quarta-feira, 20 de maio de 2020

.: Documentário "Um Crime Entre Nós" gera debates por onde passa


O documentário “Um Crime Entre Nós”, produzido e idealizado pela Maria Farinha Filmes, Instituto Liberta e Instituto Alana, faz um alerta sobre o cenário da exploração sexual infantil no Brasil. Estima-se que este crime afete cerca de 500 mil crianças e adolescentes ao ano no país, isso significa que, em média, são mais de mil casos por dia. 

No entanto, apenas dez por cento são notificados às autoridades, segundo a Childhood Brasil, uma das organizações apoiadoras do filme. A produção, que traz depoimentos de ativistas, agentes da justiça e figuras como Drauzio Varella, Gail Dines, Jout Jout e Luciano Huck, investiga os motivos que posicionam o Brasil em segundo lugar entre os países com maior número de ocorrências de Exploração Sexual Infantil, de acordo com The Freedom Fund.

“Um Crime Entre Nós” ressalta que crianças de Norte a Sul são exploradas diariamente em benefício de adultos que as veem como troca mercantil, porém a desigualdade social e racial é um grande fator para o crime. Impossível sair de uma sessão desse filme sem um resquício de choque.

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe-nos uma mensagem.

#ResenhandoIndica

20 20 20
Tecnologia do Blogger.