quarta-feira, 25 de setembro de 2019

.: Estreia: AHS 1984 apresenta a história do acampamento Redwood

Por: Mary Ellen Farias dos Santos
Em setembro de 2019


A nona temporada de "American Horror Story: 1984", exibida no dia 18, na FX gringa, começa com o episódio "Camp Redwood" e, tal qual uma clássica história de terror, apresenta jovens, sexo, drogas e matança. E claro, o sangue começa a jorrar justamente no momento de prazer, não de um casal, mas de um trisal de 1970. 

Na sequência, a abertura que foi divulgada pelo próprio Ryan Murphy, dias antes da estreia, passa longe dos habituais enigmas sexuais das temporadas anteriores. Com letreiros em neon, para o nome do elenco, itens de sucesso da época como tênis All Star cano alto, colãs, polainas, gravador em fita k-7, videocassete, com um toque soturno ditado pela música e sangue espirrando ou escorrendo na tela.



Na maior estilo "Let´s get Physical", numa academia com o look adequado para a época, o professor e também ator Xavier Plympton (Cody Fern) comanda a turma na aeróbica ao som de New Edition com "This is the End". Entre os alunos estão a assanhada Montana Duke (Billie Lourd), Ray Powell (DeRon Horton), o galã Chet Clancy (Gus Kenworthy) e a recatada Brooke Thompson (Emma Roberts).



Não há como negar que Cody Fern assume bem o posto que seria de Evan Peters, que está fora dessa temporada. Tal qual um George Michael no quesito roupas e brinco de uma orelha só, Xavier Plympton é quem costura e resgata a trama do passado. Seja por introduzir o tema assassinato ou por, literalmente, levar os jovenzinhos para o lugar que promete mais acontecimentos -provavelmente horripilantes. Afinal, já no primeiro episódio, o assassino do Acampamento Redwood retorna à ativa e até dá as caras: Benjamin Richter/ Sr. Jingles (John Carroll Lynch, o inesquecível palhaço Twisty de "American Horror Story: Freakshow")



Com Lynch de volta ao posto do vilão, cabe ao ex-professor de Espanhol, da série "Glee", Mathew Morrison interpretar o adulto garanhão do acampamento. Trevor Kirchner que vai caiu matando em Montana Duke (Billie Lourd) até mesmo pagou bundinha, no lago. Há ainda espaço para algumas pitadas de humor. Como não rir do volume de Trevor? Um rostinho conhecido de outra série é Angelica Ross, que veio diretamente de "Pose" para socorrer as vítimas do acampamento. Aqui, ela é a enfermeira Rita.

Enfim, muitos elementos dos sucessos de terror já surgiram na trama. O perfil dos personagens, a mocinha virgem, por exemplo, a edição de imagens, quando o Sr. Jingles é filmado numa inversão de tela, ou seja, ele surge por cima da tela, além da sonoplastia e a trilha sonora que casa perfeitamente, cada trecho das músicas coincide com as falas e situações em que surgem. Melhor que isso? Impossível! A temporada promete!!




Resumo: O ano é 1984, novata na cidade, Brooke Thompson faz amigos na aula de aeróbica, quando fica sabendo dos ataques do Night Stalker. Eis que, naquela noite, a mocinha tem a casa invadida e opta por deixar a cidade no verão para trabalhar como conselheira no Acampamento Redwood, ao lado dos novos amigos da aula de dança aeróbica. Antes de chegarem ao destino, na estrada, atropelam um caminhante e oferecem socorro no acampamento, os cuidados são da enfermeira do acampamento: Rita. A proprietária do lugar, Margaret Booth, leva o grupo para um tour pelos jardins. Contudo, é ao redor da fogueira que a história do massacre em 1970 é contada por Margaret, a única sobrevivente do ocorrido. Assim, o nome do assassino surge: o jardineiro Benjamin Richter, conhecido como Sr. Jingles. Brooke vê o caminhante morto, mas o corpo não é encontrado. 

Episódio: "Camp Redwood" 
Exibição: 18 de setembro de 2019
Elenco: Emma Roberts (Brooke Thompson), Billie Lourd (Montana Duke), Leslie Grossman (Margaret Booth), Cody Fern (Xavier Plympton), Matthew Morrison (Trevor Kirchner), Gus Kenworthy (Chet Clancy), John Carroll Lynch (Benjamin Richter / Sr. Jingles), Angelica Ross (Enfermeira Rita), Zach Villa (Richard Ramirez), DeRon Horton (Ray Powell), Tara Karsian (Chefe Bertie), Orla Brady (Dr.ª Hopple).


*Mary Ellen Farias dos Santos é criadora e editora do portal cultural Resenhando.com. É formada em Comunicação Social - Jornalismo, pós-graduada em Literatura e licenciada em Letras pela UniSantos - Universidade Católica de Santos. Twitter: @maryellenfsm


← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.
 
google.com, pub-3645003449125371, DIRECT, f08c47fec0942fa0