sexta-feira, 5 de julho de 2019

.: Para não perder "Merlin e Arthur: Um Sonho de Liberdade", em São Paulo



Foto: Camila Mira 

Por Mary Ellen Farias dos Santos*
Em junho de 2019



Toca Raul! Quem não ouviu esse pedido num bom show de rock que jogue a primeira pedra. Eis que o teatro musical foi presenteado com a obra do mestre da "sociedade alternativa", 
que completa 30 anos de morte esse ano, em "Merlin e Arthur: Um Sonho de Liberdade", que está em cartaz no Teatro Frei Caneca, em São Paulo, de sexta a domingoAo som de Raul Seixas, numa seleção do melhor do rock nacional, o espetáculo da produtora Aventura, com excelente texto, apresenta a lenda celta do cavaleiro da Távola Redonda e seu conselheiro Merlin. 

O espetáculo é indiscutivelmente arrebatador. Além de brincar de modo surpreendente com as projeções que ampliam para o público o talento de Vera Holtz na pele de Merlin, apresenta o famoso triângulo amoroso do Rei Arthur, Guinevere e Lancelot. Trio que aparece ora jovem, ora adulto, incluindo encontros do "eu" do passado com o "eu" do presente. Nós do Resenhando.com assistimos e preparamos uma lista com 11 motivos para não perder o musical. Confira!


1. O espetáculo musical, embalado pelas canções de Raul Seixas, é uma aula de amor, resistência, ideais, batalhas, liberdade e sonhos.


2. É uma produção cheia de tecnologia que faz uso da melhor forma de projeções no palco, seja ao estampar um Merlin gigante e, por vezes, múltiplo, interpretado pela atriz Vera Holtz ou ao criar um ambiente de outras dimensões, com um toque lírico.

3. O texto de Márcia Zanelatto é um primor, envolve o público na trama e ainda permite que os atores brilhem no palco. Envolve o público com maestria!

4. Além da projeção gigante de Vera Holtz, como Merlin, em cena estão Paulinho Moska, Larissa Bracher, Gustavo Machado, Patrick Amstalden, KacauGomes, Rodrigo Salvadoretti, Natália Glanz, Saulo Segreto, Gabi Porto, Ubiracy Brasil, Santiago Villalba, Fernanda Gabriela, Daniel Haidar, Oscar Fabião, Laíze Câmara, Thainá Gallo, Dennis Pinheiro, Renato Caetano, Paola Poliny, Leonam Moraes, Carol Pita e Félix Boisson.

5. Embora a lenda do Rei Arthur seja focada no triângulo amoroso de Guinevere (Larissa Bracher e Natália Glanz), Arthur (Paulinho Moska e Rodrigo Salvadoretti) e Lancelot (Gustavo Machado e Saulo Segreto), há espaço para o talento da dupla de vilões Dreadmor (Patrick Amstalden) e Anamorg (Kacau Gomes)

6. As canções de Raul Seixas é que estabelecem o elo diante de cada acontecimento da lenda. Entre as músicas interpretadas, com orquestra e atores afinadíssimos estão "Gita", "Maluco Beleza", "Mosca na Sopa", "Eu Sou Egoísta" "A Maçã" e "Metamorfose Ambulante".

7. A excelência e harmonia do sexteto de protagonistas em cada cena é impressionante. Seja quando atuam no tempo presente ou passado. Tudo é de suspirar!

8. Os vilões são cruéis, mas cômicos. Assim, Dreadmor (Patrick Amstalden, o velho e o príncipe encantado de "Natasha, Pierre e o Grande Cometa de 1812") e Anamorg (Kacau Gomes, a dubladora da protagonista de "A Princesa e o Sapo"), refletem o lado escuro dos antagonistas, com cenas divertidíssimas.


Foto: Caio Gallucci

9. Os figurinos cheios de detalhes e brilhos de João Pimenta só aperfeiçoam ainda mais a atuação do elenco no palco, assim como o visagismo de Fernando Torquatto

10. "Merlin e Arthur: Um Sonho de Liberdade" concebido e dirigido por Guilherme Leme Garcia, de “Romeu e Julieta” ao som de Marisa Monte, é pura magia e poesia musicada fascinante. Imperdível!

11. Está em cartaz no Teatro Frei Caneca, que fica dentro do Shopping Frei Caneca, não tão longe da Avenida Paulista.


Ficha Técnica:
Concepção e direção: Guilherme Leme Garcia
Texto: Márcia Zanelatto
Elenco: Vera Holtz, Paulinho Moska, Larissa Bracher, Gustavo Machado, Patrick Amstalden, KacauGomes, Rodrigo Salvadoretti, Natália Glanz, Saulo Segreto, Gabi Porto, Ubiracy Brasil, Santiago Villalba, Fernanda Gabriela, Daniel Haidar, Oscar Fabião, Laíze Câmara, Thainá Gallo, Dennis Pinheiro, Renato Caetano, Paola Poliny, Leonam Moraes, Carol Pita e Félix Boisson
Direção musical e arranjos: Fabio Cardia e Jules Vandystadt
Direção de Movimento e Coreografia: Toni Rodrigues
Set design, cenografia, iluminação e videodesign: Anna Turra, Camila Schmidt e Roger Velloso
Figurino: João Pimenta
Visagismo: Fernando Torquatto
Desenho de som: Carlos Esteves
Produção de elenco: Marcela Altberg


Merlin e Arthur, Um Sonho de Liberdade
Temporada: de 7 de junho a 18 de agosto de 2019
Sextas 20h
Sábados 16h e 20h
Domingos 19h
Duração: 2h15min + 15 minutos de intervalo
Classificação Indicativa: Livre


*Mary Ellen Farias dos Santos é criadora e editora do portal cultural Resenhando.com. É formada em Comunicação Social - Jornalismo, pós-graduada em Literatura e licenciada em Letras pela UniSantos - Universidade Católica de Santos. Twitter: @maryellenfsm




Encerramento do espetáculo no Teatro Frei Caneca

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.
 
google.com, pub-3645003449125371, DIRECT, f08c47fec0942fa0 subdomain=subdomain.resenhando.com subdomain=subdomain.www.resenhando.com