domingo, 1 de dezembro de 2019

.: "Batman 80 - A Exposição", em São Paulo, é 100% imperdível

Foto: divulgação

Por: Mary Ellen Farias dos Santos
Em dezembro de 2019 



"É sempre lindo andar na cidade de São Paulo", já canta "Premeditando o Breque (Premê)". E, até o dia 15 de dezembro, o Memorial da América Latina abriga a inédita "Batman 80 – A exposição", que comemora os 80 anos do herói de Gotham City. Com curadoria de Ivan Freitas da Costa - colecionador e sócio-fundador da CCXP e da Chiaroscuro Studios -, o acervo também apresenta itens da coleção de Marcio Escoteiro, maior colecionador do morcegão do país e um dos maiores do mundo. 

Já do lado de fora, há três veículos expostos, diante de um gigante painel, dois do Batman e um do Coringa. No espaço, o público entra na Mansão Wayne, com a mesa posta, pode se alimentar da história do herói, por meio de uma linha do tempo dos momentos históricos em paralelo aos lançamentos dos gibis. A exposição que gera uma experiência imersiva e inesquecível, permite visitar os lugares mais famosos de Gotham City e conhecer seus ilustres habitantes, assim como suas moradias, desde Batcaverna ao covil do Coringa. 

A Batcaverna, que abriga um terceiro Batmóvel, apresenta a incrível sala de controle, em que é possível tirar fotos com o visitante assumindo o comando, na poltrona. Outro grande destaque do ambiente é a réplica da roupa do Batman mais recente, interpretado por Ben Affleck, em "Batman vs Superman" "Liga da Justiça".


No Asilo Arkham, pelo corredor o público transita entre criminosos como Duas-Caras, Pinguim, O Espantalho, Hera Venenosa, Arlequina, Ventríloquo. Diante da cela de cada interno, os visitantes visualizam exemplares de gibis, estátuas e botoeiras que quando acionadas transmitem sonoramente reflexões e ameaças dos respectivos vilões -com as vozes clássicas dos dubladores que todo fã ama.


Uma sala menor, mas extremamente atrativa é a do Batsinal que inclui uma boneca rara da Batgirl, telefone com mensagens do Batman, mapa interativo de Gothan City e muito mais. O covil do Coringa é extremamente atraente com espelhos que geram ilusão de ótica e garantem a diversão do público, paredões com "criancinhas" e muitos "HA! HA! HA!", além de um Fusca que é um aquário. 


Com entrada e saída decoradas por correntes penduradas, a sala rosa bebê é a da Mulher-Gato. Entre os detalhes dos itens expostos, é possível sentar na poltrona da gatuna e posar diante da janela em movimento ou ser a própria personagem tirando uma selfie. A exposição, que tem um espaço para a Arlequina (Harley Quinn), também permite que o visitante seja a personagem da DC e até mantenha as rédeas das hienas.

Além da cenografia, exposição de rico acervo de quadrinhos, assim como diversos itens raros, há placas com textos explicativos sobre evolução e a importância do Homem-Morcego em braile. Outro ponto positivo da organização, está na indicação no chão, como na Mansão Wayne, para tirar as melhores fotos, enquadrando todo o espaço. A equipe que acompanha a passagem do público ajuda no registro das fotos. 

E como tudo o que é maravilhoso uma hora acaba, ao sair de "Batman 80 - A Exposição", os visitantes podem conhecer a loja com produtos oficiais, incluindo itens de edição limitada, criados exclusivamente para a exposição. Não perca!








*Mary Ellen Farias dos Santos é criadora e editora do portal cultural Resenhando.com. É formada em Comunicação Social - Jornalismo, pós-graduada em Literatura e licenciada em Letras pela UniSantos - Universidade Católica de Santos. Twitter: @maryellenfsm
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.
 
google.com, pub-3645003449125371, DIRECT, f08c47fec0942fa0