sexta-feira, 17 de abril de 2020

.: Shows da última turnê da banda Cream são relançados em CD


Por Luiz Gomes Otero, jornalista e crítico musical.

Uma caixa com quatro discos reúne shows da última turnê do grupo Cream realizada nos Estados Unidos e na Inglaterra em 1968. O álbum "Cream Goodbye Tour" conta com registros que até então não estavam disponíveis para o grande público.

Para quem não sabe, o Cream foi formado nos anos 60 por Jack Bruce (baixo), Eric Clapton (guitrarra) e Ginger Baker (bateria). O nome ("A Nata", em tradução aproximada) era significativo, pois os três eram músicos virtuosos e talentosos em seus instrumentos. Gravaram apenas quatro discos. Mas deixaram um legado inestimável para o rock, ou o que chamamos de hard rock.

O tipo de som que o trio produzia era uma mistura única de blues com hard rock e toques de rock psicodélico.  No final, a banda acabava promovendo longas jam sessions em seus shows, que mais pareciam exibicionismo dos músicos.

Os sons de cada instrumento preenchiam todos os espaços. Baker era um músico com formação jazzística e muita influência de percussão africana. Jack Bruce tinha no blues e no jazz a sua formação principal. Clapton nunca deixou de citar o blues como o norte principal de formação musical. Mas no Cream ele literalmente deu asas para a criatividade nos solos de sua guitarra. Não havia limite para a nata do rock.

É difícil descrever a importância do grupo que tinha músicos como Jimi Hendrix entre seus fãs. Foi uma época bastante produtiva, sobretudo para Clapton, que cresceu ainda mais como músico ao lado de outras duas feras.

O repertório dos shows conta com os clássicos "White Room" e "Sunshine Of Your Love", além da versão arrasa-quarteirão de "Crossroads" (de Robert Johnson) e canções autorais da banda, como "I´m So Glad" e "Deserted Cities of the Heart".

Para quem acompanha o grupo, aviso que essa caixa é item essencial para completar a coleção. Depois dessa turnê. Esta coleção histórica foi produzida por Bill Levenson. Os concertos no Oakland Coliseum, Los Angeles Forum e San Diego Sports Arena foram masterizados a partir das bobinas analógicas originais de 1968 de Kevin Reeves na Universal Mastering. O show do Royal Albert Hall foi masterizado a partir dos rolos de transferência analógicos originais de 1968 por Jason NeSmith no Chase Park Transduction.


"Crossroads"

"Sunshine Of Your Love"

"I´m So Glad"

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

Tecnologia do Blogger.