terça-feira, 2 de abril de 2019

.: Crônica da minha primeira passagem na Japan House, em São Paulo

Foto: Divulgação

Por: Mary Ellen Farias dos Santos
Em abril de 2019



Há tempos que a minha primeira visita a Japan House está nos planos de quando fosse passear em São Paulo e estivesse na Avenida Paulista. Eis que o momento tão esperando, chegou, ainda na correria -íamos assistir duas peças, sendo que a primeira começaria às 14h30.

Assim, eu e maridão, adentramos o espaço, que oferece entrada gratuita e nos encantamos com a atual exposição "Architecture for Dogs". Muitas obras divertidas, bonitas e, o principal, úteis. Já no primeiro andar, as peças estão disponíveis com uma bela iluminação e de modo extremamente harmônico, mas é no último andar que a outra parte da exposição está.

No entanto, ao descer a escada, para seguir nosso trajeto, um hall com a porta de vidro aberta e permitia que visse mais detalhes da fachada do prédio, com uma plantação de bambus. Claro que tirei fotos minhas com maridão e da @donatellafisherburg

Tal qual um furacão, uma senhora passou por mim em busca de algo exótico, provavelmente. Uma outra, do lado de fora, perguntou esticando a cabeça e passando os olhos por tudo: O que tem aí? Ao retornar e tomar sentido para a saída, respondeu: Só bambus!

Confesso que foi automático. Lembrei da boa e velha piada feita ao apresentador Silvio Santos. O que fazer com aqueles bambus, não é mesmo? O negócio é rir para não chorar!!


*Mary Ellen Farias dos Santos é criadora e editora do portal cultural Resenhando.com. É formada em Comunicação Social - Jornalismo, pós-graduada em Literatura e licenciada em Letras pela UniSantos - Universidade Católica de Santos. Twitter: @maryellenfsm


← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

Um comentário:

  1. No Twitter:

    JAPAN HOUSE SP


    @japanhousesp 3 de abr

    Em resposta a @Resenhando @japanhouseldn e 4 outros

    Adoramos a crônica!
    A área de bambus é conhecida no japão como Engawa, que são as "varandas" japonesas. A natureza é responsável pela transição entre o lado interno e externo da casa.

    ResponderExcluir

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.
 
google.com, pub-3645003449125371, DIRECT, f08c47fec0942fa0 subdomain=subdomain.resenhando.com subdomain=subdomain.www.resenhando.com