sexta-feira, 20 de setembro de 2019

.: "Castelo Rá-Tim-Bum, o Musical" em 11 motivos para não perder

Foto divulgação: Caio Gallucci 

Por: Mary Ellen Farias dos Santos
Em setembro de 2019


"Castelo Rá-Tim-Bum", programa televisivo brasileiro, exibido na TV Cultura, que estreou há 25 anos. Já famoso, o clássico infantil chegou aos palcos do teatro com "Castelo Rá-Tim-Bum, o Musical", agradou o público em 2017 e voltou com apresentações até esse final de semana, dia 22 de setembro, no Theatro NET São Paulo, que fica dentro do Shopping Olímpia. Para você conferir e, inclusive, rever o espetáculo, nós do Portal Resenhando.com elaboramos uma lista com 11 motivos para não perder o musical infantil. Confira!


1. Aos fãs, reencontrar Nino e sua turma é uma verdadeira viagem nostálgica ao melhor das memórias afetivas dos adultos de hoje.

2. O cenário da área externa e interna do castelo, diante dos olhos do público, é uma visão emocionante. Sem dúvida é a concretização de vários sonhos infantis -de 1 a 100 anos. Há um encantamento instantâneo devido a perfeição dos detalhes aproximados ao castelo da série televisiva.

3. Os intérpretes de Nino (Roberto Rocha), Dr. Victor (Duda Mamberti), Morgana (Alessandra Vertamatti), Pedro (Lipe Volpato), Biba (Karol Nascimento) e Zequinha (Raphael Souza) brilham no palco ao apresentar a narrativa em grande estilo "Castelo Rá-Tim-Bum".

4. Na trama teatral, há muita história também para o nefasto Doutor Abobrinha (Igor Pushinov), Celeste (Rodrigo Fernando), Mau (Enrico Verta), Tap (Enrico Verta) e Flap (Fernando Rubro), Adelaide (Vânia Canot), Gato Pintado (Everton Granado), o Ratinho (Everton Granado), Caipora (Mari Rosinski), Dina (Bia Freitas), Penélope (Lia Canineu), Bongô (Fernanda Rubro) e Etevaldo (Everton Granado). 

5. Com os personagens inesquecíveis, ouvir e cantar novamente as músicas "Ratinho Tomando Banho", "Que Som é Esse?" e "Lavar as Mãos", por exemplo, completam o resgate da infância dos adultos e fascinam os pequenos que aplaudem e até dançam junto.

6. Os bonecos de Jésus Sêda são fieis. Desde a cobra Celeste, passando pelo Gato Pintado e até o Ratinho, que aqui não é de massinha, mas grande o suficiente para empolgar a plateia com as canções "Ratinho Tomando Banho" e "Ratinho Escovando os Dentes".

7. Apresenta o figurino fiel ao estilo colorido vibrante do programa infantil.

8. A coreografia de Thiago Jansen contagia o público infantil instantaneamente -incluindo os adultos.

9. Além das clássicas músicas de "Castelo Rá-Tim-Bum", o musical apresenta novas canções, por Paulo Ocanha.

10. A impostação nas vozes dos atores que manipulam os bonecos é perfeita e extremamente similar as vozes dos personagens originais.

11. Após o espetáculo, rever os episódios da série será uma certeza. O melhor é que podem ser assistidos, de graça, no YouTube, com resolução de qualidade. Aqui: Castelo Rá-Tim-Bum


Ficha Técnica
Texto: Juliano Marceano. Direção: Léo Rommano. Elenco: Nino - Roberto Rocha, Dr. Vítor - Duda Mamberti, Morgana - Alessandra Vertamatti, Abobrinha - Igor Pushinov, Biba - Karol Nascimento, Pedro - Lipe Volpato, Zequinha - Raphael Souza e Bruno Barros, Adelaide - Vânia Canto, Caipora - Mari Rosinski, Passarinha - Aline Serra, Passarinha - Maitê Cunha, Penélope - Lia Canineu, Celeste - Rodrigo Fernando, Bongô/Flap - Fernando Rubro, Mau/Tap/Tíbio - Enrico Verta, Godofredo - José Dias,Porteiro/Perônio/Relógio - Gabriel Ebling, Etevaldo/Ratinho/Gato - Everton Granado, Swing/Dance Captain - Bia Freitas.
Músicas e Letras Inéditas: Paulo Ocanha. Direção Musical: Paulo Nogueira.Coreografia: Thiago Jansen. Arranjos e Orquestração: Ruben Di Souza. Cenário: Marcelo Oka, Alexandre Thallinger, Luciane Grecco Ferreira, Antônio Cesar. Adaptação de Cenário: Márcia Pires. Adaptação de Cenário: Paula de Paoli. Figurinos: Carlos Alberto Gardin, Isabela Teles. Adaptação de Figurino:Eliana Liu. Visagismo: Antônio Vanfill. Confecção de Bonecos: Jésus Sêda.

Serviço
"Castelo Rá-Tim-Bum – O Musical". Até dia 22 de setembro, no Theatro NET São Paulo – Shopping Vila Olímpia, 5º andar – R. Olimpíadas, 360. Temporada: de 9 de agosto até 22 de setembro. Horários: sexta, às 20h30; sábado, às 16h e às 20h; domingo, às 18h. Classificação: livre. Duração: 110 minutos.Capacidade: 800 lugares. Site: www.theatronetsaopaulo.com.br. Ingressos:R$ 120 (inteira) e R$ 60 (meia) – Plateia Central. R$ 100 (inteira) e R$ 50 (meia) – Plateia Lateral. R$ 80 (inteira) e R$ 40 (meia) – Balcão Nobre. R$ 50 (inteira) e R$ 25 (meia) - Balcão.


Acessibilidade. Estacionamento no Shopping - Convencional. Até 2 horas - R$ 13 / Demais (por hora) + R$ 3,50. Motos: Até 2 horas - R$ 9,00 / Demais (por hora) + R$ 3,50. Horário do funcionamento da bilheteria: segunda a sábado, das 10h às 22h; e domingo, das 10h às 20h30. Formas de pagamento: Todos os cartões de crédito, débito e vale cultura. Não aceita cheques. Clientes NET têm 50% de desconto na compra de até quatro ingressos.

*Mary Ellen Farias dos Santos é criadora e editora do portal cultural Resenhando.com. É formada em Comunicação Social - Jornalismo, pós-graduada em Literatura e licenciada em Letras pela UniSantos - Universidade Católica de Santos. Twitter: @maryellenfsm




Encerramento do espetáculo no Theatro NET São Paulo


← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.