente. O objetivo é preparar um PF, o popular prato feito, com arroz, feijão, uma proteína (que pode ser animal ou não) e vegetais. Paralelamente à pressão da competição imposta pelo apresentador Felipe Bronze e os jurados, Ailin Aleixo e Emmanuel Bassoleil, a convivência na casa também poderá influenciar o decorrer da disputa. A formação das chamadas "panelinhas" está cada vez mais nítida, e participantes como Luciana, Taty e César não poupam críticas a Bruno, por exemplo.

O "Top Chef" reúne 14 cozinheiros de olho no prêmio de R$ 300 mil e no título de o mais novo Top Chef Brasil. São, ao todo, 12 episódios, sempre exibidos às quartas-feiras, que, além de mostrarem toda a habilidade e o jogo de cintura dos competidores na cozinha, exibem a convivência deles na mansão "Top Chef". Aliás, o dia a dia desses cozinheiros nesta casa é mais explorado nesta segunda temporada. 

Em cada episódio, são disputadas duas provas. No "Teste de Fogo", os cozinheiros se enfrentam, em grupo ou individualmente, para garantir uma vantagem, que pode ser até mesmo uma imunidade. O "Desafio de Eliminação" é a última oportunidade para garantir a continuidade ou não de um participante no jogo. Uma diferença em relação à primeira temporada é que o vencedor da prova do Desafio de Eliminação ganha a Faca de Ouro, um poder extra especial já a partir do próximo episódio, fato que pode ser crucial no jogo. Quem for eliminado arruma as facas e volta para casa.

As gravações da segunda temporada do "Top Chef" tiveram início em março deste ano, mas precisaram ser interrompidas devido à pandemia do coronavírus e à necessidade do isolamento social. O reality show voltou a ser gravado no dia 25 de julho. Os participantes, que são os mesmos selecionados daquele período, passaram por todos os protocolos de segurança para voltarem à disputa, não só no cenário da cozinha como no confinamento do programa.  

Criado nos Estados Unidos em 2006, o "Top Chef" já foi adaptado para mais de 20 países, incluindo França, Itália, Portugal, Espanha, Holanda, Canadá e México, entre outros. Trata-se de um formato original da Bravo Media LLC, distribuído pela NBCUniversal. No Brasil, a Floresta é a licenciante e a produtora do programa baseado no formato de sucesso. O "Top Chef" vai ao ar às quartas-feiras, às 22h30, com direção do núcleo de realities de Rodrigo Carelli e direção-geral de Chica Barros.

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

#ResenhandoIndica

20 20 20
Tecnologia do Blogger.